Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

FTT 2016

A siderurgia é um dos setores industriais mais importantes no Brasil. A produção do ferro gusa ocorre em reatores denominados altos-fornos. Nele empregam-se como matérias-primas o minério de ferro, rico em hematita, Fe2O3 e o coque, material rico em carbono que, no interior do alto-forno, dá origem ao monóxido de carbono, que participa da formação do ferro metálico. Essas reações são representadas por

C (s) + O2 (g) → CO (g) (equação I)

Fe2O3 (s) + CO (g) → Fe (l) + CO2 (g) (equação II)

Nos altos-fornos são empregados, também, o calcário, rico em CaCO3. Essa substância se decompõe formando CaO que, por sua vez, reage com as impurezas do minério de ferro, a sílica, SiO2, formando CaSiO3, que é removido como subproduto na forma de escória.

CaCO3 (s) → CaO (s) + CO2 (g) (equação III)

CaO (s) + SiO2 (s) → CaSiO3 (l) (equação IV)

O calor, em kJ/mol, envolvido na decomposição de um mol de CaCO3, reação III, e a classificação dessa reação são, correta e respectivamente:

Dados: Entalpia padrão de formação ΔHfo kJ/mol

CaCO3                                                           –1 207
CaO                                                                –635
CO2                                                                 –394

Escolha uma das alternativas.