Veja a opinião do prof. Douglas

Nada como fazer uma revisão após aprender os conteúdos de uma matéria, não é mesmo? Esse momento é muito útil para fixar as informações e termos certeza que todos os detalhes ficarão guardados na nossa memória. 

Mas as dúvidas são: em que frequência devemos fazer a revisão? Devemos optar por uma revisão diária? Ou seria melhor fazer uma revisão mensal? Para responder essas perguntas, perguntamos ao prof. Douglas. 

A opinião do prof Douglas é que não devemos delimitar um tempo específico, mas sim seguir um processo de aprendizagem com algumas etapas. Então, em vez de você seguir uma regularidade, ele recomenda este passo a passo: 
 


 

“O aluno deve seguir o Plano de Estudos. Então, quando ele estiver assistindo à aula, ele já faz as suas anotações e monta um resumo. Ele deve continuar a trilha de atividades e fazer os exercícios de fixação. Terminando a tarefa mínima, ele deve fazer os exercícios mais aprofundados”, afirma o prof. 

Douglas explica que você precisará de um material de apoio para resolver os “problemas mais aprofundados”. Uma sugestão do professor é utilizar o seu resumo e compará-lo ao resumo em pdf disponibilizado no site, pelo o Stoodi.

Muito provavelmente aparecerão dúvidas ao longo do processo. Assim que você notar algum questionamento ou incerteza: é a hora de assistir às aulas de revisão. 

“A dúvida é muito saudável”, declara o prof. de Física. “O aluno tem que entender que ele não conseguir fazer algo significa que alguma parte do conteúdo não foi assimilada, então ele precisa identificar onde está a dúvida dele”, completa Douglas. 

Neste momento, você vai ter que começar a investigar onde está problema. Uma coisa que pode te ajudar muito nessa procura é olhar o seu caderno e descobrir o que está faltando na explicação. 

Então, depois de fazer toda essa sequência, após assistir às aulas de revisão e anotar os questionamentos, o ideal é levar as dúvidas às monitorias e conseguir vencer esse impasse. 

Você percebe que a revisão entrou no esquema para reforçar uma ideia e ajudá-lo a encontrar suas dificuldades? Ela contribui para a fixação do conteúdo e ainda evita que você se depare com uma dúvida no momento do vestibular. 

“Não é interessante fazer a revisão logo depois de ver a matéria, porque o aluno vai assistir a duas aulas muito parecidas e o conteúdo vai estar fresco. O ideal é que ele veja a revisão após a sequência de exercícios e entenda, de verdade, a matéria”, finaliza o professor.

Laura Loyo

Jornalista, ama uma roda de samba e ficar por dentro de todas as novidades. A Laura faz parte do time de Marketing e Conteúdo, e é conhecida como a Laura do Stoodi! Ela busca ter uma vida mais ativa, ama uma conversa de bar e adora comer comida de boteco. Saiba mais sobre a Laurinha!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!