De aluno para aluno: confira como Louyse, Welisson e Rubio estão estudando nessa reta final para o Enem

Aluno do Stoodi, Rúbio Pimenta, revisando a matéria 
 

Faltam exatamente 2 meses para o Enem 2017 e existe uma dúvida que não quer calar: ainda dá tempo para estudar para o exame? 

A resposta é: claro que sim. Nesses dois meses, dá para aprender novos conteúdos e revisar a matéria – você só precisa se organizar direitinho para otimizar a rotina de estudos. 

Está precisando de ajuda? Fique tranquilo, nós pedimos um help para os nossos próprios alunos – eles vão revelar as dicas mais quentes de quem se dedica todos os dias e tem experiência no assunto. 

Veja o que fazer para aproveitar os 2 meses de estudos antes do Enem e conheça os vestibulandos: 
 

Louyse Morais tem 17 anos e está aproveitando todo o seu foco para estudar nessa reta final – a estudante vai prestar vestibular para concorrer a uma vaga de Medicina. De acordo com ela, esse é o momento para focar nas matérias que você ainda não domina. 

Veja as dicas de Louyse: 

1. Estudar as disciplinas que você tem mais dificuldade

Agora é a hora de “Só focar nos assuntos que você tem mais dificuldades”. Segundo a vestibulanda, uma boa técnica de estudos é  assistir às resoluções das questões (para ver como o professor faz na prática) e tentar refazer o exercício sozinho. 

2. Resolver provas antigas

O Enem possui um formato muito específico. Para entender o “jeitão” da prova, nada melhor do que resolver os exames anteriores. A dica da estudante é “Resolver todas as provas anteriores, incluindo PPL – porque são do mesmo nível das outras aplicações do Enem e é sempre válido”.
 

Welisson Barbosa, de 18 anos, também vai prestar Medicina. Para ele, o período do segundo semestre serve para você estudar os tópicos que mais caem no vestibular. 

Confira as dicas do aluno: 

1. Estudar as matérias que mais caem no Enem

Para se ter uma ideia de como Welisson leva isso a sério, o estudante montou um cronograma a partir de pesquisas realizadas na internet com análises de provas anteriores. “É preciso filtrar o que mais cai”, afirma ele. Desta forma, o estudo fica mais direcionado. 

2. Fazer a revisão aumentando a velocidade do vídeo 

Um dos recursos disponibilizados pelo o Stoodi é a alteração da velocidade das videoaulas – os alunos podem reduzir ou aumentar. Para ganhar tempo, Welisson sugere que o aluno utilize esse recurso. 

3. Focar em exercícios

Para ele, tudo isso deve ser combinado com muita resolução de exercícios. Desta forma, você pode aplicar as teorias e resolver eventuais dúvidas. 

4. Analisar os erros nas provas anteriores 

Welisson também considera uma boa estratégia resolver as provas antigas do Enem. A ideia dele é “Deixar outubro somente para as provas anteriores e focar nas matérias que mais errou durante o estudo”. 
 

Rubio Pimenta, de 28 anos, vai prestar Medicina e manda muito bem em Redação. 

Ele explica que costuma estudar lendo sobre atualidades e temas pertinentes no momento, “Por exemplo, reformas do ensino médio, previdenciária e trabalhista, internação compulsória, cracolândia, eleições de outros países, redes sociais, desigualdade social, preconceito, etc”. Além disso, o vestibulando procura textos de filósofos e sociólogos para anotar citações e conceitos que possam servir para esses temas.

Suas dicas para a Redação do Enem são: 

1. Treinar a escrita

Para treinar a escrita não tem jeito: é preciso escrever diversas redações. É importante se atentar à estrutura textual e gênero solicitado. Desta forma, a cada vez que você escreve, você aprende novas particularidades da redação do Enem. 

2. Ler conteúdos atuais

Para escrever sobre um tema e se posicionar a respeito dele, é preciso ter repertório cultural para embasar seus argumentos. Com a leitura de conteúdo atual, você entra em contato com uma série de exemplos concretos que podem dar peso a sua argumentação. 

Você pode encontrar esse tipo de informação em jornais, revistas, pesquisas, entre outros. 

3. Estudar a estrutura do texto 

Uma coisa que muita gente se esquece é de estudar a parte teórica de Redação. É preciso conhecer os formatos e fazer um planejamento do texto antes de escrever.

“Descubra qual é a estrutura de texto que mais se sente à vontade de escrever (dentro dos quesitos do ENEM)”, finaliza o Rúbio Pimenta. 
 

Beatriz Abrantes

Cursando jornalismo, é apaixonada pela profissão e por inventar receitas em sua cozinha. Faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi, focada em SEO. A Bia adora dançar, participa de ONG’S de proteção aos animais e ama passar tempo vendo filmes. Conheça mais os seus textos!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!