Entenda o que é um treineiro e porque você deveria ser um!

Além do domínio dos conteúdos que serão cobrados em qualquer vestibular, a vivência desse tipo de prova é essencial para um bom aproveitamento. Saber lidar com o nervosismo, entender a prova, administrar o tempo restrito para sua conclusão, entre outras características fazem um bom candidato a uma prova de vestibular.

E uma das melhores maneiras para conseguir desenvolver esses pontos é simples e muito útil: ser treineiro. No artigo de hoje, vamos falar sobre a importância dessa experiência e como ela pode ser aproveitada para um melhor rendimento no vestibular. Confira!

 

O que é treineiro?

O treineiro nada mais é do que aquele candidato que ainda não concluiu o Ensino Médio e prestará o concurso como uma forma de treino. Isso significa que, mesmo que sua nota seja suficiente para se classificar, o resultado não contará oficialmente.

Mesmo que não seja possível se matricular utilizando a pontuação de treineiro, prestar o vestibular nessa modalidade é uma ótima maneira de se acostumar com a prova e tudo que acontece no dia. Dessa forma, o treineiro se sentirá muito mais preparado para a prova que realmente estará “valendo”.

 

Enem como treineiro

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é hoje a principal porta de entrada para a maioria das universidades brasileiras. E como uma prova referência, não poderia deixar de dar a oportunidade para aqueles alunos que ainda não concluíram o Ensino Médio de participarem como treineiros.

O Enem considera como treineiro aquele candidato menor de 18 anos (na data da primeira prova) que concluirá o Ensino Médio nos anos seguintes ao da prova em que se inscreveu.

Como se inscrever no Enem para treineiros?

A inscrição do Enem para treineiros é simples e funciona de modo semelhante à dos demais participantes. Deve ser feita no endereço eletrônico do INEP, no qual o treineiro informará CPF e data de nascimento. É importante que o candidato tenha a certeza que:

  • terá menos de 18 anos na data da primeira prova do Enem;
  • não está cursando o último ano do Ensino Médio no ano do concurso.

 

Para se inscrever, o portal exige que o participante se declare ciente de que a nota obtida por ele não poderá ser usada como forma de ingresso em instituições de ensino superior.

Os treineiros do Enem também precisam pagar a taxa de inscrição, assim como qualquer outro candidato. Da mesma forma, as políticas de isenção do pagamento da taxa se aplicam aos treineiros que se enquadrarem nos requisitos.

Resultado Enem para treineiro

mulher estudando treineiro

No Enem os treineiros podem consultar o gabarito das provas no mesmo prazo dos outros concorrentes — 3 dias após a finalização do último dia de provas. Já a divulgação do resultado individual dos treineiros acontece de maneira diferente.

Enquanto os candidatos “para valer” recebem seus resultados em janeiro do ano seguinte, os treineiros só terão acesso 60 dias depois, provavelmente em março (as datas ainda não foram definidas).

Isso acontece porque os treineiros não têm a necessidade de usar as notas para programas como o SISU, por exemplo. Dessa forma, a prioridade da correção é dada aos participantes que concorrem a vagas no ensino superior. O acesso às notas é feito da mesma maneira para qualquer candidato: é só acessar o portal do INEP com o CPF e a senha criada no momento da inscrição.

O que fazer com a nota?

Como mencionamos, o treineiro não pode utilizar sua nota para se matricular em uma instituição de ensino superior. Portanto, é crucial que o participante treineiro saiba que ele prestará o Enem apenas como uma forma de se familiarizar com a prova.

A nota obtida na participação de treino pode ser utilizada nos estudos para os próximos concursos, servindo como referência de simulados e outras atividades. A ideia é que o aluno se acostume com a estrutura da prova e esteja mais preparado para quando concorrer a uma vaga na universidade.

Qual a importância de fazer o Enem como treineiro?

Aquele candidato que escolhe prestar o Enem como treineiro sabe que, mais do que uma prova, o exame envolve diversas outras situações. Conhecer a logística que envolve a maior prova do país é fundamental para evitar erros bobos no dia que estiver valendo de verdade.

Assim, o treineiro consegue entender como funciona a verificação do local de prova, se acostuma com os materiais permitidos no dia, testa a melhor roupa para passar as várias horas de exame e, principalmente, aprende a calcular o tempo necessário para chegar para a prova. Para se ter uma ideia da importância dessa logística, o Enem 2017 registrou 32% de faltas no dia da segunda prova, maior índice desde 2010.

Esse tipo de índice é composto não apenas por aqueles candidatos que desistiram do exame, mas também por aqueles que simplesmente não conseguiram chegar a tempo para a prova, por um mal planejamento. Por isso, ao prestar o Enem como treineiro, você entenderá como organizar o seu dia, evitando imprevistos desagradáveis.

Além da vivência de tudo que envolve os dias de exame, ser treineiro é conhecer as provas, os estilos das questões, administrar o tempo para resolver cada uma delas e fazer o correto preenchimento do gabarito.

Após a realização, como falamos, o resultado ainda poderá ser utilizado como uma referência nos meses seguintes de estudo. Você analisará os pontos fortes e fracos, investindo seu tempo naquilo que tiver mais necessidade.

 

Vestibular como treineiro

Atualmente, a principal forma de ingresso da maioria das instituições de ensino superior é o Enem. Dessa maneira, todas as universidades que antes ofereciam a opção de realização do vestibular para treineiros estão, automaticamente, cobertas pelo Enem, nos moldes que explicamos no item anterior.

Além das universidades que aderiram ao Enem como meio de ingresso, algumas outras instituições permitem aos candidatos realizar a prova como treineiros. São inúmeras opções, mas é interessante citar grandes vestibulares, como da Unesp, Fuvest e Unicamp, por exemplo.

Se você não prestará o Enem como treineiro e pretende adquirir experiência em outras instituições, é sempre recomendável ler o edital do vestibular da universidade pretendida. As informações são claras e a possibilidade de ser treineiro costuma ser bem explícita.

Gostou do nosso artigo? Então não deixe de conferir nosso extenso material sobre o Enem 2018! Aproveite também para consultar as provas do Enem, suas questões e nossas dicas sobre o que estudar para essa prova tão importante!

Beatriz Abrantes

Cursando jornalismo, é apaixonada pela profissão e por inventar receitas em sua cozinha. Faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi, focada em SEO. A Bia adora dançar, participa de ONG’S de proteção aos animais e ama passar tempo vendo filmes. Conheça mais os seus textos!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!