Veja como os seres vivos se organizam com o Stoodi!

O poeta alemão Johann Wolfgang Von Goethe (1749-1832), que também se interessava por biologia, escreveu que “a natureza reservou para si tanta liberdade que não a podemos nunca penetrar completamente com o nosso saber e a nossa ciência”.

Mesmo Goethe tendo falado isso há alguns séculos, essa frase revela a complexidade que envolve o estudo da Biologia. Para facilitar o trabalho dos biólogos, uma classificação foi criada para organizar os níveis dos seres humanos. Trata-se de uma hierarquia na qual a composição de todos os seres vivos são relacionados, desde os átomos até o universo.

Vamos aprender neste post quais são os níveis de organização dos seres vivos e os níveis de organização do corpo humano desde os seres mais simples até os mais complexos. Preparado?

Níveis de organização em Biologia

Para facilitar o entendimento sobre como está montada essa hierarquia vamos analisar o esquema abaixo:

  • Átomo: menor partícula de uma matéria, que consiste em um núcleo central e cargas elétricas positivas e negativas.
  • Moléculas: são formadas por dois ou mais átomos interligados entre si.
  • Organelas: são as estruturas celulares formadas por um conjunto de moléculas.
  • Tecidos: são conjuntos de células especializadas que formam um órgão.
  • Órgãos: formados pelos tecidos, desempenham funções fundamentais para os seres vivos.
  • Sistemas: grupo de órgãos integrados que trabalham em conjunto na realização de alguma função vital.
  • Organismos: são conjuntos de sistemas. Podemos dizer que são os indivíduos.
  • Populações: Coletivo de indivíduos (organismos) que vivem em uma mesma região.
  • Comunidades biológicas: é a união de diferentes populações que interagem dentro de uma mesma região geográfica.
  • Ecossistemas: grande conjunto formado pela interação das comunidades biológicas com o meio ambiente.
  • Biosfera: reúne todos os ecossistemas.

O que são níveis de organização dos seres vivos

dna organização dos seres vivos

Quando estudamos a vida, é possível distinguir diferentes níveis hierárquicos de organização biológica, que vão do planetário ao microscópio.

Começando do nível microscópico, vemos que a matéria viva é formada de átomos, que se reúnem formando as moléculas das diversas substâncias orgânicas. Proteínas, por exemplo, são substâncias constituídas por milhares ou até milhões de átomos, principalmente de elementos como o carbono, o hidrogênio e o nitrogênio, apenas para citar alguns.

No nível acima dessa hierarquia da vida, vemos que a moléculas orgânicas estão organizadas de modo a formar diversos tipos de organelas celulares que se integram na formação das células. As células, por sua vez, são consideradas unidades básicas de todos os seres vivos, com exceção do vírus, que é chamado de acelular.

Das células passamos para os tecidos, que ocorrem apenas nos organismos multicelulares (animais e plantas). Nesse nível, as células se especializam e se juntam para dar as características do tecido a ser formado. São exemplos de tecido a nossa pele, o nosso sangue, nossos músculos, entre outros.

Diversos tipos de tecidos se organizam para formar os órgãos, unidades anatômicas e funcionais essenciais à manutenção da vida nos organismo multicelulares. Por exemplo, o coração é um órgão formado por diversos tipos de tecido, principal o muscular.

Por sua vez, os órgãos não agem sozinhos. Eles funcionam integrados uns aos outros para o desempenho de determinadas funções do corpo. Um conjunto de órgãos constitui um sistema. Por exemplo, temos o sistema digestório que é composto pela bola, esôfago, estômago, intestino e outras glândulas.

Em conjunto, os sistemas de órgãos compõe o nível do organismo individual. Aqui estão as pessoas, as rosas, os coelhos e todos os outros indivíduos vivos. O conjunto organismos individuais de uma mesma espécie que habitam uma determinada região geográfica constitui uma população biológica. Exemplos são as populações humanas dos diversos países, ou uma população de leões na Savana africana.

Os membros de uma população interagem com indivíduos de outras espécies que habitam a mesma região geográfica. Ao conjunto de populações diferentes que coexistem em determinado lugar, interagindo direta ou indiretamente, dá-se o nome de comunidade biológica. Por exemplo, a população dos leões africanos citados no parágrafo anterior, junto as plantas e outros animais que vivem no mesmo habitat, compõe uma comunidade.

Os membros de uma comunidade biológica, além de interagir entre si, também interagem com o ambiente em que vivem, sendo influenciados por fatores como temperatura, alimentos disponíveis, umidade, luminosidade, entre outros. Por exemplo, a nossa comunidade de leões africanos são influenciados pelo ambiente em que vivem, pela quantidade de calor, de alimentos disponíveis, de água, etc. Ao grande conjunto formado pelas comunidades e pelo ambiente que vivem dá-se o nome de ecossistema.

A mais alta e última hierarquia na biologia é a que reúne todos os ecossistemas da Terra, a chamada biosfera. É nessa camada do nosso planeta que ocorre todas as vidas.

Níveis de organização do corpo humano: organização de um indivíduo

Como já estudamos até aqui, a biologia organiza as estruturas em níveis para melhor compreensão e estudo dos seres vivos. O corpo humano faz parte dessa organização e podemos dizer que ele é classificado como um organismo.

O organismo é o nível hierárquico acima dos átomos, das moléculas, das organelas, dos tecidos, dos órgãos e dos sistemas.

O corpo humano é formado por tecidos variados como o tecido nervoso, sanguíneo, ósseo, epitelial, conjuntivo, entre outros. Cada tecido é formado por células com funções diferentes.

Os órgãos formados pelos tecidos são, por exemplo, o coração, o fígado, os pulmões, o cérebro, a boca, entre vários outros. Cada um desempenha funções fundamentais no corpo humano, como bombear o sangue, produzir e regular hormônios, etc.

O estudo da vida, apesar de toda a complexidade, é muito interessante e nos ajuda a entender a estrutura orgânica da qual fazemos parte. Saber que cada indivíduo é formado por pedacinhos menores e indivisíveis que se agrupam para desenvolver as maravilhas que a natureza nos proporcionou é fantástico.

Agora que você já sabe tudo sobre os níveis de organização dos seres vivos, está na hora de praticar exercícios para testar e aprofundar seus conhecimentos. Não perca tempo, cadastre-se gratuitamente no Stoodi e acesse a nossa lista de atividades em biologia.

1 Shares:
Você pode gostar também