O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) publicou nesta segunda-feira, dia 1, a cartilha de orientações para a redação do Enem 2018.

Divulgada todos os anos, a cartilha tem o objetivo de trazer orientações e as regras que serão utilizadas para realizar a correção de redação.

Este documento, de 48 páginas, está disponível em formato PDF para download. Se você quer saber mais sobre quais foram os principais assuntos abordados nessa cartilha, fique com o Stoodi que a gente te explica!

A cartilha

A cartilha foi divida em duas partes:

  • Matriz de referência para Redação 2017

 

Esta primeira parte faz referência ao método de correção da redação. Ela explica cada uma das 5 competências que são utilizadas nesse processo, mostrando como se espera que elas sejam utilizadas pelo candidato.

Além disso, ela também revela a estrutura do texto de uma dissertação-argumentativa como: tema, tese, argumentos e proposta de intervenção.

  • Amostra de redações nota 1000 no Enem 2017

 

Esta é exatamente o que parece ser. É uma série de amostras de redações nota 1000, ou seja, a nota máxima do ano passado. Uma delas é do nosso aluno, Marcos Carvalho, que esteve entre os 53 alunos, de todo o país, que conseguiram essa nota!

Como funciona a correção de redação do Enem?

A correção de redação do Enem é feita por dois corretores. Eles avaliam essas 5 competências da redação:

    1. Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita.
    2. Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

 

  • Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • Demonstrar conhecimento dos mecanismos necessários para a construção da argumentação.
  • Elaborar proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

Após essa correção, cada habilidade recebe uma nota que vai de 0 a 200. Essas notas  somadas podem chegar a 1.000. Assim, é feita a média aritmética das notas dos corretores, compondo a nota final do aluno.

Contudo, caso as avaliações dos corretores tenham uma diferença maior que 100 pontos, um terceiro corretor é convocado e, assim, persistirá a média aritmética das duas notas totais que mais se aproximarem.

Mudanças

Entre as principais mudanças para a redação do Enem 2018, está a retirada do ato de desrespeitar os direitos humanos que zerava a nota da redação. Agora, este fator zera apenas a proposta de intervenção, que compõe 200 pontos da nota final.

A retirada do item veio pela Justiça Federal em 2017, que atendeu um pedido da Associação Escola Sem Partido.

E aí, gostou de saber das novidades do Enem? Então não perca tempo e cadastre-se gratuitamente no Stoodi!

Beatriz Abrantes

Cursando jornalismo, é apaixonada pela profissão e por inventar receitas em sua cozinha. Faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi, focada em SEO. A Bia adora dançar, participa de ONG’S de proteção aos animais e ama passar tempo vendo filmes. Conheça mais os seus textos!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!