Na linguagem, temos seis tipos de função. Uma delas é, agora, o tema da nossa conversa: a função metalinguística. Conhecê-la é muito importante não só para a resolução de questões, mas para fazer boas redações. Vamos lá?

O que é função metalinguística

Você se considera uma pessoa autocrítica? É capaz de ver os próprios pontos fortes e fracos e, é claro, discorrer sobre eles a partir de uma óptica quase imparcial? Bom, isso certamente é um exercício um tanto quanto difícil de ser feito, mas de certa forma, esse é o papel da função metalinguística.

Em um texto metalinguístico, o autor discorre sobre o próprio trabalho. É como um autorretrato na pintura, no qual o artista pinta a si mesmo, muitas vezes olhando para ele próprio por meio da tela.

Exemplo de função metalinguística

A seguir, veremos um exemplo clássico de função metalinguística:

Gastei uma hora pensando um verso

que a pena não quer escrever.

No entanto ele está cá dentro

inquieto, vivo.

Ele está cá dentro

e não quer sair.

Mas a poesia deste momento

inunda minha vida inteira.

Poesia, de Carlos Drummond de Andrade

Funções da linguagem

Além da função metalinguística, temos outras funções de linguagem largamente utilizadas na escrita. Vamos conhecer algumas delas?

Função emotiva

A função emotiva da linguagem é caracterizada por ser extremamente subjetiva, ou seja, aberta a inúmeras interpretações. Ela é escrita a partir do ponto de vista de uma pessoa para outra pessoa, como um remetente.

Função referencial

Também conhecida como denotativa, essa função é muito comum no nosso dia a dia. Ela está presente em manuais, artigos científicos e outros tipos de material que buscam transferir alguma informação de modo objetivo, imparcial e claro.

Função poética

A função poética da linguagem pode ou não estar relacionada à construção de uma poesia. Na verdade, essa função está diretamente ligada à forma do texto, por isso é utilizada quando a maneira que as palavras se organizam é fundamental para a mensagem passada ao leitor.

Agora que já vimos um pouco mais sobre a função metalinguística e sabemos como funcionam outros tipos de funções da linguagem, estamos quase prontos para avançar no conteúdo. Para saber o que vem a seguir e se aprofundar nesses temas, confira o Plano de Estudos Stoodi!

simulador sisu
Você pode gostar também

Crase: dicas para escrever corretamente

A língua portuguesa já é complexa, com a mudança da norma ortográfica ficou ainda mais fácil se confundir. Para melhorar a comunicação escrita, a dica de hoje é sobre crase A crase é um fenômeno que ocorre quando juntamos a preposição “a” com o artigo “a”. Por exemplo: A aluna...