Mão-de-obra ou mão de obra: como usar o hífen?

Qual é o certo: “mão-de-obra” ou “mão de obra”?

Dominar o uso do hífen não é nada fácil, existem muitas regras e com o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, então, ficou ainda mais complicado.

Antes da nova norma gramatical, o certo era escrever mão-de-obra (com hífen). Mas e agora? Será que permaneceu igual?

 

Qual é o certo: “mão-de-obra” ou “mão de obra”?

O certo é escrever mão de obra, sem hífen.

O termo “mão de obra” refere-se aos trabalhadores como um todo. Um exemplo muito comum do uso dessa locução é quando dizemos que “a mão de obra é especializada”. Nesse caso, isso quer dizer que os trabalhadores possuem o conhecimento técnico e específico para desempenhar bem aquele ofício.

De acordo com a nova regra, não se usa mais hífen em palavras ligadas por uma preposição. Agora, esses termos são interpretados como uma expressão.

 

Exemplos sem hífen

Lua de mel
Fim de semana
Dona de casa
Faz de conta
Dia a dia
Sala de jantar
Quartas de final
Boca de urna
Café com leite
Queda de braço
Cão de guarda
Pai de santo

Agora que você aprendeu sobre o uso de mão-de-obra ou mão de obra e do hífen e viu alguns exemplos, cadastre-se para aprender ainda mais:

Tenha acesso GRATUITO a mais de 6 mil videoaulas, 30 mil exercícios, resumos teóricos e materiais complementares pra download!

Veja também:

Redação: Quando devo usar letra maiúscula no meu texto?

“Dia-a-dia” tem hífen?

Pré-história tem hífen?