O uso da preposição é recorrente em nosso dia a dia. Por isso, mesmo que você não se lembre — ou até mesmo não saiba — o que é essa classe de palavras, uma coisa é certa: você está bem familiarizado com o tema mesmo que ainda não o conheça.

Hoje, falaremos exclusivamente sobre as preposições. Nosso objetivo é fazer com que você compreenda o básico sobre esse conceito para que, em seguida, possa dar continuidade ao seu aprendizado da Gramática de maneira completa e realmente eficiente.

Por isso, agora, dê o seu máximo e preste bastante atenção! Esse é um tema recorrente nos vestibulares e que pode fazer toda a diferença para que você consiga redigir uma redação nota 1000 no Enem. E aí, pronto para lutar pelos pontinhos extras na correção? Então, vamos lá! Boa leitura!

O que é preposição?

Preposições são, por definição, palavras que não variam e que têm como função a criação de relações semânticas (ou seja, de sentido) subordinativas entre termos distintos de uma oração. Ufa! Parece um pouco confuso, não é mesmo? Então, que tal simplificarmos tudo isso que acabamos de ler?

Imagine a seguinte situação: você e seus amigos estão viajando de carro quando, de repente, avistam um grande penhasco separando vocês de seu destino. Há, portanto, uma quebra da relação entre um lado e o outro. O que poderia solucionar esse problema e fazer com que os dois lados se conectassem? Uma ponte!

garotas na ponte preposição

Preposições são, portanto, pequenas pontes que conectam uma parte da frase à outra, estabelecendo uma relação de sentido entre as partes. A seguir, veremos alguns exemplos de como elas funcionam na prática.

Tipos de preposição

Agora, vamos conversar um pouquinho sobre os principais tipos de preposição para, então, ver como elas funcionam em nosso dia a dia. Esse é um tema que requer uma certa familiaridade com a Língua Portuguesa. Por isso, o indicado é sempre apostar em boas leituras para ficar mais à vontade com o idioma e conhecer suas nuances e particularidades.

Preposições simples

Preposições simples são aquelas que apresentam, em sua composição, um único vocábulo. Para se lembrar, basta pensar que elas são as mais básicas, ou seja, que não têm outro termo acompanhando-as.

Preposições compostas

Já as preposições compostas podem ser definidas como aquelas que são constituídas por mais de um vocábulo. É como se elas fossem duas preposições em uma só — sem uma, a outra perde o sentido e vice-versa.

Exemplos de preposição

Entendeu o conceito? A partir de agora, então, é o momento de observarmos alguns exemplos de tipos e de frases com preposição. A exemplificação é uma parte fundamental da teoria, já que nos ajuda a visualizar melhor o tema e associar todas as informações em nossas mentes de forma mais eficaz.

Bom, chega de conversa! Vamos conferir algumas das preposições mais comuns:

Preposições simples

Para começar, veremos alguns exemplos de preposições simples. Confira:

  • trás;
  • contra;
  • de;
  • sob;
  • com;
  • sem;
  • perante;
  • após;
  • até;
  • a;
  • ante;
  • entre;
  • para;
  • desde;
  • por;
  • sobre.

Preposições compostas

Agora, veremos alguns exemplos de preposições com mais de um vocábulo, ou seja, as que são classificadas como compostas. Dê uma olhada em como elas funcionam:

  • quanto a;
  • aquém de;
  • acima de;
  • perto de;
  • longe de;
  • abaixo de;
  • a respeito de.

E muito mais! Como podemos ver, ainda que elas possam fazer algum sentido sozinhas (a preposição “de”, por exemplo, funciona tranquilamente sem a ajuda de outro termo), assim, elas perdem o sentido dentro de um contexto, já que “abaixo de” não é o mesmo que apenas “de” ou “abaixo”. Entendeu?

Frases com preposição

Agora, que tal observar como isso funciona realmente? Veremos, a seguir, alguns exemplos de frases com preposições. Assim, você poderá perceber como elas se encaixam nas orações e qual é sua importância em sua função de “ponte”. Confira:

Gosto de tomar sorvete com meu namorado.

Passarei as férias de julho em Maceió.

O protesto contra o aumento da tarifa foi um sucesso.

A garota voltou a sorrir após ganhar o cachorrinho.

Sobre a mesa, é possível encontrar todas as informações.

O que você disse a respeito de ontem?

É importante notar que, embora essas frases possam até fazer sentido quando separadas, eles mudam completamente. Exemplo:

Os animais de estimação gostam muito de seus tutores.

Retirando a preposição de, teremos:

Os animais de estimação gostam muito

Seus tutores

Como podemos perceber, elas ficam incompletas e sem um contexto claro. Com a adição de uma simples preposição, tudo passa a fazer sentido e fica bem claro!

Preposição: exercícios

Para fechar o bate-papo de hoje, separamos alguns exercícios clássicos de preposição. Assim, você não só testa os seus conhecimentos, mas também já começa a se preparar para os vestibulares desde já! Vamos lá?

1. (Fuvest) O segmento em que a preposição destacada estabelece uma relação de causa é:

a)     A carruagem parou ao pé de uma casa amarelada.

b)     A escada, de degraus gastos, subia ingrememente.

c)      No patamar da sobreloja, uma janela com um gradeadozinho de arame […].

d)     […] uma janela com gradeadozinho de arame, parda do pó acumulado….

e)     […] coava a luz suja do saguão.

Resposta: D

2. (Ufac) “O que desejava… Ah! Esquecia-se. Agora se descordava da viagem que tinha feito pelo sertão, a cair de fome.” (Graciliano Ramos). A alternativa em que a preposição de expressa a mesma ideia que possui em “…a cair de fome” é:

a)     De tanto gritar, sua voz ficou rouca.

b)     De grão em grão, a galinha enche o papo.

c)      De noite todos os gatos são pardos.

d)     Chegaram cedo de Cruzeiro do Sul.

e)     Trazia no bolso uma caneta de prata.

Resposta: A

Certamente, o conteúdo de preposição costuma despencar no vestibular, além de ser muito importante para suas redações. Mas, como sabemos, a Gramática vai muito além desse tema. Conheça todos os outros e se prepare adequadamente para as provas contando com a ajuda dos melhores professores no Plano de Estudos Stoodi!

Giovanna Pessoa

Estudante de Administração de Empresas, a Gi faz parte do time de Marketing e Conteúdo do Stoodi e adora escrever! Ela ama estar em contato com a natureza, ler sobre psicologia, mas acima de tudo, é apaixonada por um cãozinho. Conheça mais sobre os textos da Gi, essa grande escritora que procura crescer cada vez mais em marketing!

Mais que um cursinho online: uma rotina de estudos perfeita para você

O caminho para a sua aprovação no ENEM E VESTIBULARES nas suas mãos!