Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Hidrosfera dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 61

    UECE 2019

    Geologicamente, um aquífero é todo qualquer corpo capaz de armazenar e transmitir água como, por exemplo, os aquíferos cársticos que ocorrem em rochas calcárias. Atente para oque se diz a seguir sobre esses aquíferos e assinale a afirmação verdadeira.

  2. 62

    UFPR 2019

    A água é um dos principais agentes que modelam e modificam a paisagem natural. A figura ao lado ilustra os principais componentes do ciclo hidrológico na fase terrestre, exemplificando-os sobre uma encosta vegetada. Considerando um cenário futuro de supressão de toda a vegetação da área ilustrada, assinale a alternativa correta.

  3. 63

    UFRGS 2018

    No bloco superior abaixo, estão indicadas as regiões hidrográficas brasileiras; no inferior, informações sobre essas regiões. Associe adequadamente o bloco inferior ao superior. 1 - Amazônia 2 - São Francisco 3 - Paraná 4 - Paraguai ( ) Apresenta grande potencial energético, e seu rio principal atravessa o polígono das secas. ( ) Drena as terras do Pantanal Mato-grossense, e seu rio principal é de planície. ( ) Ocupa trechos do Planalto Meridional, e seus rios são facilmente navegáveis. ( ) Abrange terras da zona equatorial e tem nascentes nos Andes.   A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é

  4. 64

    UFRGS 2017

    Os oceanos são grandes fontes de alimento pela riqueza de sua vida marinha, embora, nos últimos tempos, venham enfrentando problemas ambientais, provocados por ações humanas. Considere as seguintes afirmações sobre os problemas ambientais dos oceanos. I - As águas oceânicas recebem todos os produtos derivados de atividades industriais, mas suas grandes extensões reduzem a concentração dos poluentes, não oferecendo grandes riscos à fauna marinha. II - A pesca predatória, em escala industrial, retira do mar milhares de toneladas de peixes sem nenhum controle quanto à seleção das espécies e à época de reprodução de cada uma, o que pode levar cardumes inteiros ao desaparecimento. III- Os acidentes de manutenção nas plataformas de gás e petróleo são responsáveis pela maior parte das descargas de óleo nos oceanos. Quais estão corretas?

  5. 65

    UNESP 2018

    Texto 1 A água sai de Cabrobó Parnamirim, Salgueiro Até Jati Deixe o rio desaguar doutor Pra acabar Com o sofrimento daqui   O São Francisco Com sua transposição No meu Nordeste O progresso vai chegar [...] Na contramão O meu sertão não vai ficar (Aracílio Araújo. “Deixe o rio desaguar”. www.letras.mus.br.)   Texto 2 Os vazanteiros, que fazem horticultura no leito dos rios que perdem fluxo durante o ano, serão os primeiros a serem totalmente prejudicados. Mas os técnicos insensíveis dirão com enfado: “a cultura de vazante já era”, postergando a realocação dos heróis que abastecem as feiras dos sertões. A eles se deve conceder a prioridade em relação aos espaços irrigáveis a serem implantados com a transposição. De imediato, porém, serão os proprietários 1absenteístas da beira alta e colinas sertanejas que terão água disponível para o gado, o que agregará ainda mais valor às suas terras. (Aziz N. Ab’Sáber. “A quem serve a transposição das águas do São Francisco?”. CartaCapital, 22.03.2011. Adaptado.)   1 absenteísmo: sistema de exploração da terra em que o proprietário confia sua administração a intermediários, empreiteiros, rendeiros ou feitores. As perspectivas expressas nos textos 1 e 2 podem ser associadas, respectivamente, aos seguintes impactos ambientais provenientes da transposição das águas do Rio São Francisco:

  6. 66

    UFRN 2009

    Os recursos hídricos do Rio Grande do Norte são representados por oceano, lagoas, rios, barragens e águas subterrâneas, que vêm sendo usados para atender às diversas necessidades da população.   Tendo como base os recursos hídricos do Rio Grande do Norte,

  7. 67

    FURG 2010

    A transposição das águas do rio São Francisco é um projeto que pretende acabar com o problema da falta de água na região nordeste brasileira. O referido projeto desviaria as águas do “velho Chico” do seu curso normal, por meio de dutos e canos, onde a água seria levada para lugares distantes, irrigando áreas do nordeste.   O rio São Francisco nasce   

  8. 68

    UNICENTRO 2009

    O oxigênio dissolvido é uma medida da quantidade de oxigênio gasoso dissolvido na água ou solução aquosa. Este é o parâmetro mais importante para determinar a qualidade da água de um rio, uma vez que ele garante a vida dos peixes e a biota aquática. Assim, a maioria das normas ambientais exigem o cumprimento de valores que garantam a efetiva proteção da vida. No entanto, variados processos e ações do homem destroem significativamente o nível de oxigênio dissolvido nos rios.   Dentre as opções listadas abaixo assinale qual é a principal ação que de fato hoje provoca essa destruição?

  9. 69

    UEMG 2007

    Leia o trecho abaixo. Cheia Interdita a Navegação “A circulação de embarcações no Rio Yang-tsé foi interrompida hoje na altura da barragem de _________,em construção, onde o fluxo do rio mais comprido da ________ deve chegar aos 46.000 metros cúbicos por segundo. A navegação é interditada sempre que o caudal do rio supera os 30.000 metros cúbicos por segundo”. (Folha on line – 17/08/2006) Assinale a alternativa cujas expressões completam CORRETAMENTE as lacunas acima.

  10. 70

    ENEM 2002

    Segundo uma organização mundial de estudos ambientais, em 2025, “duas de cada três pessoas viverão situações de carência de água, caso não haja mudanças no padrão atual de consumo do produto.” Uma alternativa adequada e viável para prevenir a escassez, considerando-se a disponibilidade global, seria

  11. 71

    ENEM 2003

    “Águas de março definem se falta luz este ano”. Esse foi o título de uma reportagem em jornal de circulação nacional, pouco antes do início do racionamento do consumo de energia elétrica, em 2001.   No Brasil, a relação entre a produção de eletricidade e a utilização de recursos hídricos, estabelecida nessa manchete, se justifica porque

  12. 72

    UNCISAL 2011

    Além do mau uso, a demanda por esse recurso tem sido cada vez maior, devido ao crescimento populacional e à ampliação de atividades econômicas. Quanto à renovação desse impor- tante recurso, não há comprovações sobre o seu aumento, pelo contrário, sua escassez em algumas regiões do mundo já é uma realidade. Portanto, apesar de renovável, muitos povos sofrem com a sua diminuição e futuramente terão sua sobrevivência ameaçada. A afirmação revela a preocupação com a escassez

  13. 73

    ENEM 2003

    A falta de água doce no Planeta será, possivelmente, um dos mais graves problemas deste século. Prevê-se que, nos próximos vinte anos, a quantidade de água doce disponível para cada habitante será drasticamente reduzida.   Por meio de seus diferentes usos e consumos, as atividades humanas interferem no ciclo da água, alterando

  14. 74

    ENEM 2007

    O artigo 1.º da Lei Federal n.º 9.433/1997 (Lei das Águas) estabelece, entre outros, os seguintes fundamentos: I. a água é um bem de domínio público; II. a água é um recurso natural limitado, dotado de valor econômico; III. em situações de escassez, os usos prioritários dos recursos hídricos são o consumo humano e a dessedentação de animais; IV. a gestão dos recursos hídricos deve sempre proporcionar o uso múltiplo das águas.   Considere que um rio nasça em uma fazenda cuja única atividade produtiva seja a lavoura irrigada de milho e que a companhia de águas do município em que se encontra a fazenda colete água desse rio para abastecer a cidade. Considere, ainda, que, durante uma estiagem, o volume de água do rio tenha chegado ao nível crítico, tornando-se insuficiente para garantir o consumo humano e a atividade agrícola mencionada.   Nessa situação, estaria de acordo com o artigo 1.º da Lei das Águas a medida que visa

  15. 75

    ENEM 2006

    Com base em projeções realizadas por especialistas, prevê-se, para o fim do século XXI, aumento de temperatura media, no planeta, entre 1,4 ºC e 5,8 ºC. Como consequência desse aquecimento, possivelmente o clima será mais quente e mais úmido bem como ocorrerão mais enchentes em algumas áreas e secas crônicas em outras. O aquecimento também provocará o desaparecimento de algumas geleiras, o que acarretara o aumento do nível dos oceanos e a inundação de certas áreas litorâneas. As mudanças climáticas previstas para o fim do século XXI

  16. 76

    ENEM 2006

    A situação atual das bacias hidrográficas de São Paulo tem sido alvo de preocupações ambientais: a demanda hídrica é maior que a oferta de água e ocorre excesso de poluição industrial e residencial. Um dos casos mais graves de poluição da água é o da bacia do alto Tietê, onde se localiza a região metropolitana de São Paulo. Os rios Tietê e Pinheiros estão muito poluídos, o que compromete o uso da água pela população.   Avalie se as ações apresentadas abaixo são adequadas para se reduzir a poluição desses rios. I. Investir em mecanismos de reciclagem da água utilizada nos processos industriais. II. Investir em obras que viabilizem a transposição de águas de mananciais adjacentes para os rios poluídos. III. Implementar obras de saneamento básico e construir estações de tratamento de esgotos.   É adequado o que se propõe

  17. 77

    ENEM 2003

    Considerando os custos e a importância da preservação dos recursos hídricos, uma indústria decidiu purificar parte da água que consome para reutilizá-la no processo industrial.   De uma perspectiva econômica e ambiental, a iniciativa é importante porque esse processo

  18. 78

    UNEMAT 2006

    O Brasil é um país de extraordinária malha hidrográfica, proporcionando através de seus importantes rios diversas atividades fundamentais para o crescimento econômico e o bem-estar da população. Sobre os rios brasileiros analise as alternativas e assinale a CORRETA.

  19. 79

    UEG 2002

    “A Terra é azul”, constatou Yuri Gagarin, o primeiro e privilegiado astronauta que a avistou lá de cima. E é azul porque tem 1,5 bilhão de quilômetros cúbicos de água. Tomando apenas sua extensão de superfície, temos 70% mais água do que terra firme no planeta. O ciclo é perfeito e interminável: o Sol aquece o solo, os rios e os mares; então, o vapor sobe, agrega-se formando nuvens, daí cai de chuva, alimentando rios, lagos, represas e lençóis subterrâneos. É assim desde que o mundo é mundo, o que nos leva a pensar que água é um recurso natural abundante e inesgotável. Não é. CAPELAS JÚNIOR, Afonso. O azul da Terra. Superinteressante [Super Especial: Como salvar a Terra], Rio de Janeiro, jun. 2001, p. 28.   Diante do exposto acima, analise as proposições a seguir e marque a alternativa INCORRETA:

  20. 80

    UNCISAL 2010

    A poluição e o mau uso de mananciais ampliam a escassez hídrica. Esse líquido tornou-se precioso no mundo. Essa afirmativa refere-se

  21. 81

    ENEM CANCELADO 2009

    Três países — Etiópia, Sudão e Egito — usam grande quantidade da água que corre pelo Rio Nilo, na África. Para atender às necessidades de populações que crescem com rapidez, a Etiópia e o Sudão planejam desviar mais água do Nilo do que já desviam. Diante de dificuldades naturais que caracterizam o ciclo hidrológico nessa região, como baixa pluviosidade e altas taxas de evaporação, esses desvios feitos rio acima poderiam reduzir a quantidade de recursos hídricos disponíveis para o Egito, o último país ao longo da extensão do rio, que não pode sobreviver sem esses recursos naturais. MILLER Jr., G. T. Ciência Ambiental, São Paulo: Thomson, 2007 (adaptado).     Diante dessa ameaça, qual seria a melhor opção para o Egito?

  22. 82

    ENEM 2001

    Algumas medidas podem ser propostas com relação aos problemas da água: I. Represamento de rios e córregos próximo às cidades de maior porte. II. Controle da ocupação urbana, especialmente em torno dos mananciais. III. Proibição do despejo de esgoto industrial e doméstico sem tratamento nos rios e represas. IV. Transferência de volume de água entre bacias hidrográficas para atender as cidades que já apresentam alto grau de poluição em seus mananciais.   As duas ações que devem ser tratadas como prioridades para a preservação da qualidade dos recursos hídricos são

  23. 83

    UNESP 2008

    O recorde de aumento do desmatamento da Floresta Amazônica nos últimos quatro meses nos desafia a buscar respostas e responsabilidades. Depois de quatro anos da festejada queda no desmatamento, amargamos esta notícia dramática. A perda de sete mil quilômetros quadrados de floresta no segundo semestre de 2007 não é mais que a mostra visível das conseqüências de um modelo de crescimento ancorado nos monocultivos que busca alcançar recordes exportadores de soja, carne e outros produtos com preços conjunturalmente altos no mercado internacional. Se olharmos os dados dos estados onde se desmatou, veremos que Mato Grosso, campeão da produção de soja, foi o que mais desmatou (53,7% do total) seguido de Pará (17,8%) e de Rondônia (16%). Disponível em: www.ecoagencia.com.br. Acesso: 08 de fevereiro de 2008. Com base nessa reportagem, analise os itens seguintes. I. Perda de produtividade e mudanças no regime hidrológico. II. Aumento das precipitações e crescimento das espécies higrófilas. III. Perda da biodiversidade e emissões de gases do efeito estufa. IV. Diminuição da biodiversidade e aumento da fertilidade e produtividade do solo.   Os itens que apresentam os impactos do processo de desmatamento na Amazônia são

  24. 84

    UNIOESTE 2013

    De toda a água disponível no globo, 97,2% está nos oceanos, o restante é chamada água continental, que se divide em rios e lagos (0,02 % do total), geleiras (2,1 % do total) e subterrâneas (0,6 % do total).   Sobre as águas subterrâneas, assinale a alternativa INCORRETA.

  25. 85

    UNIR 2010

    Sobre a água no Planeta, pode-se inferir que:

  26. 86

    ENEM 2005

    Segundo a análise do Prof. Paulo Canedo de Magalhães, do Laboratório de Hidrologia da COPPE, UFRJ, o projeto de transposição das águas do Rio São Francisco envolve uma vazão de água modesta e não representa nenhum perigo para o Velho Chico, mas pode beneficiar milhões de pessoas. No entanto, o sucesso do empreendimento dependerá do aprimoramento da capacidade de gestão das águas nas regiões doadora e receptora, bem como no exercício cotidiano de operar e manter o sistema transportador.  Embora não seja contestado que o reforço hídrico poderá beneficiar o interior do Nordeste, um grupo de cientistas e técnicos, a convite da SBPC, numa análise isenta, aponta algumas incertezas no projeto de transposição das águas do Rio São Francisco. Afirma também que a água por si só não gera desenvolvimento e será preciso implantar sistemas de escoamento de produção, capacitar e educar pessoas, entre outras ações. Fonte: Ciência Hoje, volume 37, número 217, julho de 2005 (adaptado).   Os diferentes pontos de vista sobre o megaprojeto de transposição das águas do Rio São Francisco quando confrontados indicam que

  27. 87

    UNICENTRO 2009

    “O grande ‘planeta água’ está passando sede. É incrível imaginar que atualmente dezenas de milhões de pessoas vivam com menos de cinco litros de água por dia em um planeta que possui 70% de sua superfície coberta por água.” ALMEIDA, Lúcia Maria Alves de; RIGOLIN, Tércio Barbosa. Fronteiras da Globalização. São Paulo: Editora Ática, 2004. In.: TEIXEIRA, Wilson (Org.). Decifrando a Terra. São Paulo: Oficina de Textos, 2001, p. 518.   A escassez de água potável é, atualmente, uma das grandes preocupações da humanidade. Sobre a questão da água, é INCORRETO afirmar que

  28. 88

    UEFS 2015

    Do total de 1, 39 bilhão de quilômetros cúbicos de água da Terra, menos de 1% é potável e de fácil acesso. (VENTUROLI, 2009, p. 43).   Com base na informação e nos conhecimentos sobre a água na Terra — águas continentais, oceanos e mares — , é correto afirmar:

  29. 89

    UNIOESTE 2013

    A questão relacionada aos recursos hídricos é de suma importância para o desenvolvimento econômico e social. A respeito desse assunto, analise as afirmações abaixo. I. Apesar de existir muita água na Terra, 97,5% de toda a água é salgada, de modo que apenas 2,5% da água é doce. II. O problema de falta de água no mundo está relacionado à qualidade desta e não à sua quantidade, que sempre continuará sendo a mesma, pois o ciclo da água é fechado. III. Como o Brasil possui grandes e ricas bacias hidrográficas, não existem problemas relacionados à escassez de água no país. IV. O aquífero Guarani se constitui em um grande reservatório natural de água subterrânea. V. As águas doces estão disponíveis em geleiras, rios, lagos e aquíferos subterrâneos. Assinale a alternativa correta.

  30. 90

    PUC-RS 2014

    Analise o texto abaixo e preencha as lacunas. O potencial hidrelétrico brasileiro é considerado satisfatório para as atuais necessidades do país. No entanto, potencial não é a mesma coisa que potência gerada. No último verão, por exemplo, houve um período longo de estiagem, ocasionando uma baixa significativa nos níveis de água das represas. Além disso, as temperaturas muito elevadas demandaram maior consumo de energia elétrica, ocorrendo, inclusive, os chamados “apagões”. Para compensar a queda na geração de energia das hidrelétricas, que corresponde à _________ parte da energia elétrica produzida no Brasil, foi necessário que o governo acionasse as usinas ________, que utilizam _________ e _________, compensando o déficit energético nacional no período. A alternativa que completa corretamente as lacunas é

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos