Quais são os tipos de redação mais cobrados no vestibular? Confira tudo sobre descrição

Conheça os elementos do texto descritivo, seus tipos e algumas dicas
A professora Karina já ensinou tudo sobre dissertações e narrações, agora chegou a hora de entender o gênero da descrição – um recurso muito utilizado durante os vestibulares.

Como muitos devem saber, a redação recebe uma nota muito representativa na prova, podendo ser o passaporte para a conquista de sua vaga. Sendo assim, vamos conhecer mais a fundo esse gênero textual.

Descrição

Esse tipo de texto já apareceu no vestibular da Unicamp, quando a universidade solicitou aos alunos que eles escrevessem um verbete explicando o que seria a computação e nuvem.

É importante se atentar a esse gênero textual principalmente porque ele pode ser encontrado, em menor escala, dentro dos outros tipos de texto, como na narração e na dissertação, por exemplo.

O que é a descrição?

É um texto com objetivo de caracterizar uma pessoa, um objeto ou um ambiente, de forma que o leitor crie uma imagem mental. Isso pode ser feito por meio dos 5 sentidos naturais: visão, audição, olfato, paladar e tato.

Tipos de descrição: objetiva e subjetiva

Ao criar um texto descritivo, podemos fazer isso de forma objetiva e literal – contando tudo que vemos, que ouvimos e que existe ali, de fato –, mas pode contar também nossas impressões subjetivas e sensações.

Por exemplo
Quando descrevemos a nossa casa, podemos falar quantos cômodos há nela, qual a sua cor, como é seu chão, qual a sua altura, qual seu cheiro, se possui ou não jardim e por aí vai… Podemos usar também a sinestesia e misturar os sentidos de forma poética e contar nossa sensação, como ao dizer que a casa tem cheiro de infância e gosto de felicidade.
Descrições objetivas: fiel à realidade, concreta e sem sentimentalismo.
Descrições subjetivas: carregada de impressões pessoais, metáforas e sentimentalismo.

Veja como utilizar os 5 sentidos na sua descrição. Dica: use sinestesia
Dica importante: esse tipo de texto nunca terá passagem temporal e não levará a sucessão de fatos (pois se levasse, o texto viraria narrativo).

Acesse gratuitamente por 14 DIAS mais de 6 mil videoaulas, 30 mil exercícios, resumos teóricos e materiais complementares pra download!

O aluno deve visualizar uma imagem sempre estática para fazer a descrição, como quem olha uma foto e a caracteriza.
Elementos da descrição

Uso do adjetivo constante no texto para demonstrar intensidade, uso dos verbos de estados – ser, estar, ficar, permanecer, parecer e outros – como ligação, uso de verbos no pretérito do imperfeito e presença de metáforas e comparações.

Campanha Always On Cadastros