Tudo o que você precisa saber para chegar preparado

No próximo domingo, dia 25 de novembro, acontece a 1ª fase da Fuvest. Aqui você irá encontrar as informações mais importantes para chegar preparado para o dia da prova, sem correr o risco de esquecer documentos ou levar algo que é proibido.

A Fuvest é o processo seletivo utilizado pela Universidade de São Paulo (USP) e pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa. Veja tudo o que você precisa saber antes de ir para o seu local de prova:

Como funciona a Fuvest?

O processo seletivo da Fuvest funciona em duas fases.

A prova da 1ª fase da Fuvest é realizada em apenas um domingo. Ela é composta de 90 questões de múltipla escolha, com apenas uma resposta correta.

A prova é de conhecimentos gerais e traz questões de conteúdos apresentados durante a formação do candidato nas matérias de Biologia, Química, Física, Matemática, Geografia, História, Português e Química.

Algumas das questões apresentadas podem ser interdisciplinares, ou seja, elas podem ser classificadas como sendo de matérias diferentes ao mesmo tempo. A duração da prova é de 5 horas nesse primeiro domingo.

Quando sai o resultado da 1ª fase?

O resultado com os candidatos classificados para a 2ª fase será divulgado no dia 10 de dezembro, junto com os locais de prova.

Como posso conferir o meu local de prova?

Para ficar sabendo onde você irá realizar a prova, basta acessar o site oficial da Fuvest.

Qual o horário recomendado para chegar ao local da prova?

Programe-se para estar no local onde você fará a prova até as 12h30. Isso garante que você terá tempo para chegar, se ambientar e relaxar um pouco, antes de iniciar a prova.

Fique atento ao horário de fechamento dos portões, que será às 13h. A partir das 16h, o candidato poderá deixar a sala.

O que eu posso levar para a prova?

  • Documentos de identidade (RG, Carteira de Motorista com foto, Carteira de Trabalho e Previdência Social, Passaporte, documentos expedidos por Ordens ou Conselhos Profissionais, Registro Nacional de Estrangeiros (RNE) e protocolo provisório de cidadão que solicitou refúgio no país)
  • Caneta esferográfica azul ou preta – a prova deve ser feita a tinta, porém é permitido o uso de lápis ou lapiseira para rascunho
  • Borracha
  • Apontador
  • Régua
  • Compasso
  • Água
  • Alimentos leves

O que é proibido no local de prova?

  • Documentos como Título de Eleitor, Certidão de Nascimento ou Carteira Escolar
  • Relógios
  • Equipamentos eletrônicos como calculadora, celular, reprodutor de áudio, ponto eletrônico e similares.
  • Anotações
  • Corretivos
  • Caneta hidrográfica
  • Caneta marca-texto
  • Boné ou qualquer outro tipo de chapéu
  • Fone de ouvidos ou similares

O que posso esperar de cada matéria?

Língua Portuguesa

Na prova de Português você vai ter que mostrar que você consegue ler, compreender e interpretar de forma crítica os textos que forem apresentados. Será avaliado também a sua capacidade de mobilizar conhecimentos linguísticos na produção de textos.

Por isso, é muito importante que você domine a norma culta da língua escrita e conheça as variedades linguísticas.

Literatura – Obras Obrigatórias

Todo ano, a Fuvest solta uma lista com os livros que serão citados pelo vestibular. A desse ano possui 9 obras obrigatórias, veja quais são elas:

Inglês

A parte de Inglês possui cinco questões, baseadas em detalhes pontuais do texto. Os textos são sobre temas atuais, mas você não deve deixar com que o seu senso comum e seu conhecimento de mundo auxiliem na resolução da questão.

Sabe por quê? Essa é a maior pegadinha. Então faça a interpretação com cuidado e atente-se a esse detalhe.

Biologia

Você não deve se desesperar em decorar a terminologia biográfica, nem detalhes dos processos bioquímicos. O que a Fuvest espera que você tenha são os conhecimentos fundamentais da Biologia para compreender a vida como uma manifestação dos sistemas organizados e integrados.

A Biologia está aí para vermos como tudo faz parte de uma evolução e de constante mudança. Por isso, “Espera-se que o candidato conheça os fundamentos básicos da investigação científica, que ele compreenda e interprete impactos do desenvolvimento científico e tecnológico na sociedade e no ambiente”, diz o edital.

Física

A Fuvest não espera que você decore todas as fórmulas, mas ela quer saber se você consegue compreender onde elas são usada – e o porquê.

“Seu conhecimento físico deve ser entendido como um instrumento para a compreensão do mundo que o rodeia”, diz o edital. Agora na primeira fase, o vestibular vai focar em questões mais básicas.

Química

Em Química, o vestibular vai atestar a sua capacidade de observar e descrever fenômenos, relacionando os materiais e as transformações químicas ao sistema produtivo e ao meio ambiente.

“Espera-se que o vestibulando tenha conhecimento de equações usuais e de nomes e fórmulas químicas das substâncias mais comuns. Os modelos atômicos deverão restringir-se apenas aos clássicos, não incluindo os modelos quânticos (orbitais atômicos, moleculares e hibridização)”, diz o edital.

Sabe aquela pergunta comum? Sim, você precisará conhecer os elementos da Tabela Periódica. Outro ponto importante é dominar os cálculos estequiométricos, envolvendo grandezas como massa, volume, massa molar, quantidade de matéria, entalpia etc.

Já em relação à Química Orgânica, você precisa demonstrar a  capacidade de reconhecer grupos funcionais e de entender os principais tipos de reações, sabendo aplicá-los aos compostos mais simples.

Quer uma dica? Revise as propriedades e os usos de algumas substâncias relevantes para a atividade humana, como o petróleo, gás natural, álcoois, sabões e detergentes, macromoléculas naturais e sintéticas.

Matemática

Para mandar bem em matemática, você precisa mostrar que sabe ler e interpretar gráficos e outras formas de linguagem matemática.

“Será priorizada a avaliação da capacidade de raciocínio, sem dar ênfase à memorização de fórmulas, à mecanização de técnicas ou a cálculos excessivos, desvinculados de contexto significativo ou de aplicações relevantes, dentro ou fora da Matemática”, segundo o edital. Ou seja, espere por questões contextualizadas e mais próximas do seu dia a dia.

História

Diferente do ENEM que retrata muito a História do Brasil, este vestibular também contará com questões da História das Américas e História Geral – com enfoque no Mediterrâneo e na Europa.

De acordo com o edital, espera-se que você saiba relacionar acontecimentos históricos com o tempo presente. Outro ponto muito importante é você ter o senso crítico e consciência que o passado pode ser conhecido através das mais variadas fontes, que vão muito além dos documentos oficiais.

Uma dica legal é sempre pensar no contexto antes de responder às questões – isso evita que você caia em pegadinhas.

Além disso, a prova de HIstória da Fuvest cobra muito mais conteúdo do candidato do que a prova do Enem. São questões mais objetivas, que requerem um conhecimento mais aprofundado sobre os temas.

Geografia

Por fim, em Geografia você precisa mostrar que conhece as características da nossa sociedade e natureza, muito relacionado aos temas de Geografia Humana. Isso sem esquecer da parte física, de relevo, clima e transformações

É preciso ter compreensão do mundo atual por meio dos processos de transformação que o trabalho social imprime à natureza, e ter conhecimento da realidade brasileira, de forma geral.

Agora é hora de focar na preparação final e chegar com tudo para arrasar nessa prova e conseguir uma boa nota para participar da 2ª fase.

Boa prova!

Luiz Serpa

Jornalista, corredor, amante de futebol americano e integrante do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi. Prefere ser chamado de “Serpa” e é apaixonado por cachorros.

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!