Estudo realizado na Universidade da Califórnia revela os efeitos da curiosidade no processo de aprendizagem

Você sabia que a curiosidade é tão importante quanto a inteligência? É o que revelou pesquisa realizada recentemente na Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos. Os autores realizaram experimentos para descobrir o que acontece no cérebro quando a curiosidade é despertada.

Por meio de ressonâncias magnéticas e observação, a pesquisa avaliou quão curiosos os participantes estavam para saber as respostas de mais de 100 perguntas triviais, tais como “Qual música dos Beatles ficou mais tempo nas paradas?” ou “O que realmente significa o termo ‘dinossauro’?”.

O resultado do estudo mostrou que a curiosidade ajuda a aprender informações que não são consideradas tão interessantes ou importantes, pois coloca o cérebro em um estado que lhe permite reter qualquer tipo de informação. Quando instigados por perguntas, mostrou a pesquisa, os indivíduos se tornam mais aptos a aprender e lembrar informações completamente independentes.

Outro benefício de instigar a curiosidade é que a ação ativa no cérebro o circuito relacionado a recompensas e prazer. Esse circuito depende da dopamina, que quando liberada contribui para a sensação de bem-estar e ajuda no processo de aprendizagem.

Fonte: Porvir

Beatriz Abrantes

Cursando jornalismo, é apaixonada pela profissão e por inventar receitas em sua cozinha. Faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi, focada em SEO. A Bia adora dançar, participa de ONG’S de proteção aos animais e ama passar tempo vendo filmes. Conheça mais os seus textos!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!