Provas para ingressar na graduação continuam acontecendo na pandemia 

Imagem: https://www.pexels.com/pt-br/foto/teclado-apple-mouse-apple-vista-traseira-computador-4144222/ 

O vestibular já é um momento desafiador para todos os estudantes, por conta da concorrência. Para ingressar na Universidade de São Paulo, que é a mais desejada pelos vestibulandos, a relação de candidato por vaga chega a 154. Esse é o caso do curso de Medicina, embora muitos outros fiquem acima de 30. 

Porém, a dificuldade aumentou ainda mais devido à pandemia. Afinal, grande parte das escolas está fechada ou sistema híbrido, ou seja, tendo aulas presenciais e on-line. Essa mudança na rotina faz com que os estudantes fiquem mais confusos na hora de estudar. Ainda assim, é possível obter aproveitamento nesta época. 

Em 2020, muitos vestibulandos passaram pelo mesmo problema e superaram os obstáculos. O segredo está na organização e no foco. Confira dicas para se preparar mesmo estando em casa!

Escolha um lugar para estudar

A maior parte das pessoas foi pega de surpresa com as aulas virtuais e não tem um espaço específico para os estudos, como um escritório ou biblioteca. Apesar disso, é possível providenciar um espaço, ainda que pequeno, para se dedicar ao preparo do vestibular. 

O ideal é que o estudante fique em um ambiente onde não será interrompido com facilidade – pode ser o quarto ou a cozinha. Em geral, a sala não é a mais apropriada, pois costuma ser o cômodo mais movimentado das casas. 

Faça anotações em papel

Embora a tecnologia seja muito importante para o aprendizado, as telas não precisam substituir por completo o papel e a caneta. Até porque, o ato de escrever à mão é melhor para absorver os conteúdos. É isso o que aponta estudos como o da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia, publicado no Catraca Livre

Então, na hora de estudar, é só o estudante usar o aparelho como uma lousa de sala de aula. Da mesma forma que é necessário fazer anotações em um caderno, é importante escrever o que entende enquanto o professor. Isso será muito importante para o aprendizado, sem contar que evitará ter que voltar aos vídeos caso tenha uma dúvida durante um exercício. 

Imagem: https://www.pexels.com/pt-br/foto/mulher-de-camisa-cinza-sentada-na-cama-3954635/ 

Monte um grupo de estudos 

Montar um grupo de estudos também é interessante para tornar a preparação mais dinâmica, além de tirar o vestibulando da solidão. Nesse sentido, é possível usar uma das ferramentas de encontros virtuais que as empresas e escolas já estão usando.

O Microsoft Teams, por exemplo, serve para fazer conferência grátis e possui várias funcionalidades interessantes. Além dos encontros digitais, ele possui opção para ativar legendas ao vivo, fazer anotações durante o evento, ter acesso a uma transcrição e até diferentes salas para o mesmo grupo de pessoas. Dessa forma, os estudantes podem se encontrar e depois se dividir para trocar informações, conhecimentos e fazer exercícios juntos. 

Faça mapas mentais 

Não basta apenas escrever tudo o que ouve. Para absorver o máximo de conteúdo, é necessário que o estudante saiba ligar informações diferentes e faça associações. 

Uma forma de visualizar melhor as matérias é por meio dos mapas de estudos. Eles não substituem os resumos, mas servem para complementá-lo, já que em um mesmo esquema é possível colocar matérias diferentes como história e geografia

Teste o que aprendeu

Por fim, mas não menos importante, os estudantes precisam testar se estão absorvendo os conteúdos. Além dos exercícios que acompanham as disciplinas, é necessário fazer mais do que isso para se destacar no vestibular. 

O recomendável nessa época é refazer processos seletivos anteriores. As principais universidades disponibilizam os vestibulares anteriores, então, os candidatos podem baixá-las, resolver as questões e depois conferir o desempenho. Dessa forma, há menos chance de ser surpreendido por um tipo de pergunta que não conhecia. 

Ainda que o momento não seja dos mais tranquilos para estudar, quem deseja ingressar no ensino superior não pode desanimar. É hora de aproveitar as ferramentas e conteúdos da internet para se organizar e se preparar para os próximos vestibulares!

Banner Stoodi Med
Você pode gostar também
PUC-PR abre as inscrições para o vestibular 2016 de Medicina
Leia mais

PUC-PR abre as inscrições para o vestibular 2016 de Medicina

Candidato tem até o dia 7 de outubro para realizar a inscrição. O valor da taxa varia entre R$ 220 até R$ 400 Até 7 de outubro a Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR) recebe inscrições para o processo seletivo que irá ofertar 101 vagas para ingresso no primeiro semestre...
Abre inscrições para Fuvest 2016
Leia mais

Abre inscrições para Fuvest 2016

Período para se inscrever no vestibular vai até 9 de setembro. Valor cobrado para realizar a prova é de R$ 145,00 Foto: Marcos Santos/USP Imagens Foram abertas as inscrições para o vestibular Fuvest 2016 da Universidade de São Paulo (USP) nesta sexta-feira (21). O período de inscrição se encerra em...