Veja quais as áreas de engenhria que você pode seguir e quais as melhores universidades!

A escolha de uma profissão na fase pré-vestibular é uma decisão bastante complexa e que costuma gerar muitas dúvidas e inseguranças nos candidatos. Talvez a dificuldade também ocorra porque existe uma tendência em nos limitarmos apenas àquelas carreiras mais tradicionais, às vezes influenciados pela história da própria família.

Porém as oportunidades de sucesso são bem amplas e diversificadas. Você que pretende ser engenheiro, por exemplo, já avaliou a quantidade de tipos de Engenharia que existem? Engenharia Civil, Engenharia de Produção e Engenharia Química são apenas algumas das mais populares. Entretanto, ainda há novas tendências a serem descobertas.

Pois bem, podemos adiantar que elas são muitas! E para que você entenda melhor sobre cada uma delas, trouxemos no post de hoje tudo que você precisa saber sobre o tema. Boa leitura!

O que é Engenharia?

A Engenharia é a área do conhecimento voltada para o ensino da aplicação de métodos científicos empíricos, a fim de aproveitar os recursos encontrados na natureza e transformá-los em algum benefício para o ser humano. Podemos entender essa ciência como o emprego de metodologias científicas, econômica e sociais capazes de proporcionar uma melhor qualidade de vida à coletividade.

Qual o símbolo que representa o curso?

O símbolo do curso de Engenharia é formado por uma engrenagem com a figura da deusa Minerva no seu interior, a deusa romana da sabedoria e aprendizagem. Embora esse seja o seu emblema tradicional, a Engenharia se subdivide em muitos ramos e, naturalmente, cada um deles insere elementos específicos para composição do seu símbolo.

Dessa forma, o símbolo da Engenharia Civil vai ser um, o da Engenharia Florestal outro, o da Engenharia de Produção outro e assim por diante.

Qual a história da Engenharia?

O conceito de Engenharia surgiu nos primórdios das civilizações, a partir do momento em que ser humano aprimorou suas habilidades intelectuais e começou a desenvolver itens que facilitariam o seu dia a dia — como a invenção da roda, as ferramentas de guerra, as pirâmides.

A ciência da Engenharia, portanto, foi evoluindo conforme as necessidades de cada sociedade. Hoje, ela tem aplicação nos mais variados setores da economia: científico, social, econômico, tecnológico. Entretanto, o intuito continua o mesmo. Consiste na aplicação dos conhecimentos para criar, aperfeiçoar, implementar novas utilidades que potencializem o aproveitamento dos recursos e proporcionem melhor qualidade de vida.

Quais os principais tipos de engenharia?

Engenharia Civil

engenheiro engenharia

A Engenharia Civil é a área responsável pelas obras de construção de prédios, casas, hospitais, estradas, etc. Todo tipo de edificação de estruturas físicas requer a atuação desse profissional. É ele quem vai calcular a resistência dos materiais utilizados, a influência de fatores externos sobre a construção, dentre outros encargos.

Para quem está à procura de um curso de Engenharia Civil, vale considerar as seguintes universidades:

  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Universidade Federal do Pará (UFPA);
  • Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Engenharia de Produção

Os engenheiros de produção são os incumbidos pelo gerenciamento dos recursos humanos, financeiros e materiais da empresa. Assim, eles delimitam as melhores estratégias para a interação dos equipamentos com a mão de obra e a matéria-prima.

A ideia é proporcionar o aumento da produtividade, simultaneamente ao nível de qualidade dos produtos comercializados — sem perder de vista a potencialização dos lucros. Dentre os cursos mais bem avaliados da área, destacamos:

  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Engenharia Elétrica

No curso de Engenharia Elétrica serão trabalhadas habilidades para o desenvolvimento de componentes eletrônicos, especialmente quanto aos processos de geração e distribuição de energia elétrica.

Dentre os desafios aos quais esse profissional pode se submeter, encontram-se a construção de usinas hidrelétricas, termelétricas e nucleares. Não podemos deixar de mencionar que o setor de telecomunicações também faz parte das atribuições do engenheiro elétrico.

Os cursos com melhores notas estão nas seguintes universidades:

  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA);
  • Instituto Militar de Engenharia;
  • Fundação Universidade Federal do ABC.

Engenharia Ambiental

A Engenharia Ambiental é o ramo da engenharia que trabalha com a análise e uso dos recursos naturais na execução de obras públicas de infraestrutura, verifica os níveis de poluição gerados pelas indústrias, efetua ações de preservação de reservas naturais, bem como o tratamento daquelas já degradadas pela ação do homem.

Assim, o engenheiro ambiental conta com um leque de oportunidades de emprego nos mais variados setores da economia — público, privado, grandes ou pequenos negócios. Algumas das mais importantes faculdades deste curso são:

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal da Bahia (UFBA);
  • Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

Engenharia da Computação

O curso de Engenharia da Computação desenvolve a capacidade dos seus alunos em projetar e construir equipamentos de hardware e software. Isso significa que serão trabalhados tanto componentes físicos e respectivos periféricos — monitor, teclado, mouse — como também a integração dos circuitos eletrônicos da máquina: instalação de sistemas, conexão desses equipamentos em rede, etc.

O engenheiro da computação também se encarrega da criação de programas de computadores e aplicativos, do gerenciamento, automação industrial e robótica. São os principais ramos de atuação: a informática, a indústria automobilística, o setor de telecomunicações e a indústria farmacêutica.

Para selecionar boas faculdades que oferecem o curso, você pode analisar:

  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA);
  • Universidade Estácio de Sá (UNESA);
  • Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL);
  • Universidade Cidade de São Paulo (UNICID).

Engenharia Química

A faculdade de Engenharia Química é voltada para a criação de técnicas de extração ou obtenção de matérias-primas. Tudo isso com base na utilização de produtos químicos destinados à formação dos mais variados tipos de mercadorias.

O engenheiro químico pode trabalhar em indústrias alimentícias, de cosméticos, usinas, estações de tratamento de rejeitos industriais, sendo também responsável por projetar e dirigir esses estabelecimentos.

O ranking de melhores cursos de Engenharia Química é formado por:

  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Engenharia de Software

A Engenharia de Software é um ramo mais específico da Ciência da Computação voltado para o ensino de ferramentas de produção e desenvolvimento dos sistemas de softwares. Todavia, não é somente da parte de criação que esse profissional está encarregado.

O papel do engenheiro de software também consiste no gerenciamento de projetos que utilizam como base essas ferramentas. Lembrando que estar ligado às tendências de mercado e inovações tecnológicas é de extrema importância para sua carreira. Os interessados pela área podem encontrar o curso nas seguintes universidades:

  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Universidade Federal de Goiás (UFG).

Engenharia de Alimentos

A formação de Engenharia de Alimentos ocupa-se de todas as fases de produção dos alimentos industrializados. Relaciona-se, portanto, com os processos de fabricação, conservação, armazenamento e transporte dessas mercadorias.

Um engenheiro de alimentos também pode se encarregar do desenvolvimento e teste de novas fórmulas que garantam melhor valor nutricional, sabor e qualidade aos alimentos. Ademais, em sua atuação nas indústrias do setor alimentício, esse profissional tem responsabilidade com a utilização de tecnologias sustentáveis e técnicas de aproveitamento de resíduos.

O curso de Engenharia de Alimentos, assim como os demais cursos de Engenharia, tem a duração média de 4 anos e pode ser encontrado na:

  • Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri;
  • Universidade Federal de Viçosa (UFV);
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR).

Engenharia Florestal

A Engenharia Florestal é um ramo do conhecimento focado no estudo da dinâmica dos ecossistemas e, a partir daí, trabalhar no desenvolvimento de projetos que equilibrem a exploração dos recursos florestais com o mínimo de impacto ambiental.

O engenheiro florestal tem a possibilidade de atuar com a ecologia aplicada, por meio de análise e gerenciamento de parques e reservas florestais, sempre com o intuito de preservar os recursos naturais de determinada área e, ainda, recuperar regiões que encontra-se em fase de degradação.

Além disso, o engenheiro florestal exerce um papel importante de fiscalização, isto é, supervisionar as empresas que utilizam produtos de origem florestal como fonte de matéria-prima.

Confira a seguir, algumas das principais universidades que oferecem o curso de Engenharia Florestal:

  • Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT);
  • Universidade Federal do Piauí (UFPI);
  • Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva (FAIT);
  • Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR).

Engenharia Genética

A atividade de geneticista diz respeito à pesquisa e manipulação de materiais genéticos, com o intuito de identificar e combater doenças, acompanhar a evolução das características genéticas das espécies e trabalhar para o aperfeiçoamento delas.

No entanto, é importante destacar que não existe um curso de graduação em Engenharia Genética. As pessoas que desejam trabalhar com essa área precisam, em primeiro lugar, buscar uma faculdade de Medicina ou de Biologia. Lembrando que as intervenções clínicas somente são permitidas aos médicos.

Engenharia Agronômica

A Engenharia Agronômica, ou simplesmente agronomia, é o curso que fornece uma base de conhecimentos para a melhoria da produção agrícola, isto é, o estudo e a aplicação das técnicas mais modernas de irrigação, adubação, fertilidade das terras, ações para recuperação do solo danificado pelo homem ou efeitos climáticos.

As atividades do engenheiro agrônomo também contemplam o aperfeiçoamento na criação de animais, a chamada Zootecnia. Nessa área o profissional é responsável pelos cuidados com a saúde, alimentação, manejo e demais necessidades do animal até o ponto do abate.

No geral, as oportunidades de trabalho para esse engenheiro estão concentradas no campo. Apesar disso, ele também pode prestar seus serviços no gerenciamento de escritórios do agronegócio.

No topo da lista dos cursos mais conceituados de Engenharia Agronômica no Brasil, encontram-se:

  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Universidade Federal de Goiás (UFG);
  • Universidade Federal de Lavras (UFLA);
  • Universidade Federal de Viçosa (UFV).

Engenharia Aeronáutica

A carreira do engenheiro aeronáutico tem como foco as aeronaves. Ele participa desde a criação do projeto, passando pelas etapas de fabricação até a manutenção. Com relação à parte de planejamento, ele define a escolha dos materiais a serem utilizados, executa o protótipo das peças e testa cada uma delas antes de autorizar a produção industrial em escala.

É também o engenheiro aeronáutico o responsável por definir os mecanismos de funcionamento das aeronaves: motores, alimentação de combustível, instrumentos de controle, pressurização da cabine, dentre outros.

O engenheiro aeronáutico tem ainda a chance de optar em seguir a carreira militar, hipótese em que atuará junto à Força Aérea Brasileira, seja no gerenciamento do tráfego aéreo, na construção de aeroportos e demais medidas de infraestrutura. As principais faculdades são:

  • Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU);
  • Faculdade de Tecnologia de São José dos Campos (ETEP).

Engenharia de Materiais

planejamento engenharia

Na Engenharia de Materiais, o acadêmico vai aprender sobre a seleção de matéria-prima e respectivos métodos de produção de determinados materiais, tais como ligas metálicas, cerâmicas, resinas, plásticos etc.

Esse tipo de qualificação pode ser encontrada na:

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade de São Carlos (UFSCar).

Engenharia de Controle e Automação

A Engenharia de Controle e Automação tem como propósito a formação de profissionais para o planejamento, desenvolvimento e operação de ferramentas e sistemas, a fim de automatizar processos até então realizados manualmente. Isso significa estudar novas formas de tornar qualquer negócio mais produtivo.

O engenheiro de controle e automação reúne conhecimentos de robótica industrial, modelagem de sistemas automatizados e acionamentos hidráulicos. Ou seja, ele será responsável pelo planejamento e fabricação de máquinas e sistemas de otimização para todos os tipos de indústrias: automotiva, alimentícia, têxtil, construção civil, mineração, eletrônica.

As faculdades de Engenharia de Controle e Automação reconhecidas e mais bem avaliadas pelo MEC são:

  • Universidade Estácio de Sá (UNESA);
  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA);
  • Faculdades Integradas Pitágoras (PITÁGORAS).

Engenharia de Aquicultura ou da Pesca

A Engenharia de Aquicultura nada mais é do que a Engenharia de Pesca, ou seja, o curso destinado ao estudo que envolve todos os cuidados relacionados à criação de animais aquáticos em cativeiro.

O engenheiro de aquicultura deve se dedicar a pesquisas de técnicas inovadoras para a conservação desses animais. Tais cuidados devem começar desde a captura dos peixes, moluscos e crustáceos até suas formas de reprodução.

As principais universidades que oferecem esse curso são:

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
  • Universidade Federal do Ceará (UFC);
  • Universidade Federal de Alagoas (UFAL);
  • Universidade Estadual do Oeste do Pará (Unioeste).

Engenharia Têxtil

No curso de Engenharia Têxtil, o acadêmico vai se dedicar ao aprendizado de técnicas destinadas às indústrias de confecção de tecidos e roupas.

O objetivo é descobrir, por meio de suas pesquisas, os caminhos mais inovadores para o tratamento das fibras e fios do tecido, a fim de garantir a melhor qualidade, bem como estratégias para o melhor custo-benefício e lucratividade da empresa.

Além disso, também faz parte das atribuições do engenheiro têxtil estruturar a linha de produção das fábricas, na implantação de equipamentos mais apropriados a cada caso e na seleção do time de colaboradores mais eficiente.

Quem pensa em que seguir a carreira pode se qualificar em:

  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN);
  • Centro Universitário FEI;
  • Universidade Estadual de Maringá (UEM);
  • Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI).

Engenharia de Petróleo e Gás

O engenheiro de petróleo e gás é o profissional responsável pela pesquisa e aplicação de técnicas para a descoberta de jazidas e viabilizar sua respectiva exploração. Ademais, também faz parte do seu trabalho conduzir a produção e comercialização do petróleo e do gás natural.

Dentre os seus principais campos de atuação encontram-se as refinarias de petróleo e as plataformas marítimas. Atualmente, esse engenheiro também tem um compromisso importante com a sustentabilidade: prevenir os impactos ambientais que podem ser causados por suas atividades.

Os interessados na área podem encontrar o curso na:

  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC – Rio);
  • Universidade de São Paulo (USP);
  • Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF).

Engenharia Hospitalar

A Engenharia Hospitalar é o campo do conhecimento voltado para a gestão de tecnologias que proporcionem a melhoria das técnicas empregadas nos cuidados com os pacientes, incluindo desde planejamento estratégico até o desenvolvimento de equipamentos.

Trata-se de uma área que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho, assim como a sua participação nas tomadas de decisões administrativas no âmbito hospitalar.

A Engenharia Hospitalar — ou Engenharia Clínica, como também é conhecida — é um curso de especialização para quem já atua na área da saúde. Vejamos, a seguir, algumas faculdades em que é possível encontrar o curso:

  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein;
  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp);

Engenharia Mecânica

solda engenharia

No curso de Engenharia Mecânica, os acadêmicos são capacitados para criação e aperfeiçoamento dos mais variados tipos de equipamentos, produção no setor automobilístico, temas de aquecimento e refrigeração e desenvolvimento de máquinas.

Os engenheiros mecânicos também são encarregados pelos testes de controle de qualidade, calibração dos equipamentos e conferência de resultados — uma profissão indispensável para o cenário industrial.

Dentre as faculdades que oferecem o curso estão:

  • Universidade de Brasília (UNB);
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU);
  • Instituto Militar de Engenharia (IME).

Quais as melhores faculdades de Engenharia?

A reputação da faculdade é um fator que pode facilitar bastante a colocação do profissional no mercado de trabalho. Diante da disputa por uma vaga, o simples fato de ter concluído a graduação em uma determinada instituição de ensino representa uma vantagem nos critérios de desempate.

Por esse motivo, antes de ingressar na vida acadêmica, é fundamental que o indivíduo verifique as melhores alternativas para a construção do seu currículo. Nesse sentido, como o curso de Engenharia se desmembra em diversas especialidades, o estudante deve verificar as instituições mais bem avaliadas dentro da área escolhida.

A dica, então, é focar na especialidade desejada e, a partir daí, buscar as alternativas que melhor contribuirão para o seu currículo, sempre dando preferência às instituições mais tradicionais.

Confira, a seguir, as 5 melhores faculdades de Engenharia, de um modo geral:

  • ITA — Instituto Tecnológico de Aeronáutica;
  • IME — Instituto Militar de Engenharia;
  • UFTM — Universidade Federal do Triângulo Mineiro;
  • UEM — Universidade Estadual de Maringá;
  • UFPE — Universidade Federal de Pernambuco.

Como aprender Engenharia?

Livros de Engenharia

Os livros são os principais instrumentos de estudo em qualquer etapa da nossa vida e, nos cursos de graduação, a exemplo das engenharias, a situação não é diferente. É neles que estarão documentadas todas as pesquisas, testes e teorias ensinadas ao longo de todo o curso.

E apesar da graduação em Engenharia exigir aulas práticas em laboratórios e estágios profissionais, ainda nessas ocasiões os livros serão os principais norteadores dos seus estudos.

Jogos de Engenharia

Nos últimos anos, os jogos têm sido utilizados como mecanismo facilitador do aprendizado, uma forma de promover a motivação e, ao mesmo tempo, garantir a fixação dos conteúdos. A título de exemplo, podemos citar o jogo SimulES, simulador de Engenharia de Software desenvolvido pelo Departamento de Ciência da Computação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Esse jogo pode ser praticado entre 4 e 8 jogadores e o objetivo é a disputa para terminar um projeto de software. Ele permite aos participantes o aprendizado de importantes conceitos por meio de: um tabuleiro, cartas, dado, e cartões de projeto.

Os cursos de Engenharia são excelentes alternativas para quem busca uma melhor colocação no mercado de trabalho. E como existem diferentes campos de atuação, o primeiro ponto a ser avaliado antes de tomar a decisão de entrar para a faculdade é se o seu perfil se encaixa bem às atribuições daquela área.

Acima de tudo é importante lembrar que as ofertas de emprego são muitas, mas a competitividade também é grande. As chances de se destacar são infinitamente superiores quando há amor pela profissão.

Gostou do artigo? Agora que você já está dominando o tema de Engenharia, aproveite para conhecer a página de matérias do Stoodi e veja tudo que a plataforma tem a oferecer para ajudar nos seus estudos!

Beatriz Abrantes

Cursando jornalismo, é apaixonada pela profissão e por inventar receitas em sua cozinha. Faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi, focada em SEO. A Bia adora dançar, participa de ONG’S de proteção aos animais e ama passar tempo vendo filmes. Conheça mais os seus textos!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!