Marx, Weber e Durkheim são presenças confirmadas

 

Como toda matéria de humanas, em sociologia não poderia ser diferente: professor Braian aconselha aluno a se preparar para muitos textos no ENEM. Ele revelou quais são os temas recorrentes do Exame Nacional do Ensino Médio e deu algumas dicas.

“Olha, os três porquinhos sempre caem: Marx, Weber e Durkheim. Pode apostar nisso que dá certo”, afirma o professor. O restante são variações com o tema.

O processo de industrialização e a formação do capitalismo na Europa costumam ser abordado na prova. A partir desses tópicos, o aluno é instigado a pensar a respeito de sua expansão para o mundo e, também, suas consequências.

Quando o capitalismo surge, a industrialização aparece com a proposta de uma benfeitoria pública, “mas o que se vê é justamente o contrário”, explica o professor.

Na Europa, percebe-se uma crise social e o surgimento de classes. A dica é o candidato revisar todo tipo de conteúdo que aborde esse surgimento de classes, pois costuma cair no ENEM. “Quais são essas classes e suas reivindicações? ”, pergunta o professor. É exatamente nesse momento que aparecem algumas teorias socialistas para responder o problema.
Outra matéria recorrente dessa prova é o imperialismo europeu. Ela aborda a força da ideologia usada pelos europeus para realizar o neocolonialismo.

Contudo, foi apenas no século XX que grande parte desses países garantiram sua independência.

Junto a isso, está intrínseco a ideia de etnocentrismo. “A questão do europeu se colocar como centro do mundo, como mais evoluído e condutor do progresso para os menos evoluídos’, conclui Braian.

0 Shares:
Você pode gostar também