Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

Exercícios de Blocos Supranacionais

Voltar para exercícios de Geografia

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Blocos Supranacionais dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 61. UNCISAL 2009
    Um dos fenômenos importantes da economia global é a formação de blocos econômicos.   Sobre seus modelos, características e exemplos, pode-se considerar
  2. 62. UNICENTRO 2010
    A formação do MERCOSUL e do NAFTA significou um grande avanço para o Continente Americano porque deram início à defesa de um comércio mais intenso entre os países de todo o continente. Assinale a alternativa correta.
  3. 63. ENEM - 3 APLICACAO 2014
    As consequências da crise na zona do euro só estão começando para a maioria dos países. Em 2008, perseguindo maior competitividade, a França já havia eliminado o limite de 35 horas semanais de trabalho no país. As empresas também têm endurecido nas negociações com os sindicatos, a fim de cortar gastos com mão de obra. As economias dos países mais encrencados são também as mais "pesadas" em termos de custo de mão de obra e as menos produtivas da Europa. Folha de São Paulo, 11 dez. 2011 (adaptado).   A crise na zona do euro já apresenta impactos no trabalho e na produção, em função da 
  4. 64. UFU 2013
    A morte de Hugo Chávez na terça-feira (5/03/2013), aos 58 anos, marca o fim de um período de quase 14 anos nos quais o ex-coronel esteve à frente do país e promoveu inúmeras transformações defendidas por seus simpatizantes e criticadas pelos opositores. Disponível em: . Acesso: 13 mar. 2013.     A Venezuela, no período em que Hugo Chaves ocupou o mais alto cargo do poder executivo, foi palco de diversos acontecimentos relevantes para a história do país, dentre eles,
  5. 65. ESPM 2013
    A entrada da Venezuela como membro ple­no do MERCOSUL permite que o Bloco re­formule a sua composição e ganhe novo impulso graças à incorporação da terceira economia da América do Sul.   Quanto ao ingresso da Venezuela no MER­COSUL é correto assinalar:
  6. 66. UESC 2011
    Dentre os fatores responsáveis pelas mudanças na distribuição espacial da atividade industrial no Brasil, encontra-se
  7. 67. UFT 2014
    Sobre o Mercado Comum do Sul (MERCOSUL), é INCORRETO afirmar:
  8. 68. UFMS 2008
    Em dezembro de 2006, os líderes da União Europeia endureceram as regras para a adesão de novos membros no bloco, o que ameaça as negociações atualmente em curso com a Turquia. Com território em dois continentes, Europa e Ásia, a Turquia, ao contrário de outros países com maioria de população muçulmana, estabeleceu uma rígida separação entre o Estado e a religião, além de ter implantado uma série de reformas estruturais visando adaptar o país às condições exigidas pela União Europeia. Ainda assim, essa adesão esbarra em vários problemas. Considerando as informações acima e os seus conhecimentos sobre o assunto, assinale a alternativa correta a respeito dos problemas que dificultam a inserção da Turquia na União Europeia.
  9. 69. UEG 2007
    A globalização é o fenômeno mais recente da economia capitalista mundial. O mundo globalizado definiu uma nova organização do espaço geográfico, com impacto em todas as regiões do mundo, ampliando as diferenças entre os países desenvolvidos e subdesenvolvidos e entre as classes sociais no interior de cada um deles. Hoje, mais do que nunca, o mercado é controlado pelas grandes corporações multinacionais aglutinadas em diferentes blocos econômicos. A respeito desse assunto, é CORRETO afirmar:
  10. 70. ENEM PPL 2012
    Na União Europeia, buscava-se coordenar políticas domésticas, primeiro no plano do carvão e do aço, e em seguida em várias áreas, inclusive infraestrutura e políticas sociais. E essa coordenação de ações estatais cresceu de tal maneira, que as políticas sociais e as macropolíticas passaram a ser coordenadas, para, finalmente, a própria política monetária vir a ser também objeto de coordenação com vistas à adoção de uma moeda única. No Mercosul, em vez de haver legislações e instituições comuns e coordenação de políticas domésticas, adotam-se regras claras e confiáveis para garantir o relacionamento econômico entre esses países. ALBUQUERQUE, J. A. G. Relações internacionais contemporâneas: a ordem mundial depois da Guerra Fria. Petrópolis: Vozes, 2007 (adaptado).   Os aspectos destacados no texto que diferenciam os estágios dos processos de integração da União Europeia e do Mercosul são, respectivamente,
  11. 71. UFOP 2010
    “A mundialização da economia capitalista gerou a segmentação do espaço econômico mundial. Esta característica geográfica se expressa no final do século XX na formação de blocos econômicos em todo o mundo”. Fonte: OLIVEIRA, A. A mundialização do capitalismo e a geopolítica mundial no fim do século XX. In: ROSS, J. L. Sanches (org.). Geografia do Brasil, v. 3. São Paulo: EdUSP, 1996. p. 255.   Sobre a formação dos blocos econômicos, assinale a afirmativa INCORRETA.
  12. 72. UNAMA 2010
    No início da década de 2001, uma nova sigla surge no mundo econômico, os BRICS, denominação dada a um grupo de países gigantes, de economia emergente e grande população absoluta: Brasil, Rússia, Índia e China, cujo crescimento econômico poderá incomodar no futuro os países ricos.   Sobre estes países, é correto afirmar que:
  13. 73. UNICENTRO 2010
    A integração econômica de vários países, culminando com o surgimento dos blocos econômicos supranacionais, responde a uma questão primordial colocada pela lógica capitalista.   Em uma economia globalizada e cada vez mais competitiva, a constituição desses blocos visa atender
  14. 74. FUVEST 1998
    A Itália é um dos países mais industrializados da União Europeia. Em seu território, a região que concentra maior atividade fabril é
  15. 75. UNCISAL 2012
    Há dez anos, em 1o de janeiro de 2002, entrou oficialmente em circulação o euro, a moeda única corrente em países que compõem a União Europeia (UE). Na época, o lastro monetário simbolizava a integração do continente que, no século XX, enfrentou duas guerras mundiais e uma divisão ideológica que quase provocou uma terceira. Hoje, porém, o euro é sinônimo de incertezas, numa crise que ameaça o futuro da segunda economia do planeta.   Sobre a crise do Euro, assinale a opção incorreta.  
  16. 76. ESPM 2014
    Em sua cerimônia de posse na Presidên­cia do Paraguai, Horácio Cartes declarou: “Creio no fortalecimento dos organismos sub-regionais, regionais e mundiais. Partici­pamos e participaremos destes organismos para consolidar a democracia, fomentar a integração, a cooperação e a vigência dos direitos humanos.”   Apesar do discurso, o novo presidente pa­raguaio revelou que seu país não deverá re­tornar ao Mercosul no curto prazo. Esse po­sicionamento decorre:
  17. 77. FGV-RJ 2015
    Então, reduzir a desigualdade por meio da redistribuição prejudica o crescimento econômico? Não, segundo dois estudos marcantes feitos por economistas do FMI (Fundo Monetário Internacional), que dificilmente é uma organização de esquerda. O primeiro estudo examinou as relações históricas entre desigualdade e crescimento e descobriu que os países com desigualdade de renda relativamente baixa "têm mais êxito em alcançar um crescimento econômico sustentado, em oposição a surtos ocasionais". O segundo, divulgado no mês passado, analisou diretamente o efeito da redistribuição de renda e concluiu que "a redistribuição parece geralmente benigna em termos de seu impacto sobre o crescimento. http://noticias.uol.com.br/blogs-e-colunas/coluna/paul-krugman/2014/03/11/o-lugar-da-distribuicao-de-renda-no-discurso-publico.htm   Pode-se inferir que é coerente com os argumentos do texto:
  18. 78. UNICENTRO 2005
    PORTAS ABERTAS “A União Européia percorreu um longo caminho desde a data em que os seis Estados-Membros fundadores uniram os seus recursos para criar em 1951 a Comunidade Européia do Carvão e do Aço e, em 1957, a Comunidade Econômica Européia, apelando para os outros povos da Europa ‘que partilham dos seus ideais para se associarem aos seus esforços’. Os seis Estados-Membros passaram a ser nove em 1973 e, em 1995, a União contava com quinze Estados-Membros. Entretanto, a União Européia (como passou a designar-se) tinha criado um mercado único e uma moeda única, estendendo simultaneamente a sua agenda econômica e social à política externa e de segurança. O atual alargamento de 15 para 25 Estados-Membros será o maior da história da União. As raízes deste alargamento remontam ao colapso do comunismo, simbolizado pela queda do muro de Berlim em 1989, que ofereceu uma oportunidade inesperada e sem precedentes de alargar a integração européia à Europa Central e Oriental. Uma das primeiras prioridades da União após o alargamento é melhorar o nível de vida nos novos Estados-Membros, que se situa nitidamente abaixo da média da U.E.” (Disponível em: Acesso em 20 jul. 2004.) As palavras finais do texto (...) melhorar o nível de vida nos novos Estados-Membros, que se situa nitidamente abaixo da média da U.E. referem-se aos novos integrantes da União Européia, aceitos em 2004. Assinale a alternativa que apresenta três dos dez novos Estados-Membros.
  19. 79. UNCISAL 2013
    O Brasil, a Rússia, Índia e China alcançaram grande importância na economia mundial. O grupo formado por estes quatro países passou a ser chamado de BRIC. Essa sigla foi criada em 2001 pelo economista Jim O’neill, do grupo Goldman Sachs. O BRIC já tem importância política mundial, e a Rússia, Índia e China contam com um grande poderio militar. Neste sentido, é correto afirmar:
  20. 80. UFU 1998
    Com relação ao Mercosul (Mercado Comum do Sul), é correto afirmar que I- o Mercosul nasceu da aproximação entre Brasil, Argentina e Uruguai, no final dos anos 70. A motivação inicial para sua formação foi econômica, provocada pelos processos de privatizações iniciados nos três países. II- a integração entre os países membros é completa, com a liberalização do comércio dos chamados fatores de produção pessoas, bens e capitais estimulando a livre circulação de mercadorias. III- no estágio atual, o Mercosul ainda é uma União Aduaneira, com a constituição de uma área de livre comércio e uma política comum de relacionamento comercial entre seus membros e os demais países. IV- a redemocratização do Brasil e da Argentina, nos anos 80, criou condições políticas necessárias para demonstrar que a rivalidade entre os dois países era artificialmente alimentada pelo nacionalismo militar. Assinale a alternativa correta.
  21. 81. UNIOESTE 2013
    Mesmo num mundo globalizado, temos a existência tanto de blocos econômicos regionais de poder (MERCOSUL, ALCA, União Europeia, CEI, CARICOM etc.) como de regionalismos com incrível força política.   Diante deste cenário, assinale a alternativa correta.
  22. 82. UEMA 2011
    A África sempre foi sinônimo de corrupção e miséria, mas agora virou berço de algumas das empresas mais atraentes do mundo em desenvolvimento – e elas já brigam pelo mercado global. Mais miserável e violento entre todos os continentes, finalmente começa a mostrar ao mundo uma face menos sombria. A grande oportunidade foi a Copa do Mundo sediada no país mais desenvolvido da região, a África do Sul. ANTUNES, Luciene. As emergentes dos emergentes. Revista Exame, São Paulo, n. 12, p. 74, jun. 2010.   Com base no texto e no papel do continente africano no contexto contemporâneo, leia as afirmações e assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de verdadeiras (V) e falsas (F), respectivamente. [  ] – As companhias africanas são fundadas em sua maioria em um dos oito países conhecidos como “leões africanos”, todas elas têm algum tipo de atuação fora de seu país de origem. [  ] – Na última década as 500 maiores companhias da África (excluído o setor bancário) cresceram em média mais de 8% ao ano, um ritmo invejável em qualquer lugar. Entre elas, 40 corporações foram destacadas no recente estudo como as melhores representantes do momento econômico vivido na região. [  ] – O bom desempenho das empresas africanas devese aos bons preços das commodities dos últimos anos. Estima-se que na última década as cotações de petróleo, fosfato e platina, três importantes itens da pauta de exportação africana, tenham quintuplicado. [  ] – Os três “leões africanos” cuja estimativa de crescimento do PIB é maior para o ano de 2010 foram Botsuana (6,3%), Líbia (5,2%) e Angola (4,6%).
  23. 83. UNICENTRO 2012
    Marque V nas afirmativas verdadeiras e F, nas falsas. A crise econômica que atinge a União Europeia (UE), rescaldo da crise mundial de 2008, provocou a desvalorização do euro no mercado internacional e ameaça a sobrevivência da moeda. Entre as consequências do quadro apresentado, pode-se destacar ( ) o aumento do valor dos imóveis na Irlanda, criando o que os economistas chamam de “bolha”. ( ) a redução forçada da importação de minérios pela Espanha, país que não dispõe de recursos minerais, comprometendo sua economia. ( ) a impossibilidade de a Grécia lidar com os gastos públicos elevados e com o endividamento do Estado. ( ) a reformulação do sistema previdenciário francês, que provocou protestos violentos da população. ( ) a eliminação de numerosos postos de trabalho pelo governo português, que também proibiu a contratação de mão de obra estrangeira e a imigração de pessoas oriundas do Cone Sul.   A alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo, é a
  24. 84. UERJ 2011
    Europa Ocidental: a construção da unidade   A criação da República Federal Alemã (1949) reativou o temor francês do ressurgimento do nacionalismo alemão. Foi nessa atmosfera confusa e carregada que, em maio de 1950, foi apresentado o plano do ministro do exterior, Robert Schuman, de integrar as siderurgias francesa e alemã. O Plano Schuman previa a instituição de uma autoridade comum, supranacional, com poderes para coordenar o reerguimento da produção de carvão e aço nos dois países. Outros países poderiam aderir à iniciativa. O Tratado da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço - CECA foi assinado em 1951. Adaptado de MAGNOLI, Demétrio. O mundo contemporâneo. São Paulo: Atual, 2004.   A criação da CECA deu origem a um conjunto de iniciativas de integração no continente europeu, dentre elas, as raízes da própria União Europeia.   O conceito fundamental nesse processo de integração entre Estados-Nacionais é:
  25. 85. FGV-RJ 2013
    Em 22 de junho de 2012, o presidente Fernando Lugo foi acusado de fraco desempenho de suas funções e destituído pelo Senado paraguaio.   Sobre as repercussões desse fato na agenda externa do país, pode-se inferir que:
  26. 86. UNESP 2016
    O BRICS – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – vem negociando cuidadosamente o estabelecimento de mecanismos independentes de financiamento e estabilização, como o Arranjo Contingente de Reservas (Contingent Reserve Arrangement – CRA) e o Novo Banco de Desenvolvimento (New Development Bank – NDB). O primeiro será um fundo de estabilização entre os cinco países; o segundo, um banco para financiamento de projetos de investimento no BRICS e outros países em desenvolvimento. (www.cartamaior.com.br. Adaptado.)     O Arranjo Contingente de Reservas e o Novo Banco de Desenvolvimento procuram suprir a escassez de recursos nas economias emergentes.   Tais iniciativas constituem uma alternativa
  27. 87. UNICENTRO 2009
    A União Europeia é o bloco econômico mais completo da atualidade.   Sobre esse megabloco regional é INCORRETO afirmar que
  28. 88. UNICENTRO 2011
    A justificativa para a sigla BRIC, segundo seu propositor original, é a dimensão do impacto da economia dos países que participam desse grupo na economia mundial e sua capacidade de moldar o futuro de outros países em desenvolvimento.   Sobre os países que compõem o BRIC, assinale com V as afirmativas verdadeiras e com F, as falsas.   ( ) O Brasil é o que possui estruturas capitalistas mais avançadas e a sociedade mais integrada, nos planos linguístico, cultural, étnico e religioso. ( ) Os países ex-socialistas apresentam características autoritárias, consolidando o legado de séculos como Estados totalitários. ( ) No plano demográfico, fazem parte do BRIC os países mais populosos e povoados do planeta. ( ) A Índia e o Brasil apresentam trajetórias democráticas, ainda que com diferenças de funcionamento e de justiça social. ( ) A Rússia é a economia de mercado que mais se aproxima do padrão capitalista de organização.   A alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo, é a
  29. 89. ACAFE 2015
    Com relação a atualidade, todas as alternativas estão corretas, exceto a:
  30. 90. UEL 2008
    Sobre os acordos de livre comércio no continente americano é correto afirmar que:
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login