3 piores erros de organização de um estudante

Natalia Ortiz, consultora e especialista em rotina escolar, destaca o que os alunos não devem fazer em seus estudos

Foto: Reprodução/Divulgação
 

Você sabia que a organização é essencial para um bom aprendizado? Isso quem nos contou foi a especialista em rotina escolar, Natalia Ortiz.

“Estamos vivendo na Era da Informação. O número de informação que os adolescentes têm que administrar é infinitamente maior que a formação de gerações passadas. Então, se eles não forem organizados, vai ser mais difícil dar conta de todo o conteúdo”, comenta.

Em posts passados, Natalia já explicou as diferenças entre estudar sozinho ou em grupo, contou o que acontece quando lemos sentados ou deitados e mostrou como devemos organizar a nossa mesa de estudos.

Hoje, ela vai destacar os 3 principais erros de organização que os vestibulandos cometem. Veja o que devemos evitar:

 

1. Não ter um local de estudo

Quando não temos um cantinho nosso reservado para o estudo, os materiais ficam espalhados pela casa inteira.

É mais ou menos assim: começamos a estudar na sala. De repente, chega alguém que quer assistir TV ou fazer uma ligação, então vamos para a cozinha, por exemplo. Estudamos mais um pouco e logo está na hora de fazer a comida. Voltamos para sala e ficamos por lá até o momento de servir a janta.

A falta desse lugar definido acaba gerando problemas, o que prejudica a concentração e, por consequência, o aprendizado. 

 

 

2. Não estabelecer uma rotina em relação às matérias

Por incrível que pareça, quando não enxergamos a situação como um todo, podemos perder a noção da quantidade e da diversidade de conteúdos que precisamos estudar. A gente não percebe, mas acaba deixando uma matéria de lado por não gostar tanto assim dela – ou por ter dificuldade.

“Depois eu dou uma olhada em física”, por exemplo. Assistimos todas as aulas de história, revisamos a matéria e fixamos todo o conteúdo. Na hora do vestibular, acertamos tudo de história, mas erramos a maioria das questões de física e não passamos por pouco.

Já pensou ficar mais um tempo no cursinho porque não vimos as matérias de exatas tanto quanto as de humanas? Vale a pena equilibrar.

 

3. A falta de cuidado com os materiais

O que adianta fazer resumos, fichas, mapas mentais e outros se não vamos encontrar esse material depois? Quando você vai ver, a folha está misturada com outras matérias vistas naquele mesmo dia. Ou, na pior das hipóteses, está toda amassada na sua mochila.

A mesma coisa pode acontecer quando salvamos algum documento no computador. Separe por data, matéria, tipo de arquivo ou como preferir. Mas lembre-se sempre onde você colocou – saiba se está na Área de Trabalho, em Documentos, Downloads ou em outro lugar.

 

Viu só?! É muito simples. Para organizar seus estudos, basta fazer uma programação rápida. Garanta um local de estudos, lembre-se de todas as disciplinas e separe cadernos, fichários ou pastas para deixar seu estudo cada vez mais arrumadinho. Vai valer a pena no final das contas.

Campanha Always On Cronograma