Exercícios de Governo JK

Voltar para exercícios de História

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Governo JK dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude História com esses e mais de 12000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 31. UNIR 2011
    Uma das grandes metas do Governo Juscelino Kubitschek foi a da Integração Nacional que partia do pressuposto de que a falta de comunicação entre as regiões industrializadas do Sudeste e as zonas agroprodutoras do interior estrangulava o desenvolvimento nacional. Sobre o assunto, assinale a afirmativa correta.
  2. 32. UDESC 2015
    Sobre os ciclos de exploração econômica no Brasil, assinale a alternativa correta.
  3. 33. UNICENTRO 2006
    Leia a letra da canção a seguir. “Pois Doutô dos vinte estado / Temos oito sem cumê / Veja bem, quase a metade / Do Brasil, ta sem cumê / Dê serviço a nosso povo / Encha os rios de barrage / Dê cumida a preço bom / Não esqueça a açudage / Livre assim nóis da esmola / Que no fim dessa estiage / Lhe pagamo até os juru / Sem gastar nossa corage.” (In: AQUINO, Fernando V., AGOSTINO, Gilberto, ROEDEL, Hiran. Sociedade Brasileira: uma história através dos Movimentos Sociais. Da crise do escravismo ao apogeu do liberalismo. Rio de Janeiro: Record, 2000, p. 533.)   A canção Vozes da Seca, produzida no início da década de 1960 por Luis Gonzaga e Zé Dantas, refere-se à vida rural brasileira. Com base na letra da música e nos conhecimentos sobre o período, é correto afirmar:
  4. 34. UFRGS 2015
    O período da chamada República Populista (1945-1964) foi marcado por uma série de crises políticas, das quais o Golpe Preventivo, realizado pelo Marechal Henrique Lott, em novembro de 1955, é um exemplo.   O principal objetivo desse golpe era
  5. 35. FCMS-JF 2017
    Leia o discurso de Juscelino Kubitschek, denominado Mensagem de Anápolis, sobre a criação da Companhia Urbanizadora da Nova Capital. “A ideia da transferência da capital se constituiu num dos problemas mais importantes de nossa evolução histórica, remontando à própria Inconfidência Mineira. As Constituições de 1891, 1934 e 1946 acolheram, expressamente, as aspirações gerais nesse sentido, estabelecendo de forma taxativa que a transferência se faria para o planalto central do país, sendo que a constituição em vigor ainda foi mais explícita do que as anteriores, formulando, inclusive, normas para a localização da futura capital e estabelecendo o processo para a aprovação do local e início da delimitação da área correspondente, a ser incorporada ao domínio da União.” Bonavides, Paulo, Amaral, Roberto. Textos políticos da História do Brasil. 3 ed. Brasília: Senado Federal, Conselho editorial, 2002. Como citado no texto, com o advento da República os militares detentores do poder político naquele momento, incentivaram o poder constituinte a propor a construção da nova capital afastada do litoral, no Centro-Oeste, devido:
  6. 36. UNEMAT 2010
    A cidade de Brasília que, no dia 21 de abril de 2010 completou meio século, era definida como meta-síntese do Programa de Metas posto em prática por JK.   Acerca das características dos demais aspectos econômicos relacionados ao governo de Kubitschek, assinale a alternativa incorreta.
  7. 37. FCMMG 2005
    Na presidência de Juscelino Kubitschek (1955/1960), o planejamento governamental atingiu novos patamares no Brasil. JK se orientou pelas premissas da Comissão Econômica para a América Latina (CEPAL), órgão da ONU criado em 1948. A CEPAL defendia como estratégia de desenvolvimento para a América Latina e, conseqüentemente, para o Brasil:
  8. 38. UNIMONTES
    Acerca do governo JK (1956–1961), é CORRETO afirmar que:
  9. 39. UNIMONTES 2009
    Sobre o FMI e o Brasil, é INCORRETO afirmar que
  10. 40. UNIOESTE 2015
    Brasília Loucos profetas previram a tua existência [...] e nos seus mapas marcaram o centro do mundo e nele tu estás todas as lendas que cercam teu nome jamais lograrão te explicar nem a política, nem o teu preço que foi tão penoso pagar Tuas cidades satélites mostram o quanto és uma aberração vivem à margem da tua luxúria onde corre o poder da nação [...] ARANTES, Guilherme. Brasília. Álbum Coração Paulista. Velas. 1980.   Desde a campanha eleitoral de Juscelino Kubitschek, em 1955, a indicação de grandiosidade para o seu suposto governo chamava atenção. O Plano de Metas, com os "50 anos em 5", propunha um salto de crescimento para o Brasil, ao mesmo tempo em que buscava difundir o que se firmava como "nacional-desenvolvimentismo". Enquanto marcos históricos, algumas interpretações destacam esse período como os "Anos Dourados" do País. Brasília fez parte desse projeto e permite discutir alguns elementos que ampliam essa plataforma governamental. Nesse sentido, relacione o trecho da composição acima, produzida no início da década de 1980, com o tema proposto. Observe como é tratado o processo de construção da Capital Federal e identifique os aspectos da crítica indicada pelo compositor ao mencionar qual seria sua relação com o resto do País. Tendo em vista essa reflexão, é CORRETO afirmar que
  11. 41. UNIOESTE 2011
    A respeito do governo brasileiro de Juscelino Kubitschek é correto afirmar que
  12. 42. UNICENTRO 2005
    “Sobre a cabeça os aviões Sob os meus pés os caminhões Aponta contra os chapadões Meu nariz Eu organizo o movimento Eu oriento o carnaval Eu inauguro um monumento No Planalto Central Do país Viva a bossa sa sa Viva a palhoça ça ça ça ça No pátio interno há uma piscina Com água azul de amaralina Coqueiro fala e brisa nordestina E faróis Na mão direita tem uma roseira Autenticando eterna primavera E nos jardins os urubus passeiam a tarde inteira Entre os girassóis ... O monumento é bem moderno Não disse nada do modelo do meu terno Que tudo mais vá pro inferno Meu bem Viva a banda da da Carmem Miranda da da da da.” (Caetano Veloso, Tropicália.)   A letra da canção retrata o Brasil do final dos anos 1950 e começo da década de 1960, quando os efeitos da estratégia desenvolvimentista de JK já se manifestavam. Eram os “50 anos em 5”! Com base na letra da canção e nos conhecimentos sobre o período, é correto afirmar:
  13. 43. UNIMONTES 2015
    O interesse de empresas estrangeiras no Brasil cresceu ao longo do século XX, na medida em que o capitalismo aprofundava a sua internacionalização. Acerca da relação entre o capital internacional e o Estado brasileiro, é INCORRETO afirmar:
  14. 44. UNIMONTES 2009
    Acerca do governo JK (1956–1961), é CORRETO afirmar que
  15. 45. UNIMONTES 2011
    Acerca do governo Juscelino Kubistchek (1956-1961), é CORRETO afirmar que
  16. 46. UPE 2012
    Creio que avançaremos cada vez mais para atingirmos nossa independência econômica, produzindo sempre melhor, fundando a nossa industrialização sobre as riquezas naturais que Deus colocou em nosso território. (Frase de JK. Fonte: www.memorialjk.com.br)   Sobre o Governo do Presidente Juscelino Kubitschek, analise as afirmativas a seguir:   I. JK comandou um surto desenvolvimentista, coroado pela construção de Brasília, utilizando o slogan “Pra frente, Brasil”. II. Apesar dos problemas inflacionários e da crescente penetração do capital estrangeiro no país, os anos JK, sem sombra de dúvida, foram os “Anos Dourados” da História da República brasileira. III. A Bossa Nova é considerada, por alguns críticos, como uma revolução na música brasileira. João Gilberto, Tom Jobim, Nara Leão e Vinícius de Morais reinventaram a maneira de cantar e tocar samba, incorporando influências do jazz. IV. A esperança e o otimismo embalavam um Brasil eufórico, a publicidade ofertava a possibilidade de consumo. Nesse sentido, a aquisição do moderno mundo dos eletrodomésticos foi possível a todas as classes sociais da população brasileira.   Está CORRETO o que se afirma em
  17. 47. CEFET-MG 2013
    “50 anos em 5”: este foi o lema do Governo de Juscelino Kubitshek (1955-1960) para demarcar o seu projeto de desenvolvimento econômico para o Brasil. O Plano de Metas desse governo consistia em
  18. 48. PUC-CAMPINAS 2016
    A década de 1950 foi marcada pelo anseio de modernização do país, cujos reflexos se fazem sentir também no plano da cultura. É de se notar o amadurecimento da poesia de João Cabral, poeta que se rebelou contra o que considerava nosso sentimentalismo, nosso “tradicional lirismo lusitano”, bem como o surgimento de novas tendências experimentalistas, observáveis na linguagem renovadora de Ferreira Gullar e na radicalização dos poetas do Concretismo. As linhas geométricas da arquitetura de Brasília e o apego ao construtivismo que marca a criação poética parecem, de fato, tendências próximas e interligadas. (MOUTINHO, Felipe, inédito)   A inauguração de Brasília, símbolo da modernização empreendida durante o período de governo de JK, foi acompanhada de uma série de impactos imediatos, dentre os quais podemos citar
  19. 49. UNICENTRO 2010
    A respeito do governo do Presidente Juscelino Kubitschek, assinale a alternativa correta.
  20. 50. UNICENTRO 2013
    Abrigando os três principais ramos do governo brasileiro e 124 embaixadas estrangeiras, a capital federal, Brasília, localiza-se no planalto central do país. Assinale a alternativa INCORRETA a respeito de sua história.
  21. 51. PUC-RJ 2004
    No período de governo do Presidente Juscelino Kubitchek, entre 1956 e 1961, a sociedade brasileira vivenciou a esperança da superação do subdesenvolvimento. "Os anos JK" prometeram um desenvolvimento nacional, por meio da industrialização do país e da elevação das condições de vida da população brasileira.   Assinale a alternativa que NÃO caracteriza corretamente esse ambiente político e intelectual:
  22. 52. UNIMONTES 2011
    O Plano de Metas do Governo JK (1956-1961) possibilitou
  23. 53. UFU 2001
    "Vai minha tristeza E diz a ela que sem ela não pode ser Diz-lhe numa prece Que ela regresse Porque eu não posso mais sofrer   Chega de saudade A realidade é que sem ela Não há paz, não há beleza É só tristeza e a melancolia Que não sai de mim Não sai de mim, não sai". Lançado em 1958 no Brasil, o 78 rpm "Chega de Saudade" tornou-se um disco/manifesto do estilo que viria a consagrar-se com o nome de Bossa Nova, reunindo três dos maiores expoentes do movimento: Antônio Carlos Jobim, Vinícius de Moraes e João Gilberto. A respeito desse movimento musical e do contexto histórico do seu lançamento e difusão, assinale a alternativa INCORRETA.
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login