Meiose: saiba TUDO SOBRE O ASSUNTO AQUI

Descubra qual a diferença entre mitose e meiose 

De repente você está estudando Biologia para o Enem e descobre que a citologia aparece com frequência no contexto das questões. É hora de se aprofundar, certo?

Veja qual é a definição de meiose e descubra quais são suas fases, sua função biológica e sua diferença entre mitose e meiose – outro tipo de divisão celular.

O que é meiose?

A meiose é um tipo de divisão celular que, a partir de uma célula diploide, forma quatro células haploides geneticamente diferentes entre si. Antes de continuar, você lembra o que é divisão celular? O ciclo celular é composto por dois momentos: o período de atividade intensa (intérfase) e o momento de divisão celular.

Esse processo tem por objetivo produzir novas células. Existem dois tipos de divisão celular:

Agora que já sabemos exatamente sobre o que estamos falando, podemos prosseguir os nossos estudos sobre a meiose. “Ela é muito utilizada na reprodução sexuada para a produção de gametas”, explica prof. Davis, de Biologia

A meiose possui duas etapas:

  • Etapa reducional (meiose I) – quando uma célula diploide se transforma em duas haploides.
  • Etapa equacional (meiose II) – quando as duas células haploides formam outras duas células haploides, totalizando em quatro células haploides.

Se você quer dominar esse tópico de citologia e mandar muito bem no vestibular, veja ainda mais detalhes. Conheça cada uma das fases da meiose:

Lembre-se que a meiose é dividida em dois grandes períodos: Meiose I e Meiose II. Portanto, não se assuste com o nível de detalhamento. Nós prometemos que essas informações estarão bem organizadas!

Fases da meiose

A meiose I é formada pelas fases:

  • Prófase I
  • Metáfase I
  • Anáfase I
  • Telófase I

Quer uma dica para se lembrar de todas essas fases? Repita a frase “Prometo à Ana telefonar”

Fases da meiose

A Prófase I é a única fase que possui subdivisões. Ela é formada por:

  • Leptóteno
  • Zigóteno
  • Paquíteno
  • Diplóteno
  • Diacinese

Para se lembrar dessa sequência, memorize a sigla: LEZIPADIDIA

Subfases da meiose

Quer uma dica quente? “Você não pode se esquecer do Paquíteno porque é aqui que vai acontecer o “crossing-over”, ou seja, o fenômeno que faz com que as quatro células geradas sejam diferentes geneticamente entre si”, revela o prof. Davis.

Fases da meiose II

  • Prófase II
  • Anáfase II
  • Telófase II

Veja os principais eventos que acontecem em cada uma delas:

Entenda as fases da Meiose I

Prófase I

  • Leptóteno: início da condensação cromossômica;
  • Zigóteno: pareamento dos cromossomos homólogos;
  • Paquíteno: formação das tétrades ou bivalentes,
  • Diplóteno: formação dos quiasmas;
  • Diacinese: desintegração da carioteca.

Metáfase I

  • Cromossomos atingem grau máximo de condensação;
  • Cromossomos alinham-se na região equatorial da célula formando uma placa dupla;
  • Cromossomos prendem-se as fibras do fuso.

Anáfase I

  • Ocorre a duplicação dos centrômeros;
  • Separação dos cromossomos homólogos;
  • Encurtamento das fibras do fuso;
  • Cromossomos ainda duplicados migram para os polos da célula.

Telófase I

  • Descondensação cromossômica;
  • Reorganização das fibras do fuso;
  • Cariocinese (individualização dos dois núcleos).

Muita atenção: entre a Meiose I e a Meiose II acontece um período chamado “intercinese”.  É exatamente nesse momento que ocorre a duplicação dos centrossomos.

Conheça as fases da Meiose II

Prófase II

  • Condensação dos cromossomos;
  • Início da desorganização da carioteca.

Metáfase II

  • Cromossomos atingem grau máximo de condensação;
  • Cromossomos alinham-se na região equatorial da célula fromando uma placa simples;
  • Cromossomos prendem-se as fibras do fuso.

Anáfase II

  • Ocorre a duplicação dos centrômeros;
  • Separação das cromátides-irmãs;
  • Encurtamento das fibras do fuso;
  • Cromossomos simples migram para os polos da célula.

Telófase II

  • Descondensação dos cromossomos;
  • Reaparecimento do nucléolo;
  • Reorganização da carioteca;
  • Reorganização das fibras do fuso;
  • Cariocinese (individualização dos dois núcleos).

Qual a diferença entre mitose e meiose?

Para ficar por dentro de tudo sobre os tipos de divisão celular, precisamos entender as diferenças entre a mitose e a meiose. Então, vamos lá:

A mitose é um processo de divisão celular que ocorre tanto em células haploides como em células diploides. Já a meiose acontece apenas em apenas células diploides.

Além disso, existe um detalhe bastante importante: a mitose é marcada pela divisão direta (uma célula forma duas), enquanto a meiose tem duas divisões (na primeira, a célula se divide em duas e na segunda, essas duas células se dividem em mais duas).

Mitose

Como acontece a mitose?

Meiose

Como acontece a meiose?

Para fechar, podemos dizer que a mitose é usada para fazer reprodução assexuada, para contribuir nos processos de crescimento, desenvolvimento e regeneração. Já a meiose é utilizada para a reprodução sexuada.

Faça alguns exercícios sobre esse tema e veja se você realmente aprendeu tudo sobre meiose:

Quer saber muito mais sobre Biologia e outras matérias que aparecem no Enem e principais vestibulares? Então cadastre-se gratuitamente no Stoodi e aproveite todo o conteúdo desenvolvido pelos nossos professores.

Campanha Always On Cronograma