Você já sabe o que precisa fazer para montar um plano de estudos estratégico para o seu ano? Existem vários pontos que merecem atenção nesse planejamento. Ter um plano de estudos organizado é importante e necessário para conseguir criar o hábito de estudo e melhorar o desempenho em seus resultados.

Confira 10 dicas para montar um plano de estudos perfeito e para ajudar você a alcançar a tão sonhada vaga na Universidade! Vamos lá?

1º Defina a sua rotina de estudos

A primeira coisa que você tem que fazer para conseguir se organizar é definir a sua rotina de estudos. Identifique quais são seus compromissos fixos e veja em quais momentos você possui tempo livre na agenda.

Caso sua rotina esteja um pouco bagunçada, esse é o momento de “organizar a casa” e reprogramar tudo.  É importante também calcular o tempo gasto com outras atividades como aulas, refeições, deslocamentos. Então se programe!

2º Defina seu objetivo de estudos

O próximo passo é você definir o seu objetivo de estudos. O ideal é escrever esse objetivo da forma mais específica e detalhada possível.

Esses objetivos devem responder algumas perguntas, como:

Você vai prestar o Enem? ou outro vestibular? Qual é a carreira que você quer seguir? Em qual faculdade você pretende fazer esse curso?

Tudo isso precisa estar bem determinado para você encontrar a melhor estratégia de estudo. Tente identificar também as matérias que você possui mais dificuldade e programe maior tempo para se dedicar a elas no seu plano de estudos.

Exemplo: ser aprovado na 1ª chamada do curso de Medicina da Universidade de São Paulo, ou ser aprovado na 1ª chamada do curso de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

3º Concilie rotina com objetivo

A terceira coisa que você vai fazer é tentar unir as particularidades da sua rotina com os esforços necessários para alcançar o seu objetivo de estudos.

Relacione o tempo que você tem disponível com as suas metas, como um quantidade de exercícios por dia, ou as matérias que você decidiu priorizar.

Pense nessa combinação de forma realista. Tome muito cuidado para não se sobrecarregar e se programe certinho para aproveitar o máximo de tempo possível.

4º Escolha o seu horário de estudos

Agora que você já sabe qual será sua carga horária, está na hora de escolher o horário em que vai estudar. Nossa dica é aproveitar o período do dia em que você tem mais energia e disposição.

Saiba conciliar os horários que você rende mais com aqueles momentos de preguiça e de cansaço.

5º Crie um plano de estudos do Stoodi

Seguindo as etapas anteriores e estando tudo organizado, é hora de configurar seu plano de estudos com o Stoodi, uma plataforma super organizada que será sua aliada nessa jornada de estudos!

6º Configurando o plano de estudos

Para criar seu plano de estudos com o Stoodi é bem simples! Você precisará assinar um plano no Stoodi que se encaixe melhor com o seu objetivo e depois selecionar qual vestibular irá prestar,  qual o curso, e a disponibilidade de horas de estudo por semana.

Com tudo isso feito, seu plano de estudos estará pronto e todo de acordo com os seus objetivos, para que você possa mandar muito bem no Enem e outros vestibulares!

7º Explore a plataforma do Stoodi

Com o plano de estudos prontinho, você poderá ter acesso a muitas videoaulas, exercícios, resumos e muito mais!

O ideal é explorar bastante a plataforma de estudos e aproveitar todos os benefícios que ela disponibiliza para o seu progresso.

Um bom começo para isso é focar em matérias que você tem mais dificuldade e procurar por videoaulas ou até mesmo exercícios sobre o tema na plataforma. Assim, você poderá ficar bem mais preparado para enfrentar essas questões na hora da prova.

materiais escolares para plano de estudos

8º Faça pausas nos estudos

Não se esqueça de colocar pausas durante o plano de estudos. Quer um conselho? Especifique todas elas! Se você não informar em qual momento vai fazer essa pausa, corre grandes riscos de se desorganizar durante o cronograma.

Existem estudos que apontam que o cérebro consegue permanecer focado, com atenção plena, de 50 minutos a uma hora. Depois disso, o rendimento cai e fica muito mais fácil se distrair. Claro que isso muda de pessoa para pessoa, então procure entender o tempo do seu corpo e o respeite. Dê uma pausa curta e depois de 5 ou 10 minutos, volte aos estudos.

9º Não deixe de se testar

Como você pode fazer isso? Reservando espaços no seu plano de estudos para exercícios extras e para resolver provas antigas.

Muitos alunos pensam “se sobrar tempo, eu faço”, mas essa não é uma boa estratégia. Sabe por quê? A chance de sobrar tempo é muito pequena e você acaba não se dedicando a isso. Portanto, explore os mais de 30 mil exercícios do Stoodi e teste seus conhecimentos.

Já as provas antigas também são bem importantes para você entender como está seu desempenho e como pode melhorá-lo, além de ir se acostumando com o formato da prova.

10º Organização nunca é demais

Se for preciso, organize-se de novo. Vale mais a pena você parar um dia para se organiza e repensar se o horário de estudos e pausas estão sendo suficientes ou puxadas demais.

Reveja também suas anotações, exercícios resolvidos e observe onde você pode melhorar e em quais matérias já está mandando super bem!

Curtir as nossas dicas? Para ajudar você durante seus estudos com o plano de estudos, você pode conferir textos excelentes no Blog do Stoodi e ficar mais próximo da aprovação!

0 Shares:
Você pode gostar também

Links para Download dos Livros do Vestibular 2014/15

Os estudantes que estão se preparando para prestar os mais diferentes vestibulares do Brasil acabam de ganhar uma mãozinha do Stoodi, plataforma online de vídeo aulas de preparação para o Enem e outros vestibulares. Antes de sair por aí comprando os livros importantes para as provas, que tal pesquisar os...
Leia mais

Qual o melhor método de estudo?

Descubra que tipo de aluno você é Existem diversas formas para estudar: por meio de leituras, produção de resumos, resolução de exercícios e outros. O que não paramos para analisar é como esses métodos podem facilitar a vida dos vestibulandos.  A memória reage de forma diferente aos tipos de estudo,...