“A cigana leu o meu destino

Eu sonhei

Bola de cristal, jogo de búzios, cartomante

Eu sempre perguntei

O que será o amanhã?

Como será o meu destino?”

Parafraseando a letra do samba-enredo da União da Ilha (1978), a situação poderia se encaixar na vida de muitos vestibulandos: todo mundo quer saber o tema da redação do Enem, se vai passar, se conseguirá a tão desejada vaga naquela universidade especial.

Enfim, quais são os segredos do Enem que você precisa saber para mandar bem na prova? Não temos a bola de cristal, não jogamos búzios e muito menos consultamos a cartomante, mas podemos te ajudar a se preparar, desvendando alguns mitos sobre o exame!

Qual o segredo do Enem?

O Enem não tem segredo, o que acontece é que muitos estudantes deixam de buscar informações em fontes seguras e acabam acreditando em alguns mitos. Veja, a seguir, as principais dúvidas acerca da prova.

Nota TRI

O Inep, Instituto que realiza o Enem, adota uma maneira inovadora de calcular a nota da prova, composta por 180 questões. Nem todo mundo que tem o mesmo número de acertos recebe a mesma nota.

A Teoria de Resposta ao Item prevê uma análise das respostas dadas por cada candidato, de acordo com o grau de dificuldade de cada uma e a possibilidade de acerto no conjunto.

Por exemplo, se você acerta uma questão difícil e erra uma considerada fácil, o sistema julga que esse acerto foi um “chute” e não pontua. Tudo isso é feito usando muitos algoritmos. Portanto, na hora de resolver as questões, o segredo é ser coerente em suas respostas, já que o método adotado desaconselha os acertos casuais.

A prova do Enem não segue os vestibulares tradicionais

Apesar de a nota do Enem poder ser usada para entrar em universidades públicas e particulares, a prova não se assemelha à dos vestibulares mais tradicionais. Dada a proporção que o Exame alcançou, muitas instituições passaram a adotá-lo como parte de seu processo seletivo ou substituí-lo completamente pelo Enem.

As mudanças do Enem ao longo dos anos permitiram realizar uma seleção em que não há provas de disciplinas, mas sim de áreas do conhecimento:

Se, nos vestibulares tradicionais, o candidato precisava prestar concurso em todas as instituições de sua preferência, inclusive com gastos e desgastes de viagem quando a opção era fora de seu município, com o Enem isso mudou.

Agora, por meio do Sisu, as vagas de todas as universidades participantes do sistema estão abertas para você, depois de fazer um único exame. Isso aumenta as chances de ingressar em uma instituição de qualidade!

Redação sem título não zera

Uma dúvida bastante comum diz respeito ao título da redação. O candidato fica sem saber se é obrigatório colocá-lo no texto ou, mesmo, se será penalizado de alguma forma caso não o faça.

Coloque-se no lugar do leitor (ou melhor, do corretor, que tem centenas de redações pela frente!) e imagine se deparar com as seguintes situações:

a) texto sem título;

b) texto com título que repete o tema da proposta;

c) texto com título genérico;

d) texto com título original.

É claro que ele vai preferir a letra d, concorda? O título, quando bem redigido, cria expectativa, aguça a vontade de ler e checar se o texto cumpre o que promete. Porém, apenas repetir o que diz a proposta ou citar um tema bem amplo e sem posicionamento são atitudes que em nada contribuem para a argumentatividade da redação; pelo contrário, só informam que o candidato não se deu ao trabalho de criar um título chamativo e instigante.

Por outro lado, deixar de dar título ao texto é uma opção consciente do estudante. Ele decide que o texto se garante, sem necessidade do título. Afinal, o tempo está correndo e, se você não teve aquele insight, não vai ficar horas pensando nisso, enquanto as outras questões estão te esperando, não é?

Veja os exemplos, que retomam as alternativas acima:

a) texto sem título;

b) “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”;

c) O controle de dados na internet; A manipulação do usuário da internet;

d) A escolha pela mão alheia

Segredos da redação perfeita no Enem

Os segredos da redação perfeita no Enem têm a ver com a sua preparação ao longo do ano, isto é, não tem como chegar na semana da prova, treinar a redação e achar que vai se sair bem. Para que isso aconteça, é preciso muito esforço e dedicação.

Entenda a grade de correção

Para garantir uma nota boa, você deve entender o que está sendo cobrado no texto. Sem isso, é como se você estivesse “atirando no escuro”, sem entender os critérios de avaliação. São eles:

  • competência I: demonstrar domínio da modalidade escrita formal da Língua Portuguesa;
  • competência II: compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa;
  • competência III: selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  • competência IV: demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação (coesão textual);
  • competência V: elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

caneta preta segredos do enem

Mantenha-se atualizado

Além de se dedicar a estudar cada um dos critérios de correção para entender como seu texto será avaliado, você precisa ficar constantemente informado em relação a fatos atuais e relevantes, especialmente no Brasil.

O tema da redação tem sido uma escolha pontual e complexa, ou seja, não basta falar sobre “intolerância religiosa” ou “violência contra a mulher”. Incluem-se aí, respectivamente, “caminhos para combater a intolerância religiosa” e “persistência da violência contra a mulher”, ambos com enfoque na sociedade brasileira.

Então, a dica é ler muitas notícias e reportagens, além de assistir a documentários. Isso vai garantir uma bagagem cultural para sustentar a sua argumentação.

Treine, treine e… treine

A regra é clara quando se trata de redação: a prática leva, sim, à perfeição! Escreva semanalmente um ou dois textos e não se esqueça de submetê-los à correção. Dê atenção às observações do corretor e vá incorporando as dicas nas próximas produções. certamente, o nível e a nota vão se elevar!

Descobriu que os segredos do Enem passam pela sua dedicação e entendimento das regras do exame? Não precisa consultar a cigana nem ler o tarô: quanto mais informações você tiver sobre a forma como será cobrado, melhor você se prepara — e alcança o sucesso!

Para ajudar a se preparar, conte com o Plano de Estudos Stoodi, que ajuda a se organizar melhor e não deixar nenhum conteúdo de fora! Temos também vários temas e modelos de redação, além de correção de textos!

Renata Celi

Cursando relações internacionais, ama viajar e tomar sol. A Renata faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi e faz trabalho voluntário com crianças nas horas vagas. A Rê adora comida, conhecer gente nova, mas, principalmente, ver filmes repetidos. Conheça mais os textos da Renata!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!