Simule agora a sua nota do Enem 2021 com o nosso gabarito clicando aqui.

Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

FGV-RJ 2013

Arqueólogos descobriram ossos de animais enterrados em um sítio. Sabendo que organismos vivos
têm uma concentração constante de Carbono-14 (14C), e que, quando morrem, a concentração de 14C
passa a diminuir pela transformação de 14C em Nitrogênio-14 (14N), com emissão de partícula beta (β)
(14C → 14N + β), os pesquisadores mediram a taxa de desintegração do Carbono-14 dos ossos, para
determinar a época em que os animais viveram. Obtiveram 4 desintegrações por minuto por grama
de carbono.
 

A partir das informações acima e dos dados fornecidos abaixo, pode-se concluir que os animais
deixaram de viver há, aproximadamente,

 

Dados
· Considere que, nos seres vivos, a taxa de emissão radioativa do Carbono-14 é aproximadamente igual a 16
desintegrações por minuto por grama de carbono.
· A meia-vida do 14C é de 5 730 anos.
· Meia-vida é o tempo em que o número de núcleos radioativos de uma amostra diminui para a metade.

Escolha uma das alternativas.