Desde pequenos, somos estimulados — seja pela escola ou pela nossa própria imaginação — a inventar histórias. E, muitas vezes, colocamos a criatividade em prática durante a infância e escrevemos nossos próprios livrinhos utilizando canetinhas e lápis de cor.

Com o passar do tempo, no entanto, a produção textual se torna um assunto muito mais sério e precisamos dominar essa arte a fim de irmos bem no vestibular. Algo que antes era intuitivo agora deve seguir uma série de regras e padrões para que os examinadores deem uma boa nota ao candidato.

Por isso, que tal descobrirmos como escrever uma redação que deixará a banca avaliadora de queixo caído e servirá como seu passaporte rumo à faculdade? Continue a leitura e descubra dicas arrasadoras para saber como estudar para o Enem!

Quais são os principais tipos de redação para o vestibular?

Antes de mais nada, que tal relembrarmos um pouco sobre os tipos de texto que mais são cobrados no vestibular? Vamos lá!

Redação dissertativa

O texto dissertativo expõe a realidade sobre um determinado assunto. Aqui, o candidato deverá demonstrar todo o seu conhecimento acerca do tema, trazendo elementos do dia a dia que corroborem com o posicionamento defendido, mas de maneira mais distante do leitor.

Redação argumentativa

No texto argumentativo, por sua vez, cabe ao aluno convencer o leitor sobre o que está sendo afirmado na redação. Esse é o tipo de produção mais cobrado nos vestibulares, sendo também conhecido como texto dissertativo argumentativo.

Outros tipos

Alguns vestibulares podem trazer redações mais desconstruídas e fora do comum. É possível que cobrem um bom texto descritivo, uma resenha, uma carta ou até mesmo uma notícia que poderia ser publicada em um jornal. Por isso, esteja preparado!

Como funcionam as exigências de cada prova?

Cada vestibular tem a sua própria cara e seu estilo de redação, não é mesmo? Confira, a seguir, alguns detalhes para começar seus estudos já sabendo o que esperar!

Fuvest

A redação da Fuvest é uma das mais refinadas que o estudante precisará fazer ao longo de sua jornada. O texto aqui pedido é no formato dissertativo argumentativo, e o candidato precisará mostrar grande bagagem filosófica para discorrer sobre os temas apresentados.

Unicamp

A redação da Unicamp, por sua vez, é a mais “diferentona” entre todos os vestibulares. Aqui, os temas são bem diversificados e a estrutura dos textos também. É possível encontrar propostas com cartas, notícias e muito mais!

Enem

A redação do Enem é uma das mais discutidas nos cursinhos pré-vestibulares, como é o caso do Stoodi! Ela tem uma série de regrinhas e competências que valem pontuações diferentes. Os temas cobrados são voltados aos problemas da sociedade, e a proposta de intervenção é fundamental para “amarrar” o texto.

Como escrever uma redação?

Cada pessoa tem o seu jeito para escrever um texto — e, claro, não há uma maneira certa ou errada de fazê-lo —, mas algumas dicas podem ajudá-lo a ficar menos perdido na hora de fazer a redação. Confira a seguir!

Leia os textos de apoio e grife o que for importante

A melhor maneira de começar uma redação é ler atentamente os textos que o vestibular coloca como apoio para a sua produção.

Cartilha de redação para o Enem 2018: entenda tudo!

Ao longo da leitura, aproveite para grifar o que julgar importante — dados, informações diferentes, frases motivacionais. Destaque o que poderá ser utilizado em seu texto desde agora e já vá montando uma linha de raciocínio!

Ao longo da leitura, anote pontos importantes no rascunho

Enquanto você lê, é bem provável que se lembre de alguma coisa que já leu ou viu sobre aquele assunto ou até mesmo que tenha uma opinião formada sobre os temas.

Isso aconteceu? Então, anote! O rascunho está lá para ser rabiscado, por isso aproveite a oportunidade. É possível que você se esqueça do que pensou em apenas alguns minutos, então é melhor já prevenir.

Imagine um gancho cultural

Aquele tema te lembrou de alguma música? A situação mencionada nos textos foi vivida por um personagem inesquecível em uma série que você assistiu recentemente? Então, é hora de usar essa informação.

Não se apegue muito aos grandes filósofos e temas “eruditos”. Claro, se você conseguir uma ideia rebuscada, isso é ótimo — mas não é essencial. É perfeitamente possível utilizar a sua série favorita na redação. Isso demonstrará que você está atento e que utiliza a bagagem cultural como referência para sua vida.

Pense em sua tese

A tese é o “coração” de seu texto. Nas melhores redações, ela é apresentada logo na introdução e será destrinchada ao longo do desenvolvimento, que pode acontecer em um ou dois parágrafos.

Então, responda: sobre o que será o seu tema? Você é contra ou a favor daquele pensamento? Qual será o caminho seguido em sua conclusão ou proposta de intervenção? Uma tese bem definida faz toda a diferença em um texto “redondinho”!

Não subestime o rascunho

Já falamos sobre a importância de rabiscar a sua prova, mas aqui reforçamos a importância do rascunho: o use com sabedoria!

Ele é muito importante para que você possa desenrolar o seu texto e até mesmo verificar se as linhas dispostas serão o suficiente e, assim, adequar o texto e fazer cortes caso seja necessário. Evite escrever direto na folha de redação!

Faça um checklist

Outra maneira legal de não esquecer nada é, logo no início da prova, fazer um checklist do que será necessário ao longo da redação.

Introdução, desenvolvimento, tese, referência cultural, proposta de intervenção, enfim, use os itens que você quiser e que se adequarem à prova que está prestando. Essa certamente será uma ferramenta útil para guiá-lo e evitar esquecimentos!

Correção de redação Stoodi: veja como funciona!

No Plano de Estudos do Stoodi, você conta com correções de redação exclusivas para treinar para o seu vestibular.

Eles funcionam a partir de créditos, que são ganhos ao longo de seus estudos e são trocados pela correção de um texto.

As correções são entregues em até 10 dias e são feitas por professores especialistas na área. Eles pontuarão você como se fosse na prova e darão dicas bacanas para que você possa melhorar!

Além disso, é possível acompanhar o seu desempenho ao longo do ano, algo muito importante para que os pontos fracos e fortes de sua produção sejam identificados. Tudo isso, claro, com um amplo banco de temas atuais e que realmente podem cair em suas provas.

Gostou de saber mais sobre como escrever uma redação e como estudar para o Enem? Agora é hora de colocar as dicas em prática! Afinal, escrever bastante é o melhor jeito de estudar essa matéria e evitar problemas na hora da prova. No Plano de Estudos Stoodi, você tem acesso a correções de seus textos e a vários temas para treinar. Venha conferir!

STOODI-TIM
Você pode gostar também
Passo a passo para acertar na redação
Leia mais

Passo a passo para acertar na redação

Assim como toda boa história, uma redação também deve ter começo, meio e fim. Pensar na redação do vestibular de forma estruturada contribui para a síntese das ideias e facilita a construção dos parágrafos. Para contribuir com o seu desenvolvimento, a equipe responsável pelas aulas de Português do Stoodi elaborou...