Exercícios de Início da Colonização

Voltar para exercícios de História

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Início da Colonização dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude História com esses e mais de 12000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 1. MACKENZIE 1997
    "Contudo tornava-se cada dia mais claro que se perderiam as terras americanas a menos que fosse realizado um esforço de monta para ocupa-las permanentemente. Este esforço significava desviar recursos de empresas muito mais produtivas do oriente". (Celso Furtado) Para garantir sua presença em terras americanas e contornar os gastos elevados de uma colonização, o governo português introduziu:
  2. 2. UERJ 1999
    O Estado português reproduziu no Brasil duas feições metropolitanas, possibilitando uma permanente tensão entre as forças sociais dos poderes locais e as forças de centralização do absolutismo. As instituições que exerciam a administração local e central no Brasil colônia eram, respectivamente:
  3. 3. UFMG 2003
    Leia estes trechos de documentos: I. E logo os ditos procuradores dos ditos senhores reis e rainha de Castela, de Leão, de Aragão, de Sicília, de Granada [...] e do dito senhor rei de Portugal e Algarves [...] disseram: que visto como entre os ditos senhores seus constituintes há certa divergência sobre o que a cada uma das ditas partes pertence do que até hoje [...] está por descobrir no Mar Oceano. II. Irá diretamente a Bahia, e logo que chegue, deve apossar-se da cerca ou fortiflcação que havia feito o donatário Francisco Pereira Coutinho [...] Todavia, como consta que esse local não é dos mais apropriados, o estabelecimento que fizer nele será de natureza provisória - e deve escolher outro mais pela baía dentro [...] com que pelo tempo adiante venha a povoação a ser a cabeça de todas as capitanias. III. O modo que os Padres da Companhia tiveram sempre [...] foi ajudá-Ios assim no temporal como no espiritual [...] Ensinavam-Ihes os Padres todos os dias pela manhã a doutrina, esta geral, e Ihes dizem missa para os que a quiserem ouvir antes de irem para suas roças; depois disto ficam os meninos na escola, onde aprendem a ler e escrever, contar e outros bons costumes pertencentes à política cristã. IV. E de modo como se avier com [eles] depende o tê-Ios bons ou maus para o serviço. Por isso é necessário comprar cada ano algumas peças, e reparti-Ias pelos partidos, roças, serrarias e barcas. E porque, comumente são de nações diversas, e uns mais boçais que outros, e de figuras muito diferentes, ha de fazer-se repartição com reparo e escolha, e não às cegas. Nos trechos I, II, III e IV, faz-se referência, RESPECTIVAMENTE,
  4. 4. UNESP 2014
    Em 1534, a Coroa portuguesa estabeleceu o regime de capitanias hereditárias no Brasil Colônia. Entre as funções dos donatários, podemos citar
  5. 5. UEL 2015
    Observe as figuras 1 e 2. A colonização no Brasil pela coroa portuguesa teve sua origem no sistema de Capitanias Hereditárias que definiu a propriedade e a posse das terras. No início do século XIX, com a vinda de imigrantes europeus para o Brasil, estabeleceu-se a Lei de Terras de 1850, com o intuito de normatizar a propriedade e o seu uso. Sobre o domínio de terras no Brasil, no contexto das Capitanias Hereditárias e da Lei de 1850, assinale a alternativa correta.
  6. 6. UFPB 2007
    Para administrar as suas terras da América, a Metrópole Portuguesa organizou um sistema administrativo formado por vários níveis de governo. Sobre a estrutura administrativa colonial adotada pelo Império Português, em suas possessões americanas, leia as afirmativas a seguir. I. As capitanias hereditárias foram criadas em 1534 e constituíram a primeira forma de gestão administrativa da América Portuguesa. Doadas a particulares - os donatários -, as capitanias visavam garantir a posse das terras através da sua colonização. Todavia, como apenas as de São Vicente e Pernambuco prosperaram, foi estabelecido, na Bahia de Todos os Santos, o Governo Geral, em 1549, que se sobrepôs as capitanias existentes. II. A Paraíba não constava entre as capitanias hereditárias, sendo criada depois, em 1585, época dos Governos-Gerais, portanto, sob controle direto da Coroa. Daí a sua designação de real, posto que era propriedade do Estado monarquico, encarnado no Rei, como era o costume no Antigo Regime. Por esse motivo, nunca houve donatários da capitania da Paraíba, mas sim governadores ou capitães-mores. III. As Câmaras municipais das vilas e cidades foram instãncias administrativas que representavam o poder dos senhores locais. Eram ocupadas pelos homens bons, categoria social de sesmeiros, a nobreza da terra, e por comerciantes e seus representantes. Mulheres, gentios e homens livres pobres, por serem dependentes, e os escravos, por serem propriedade, estavam excluídos da representação. Está(ão) correta(s):
  7. 7. IBMEC-SP 2009
    A Companhia de Jesus foi criada na Espanha em 1534 no contexto da Contra-Reforma, tendo uma atuação importante no processo colonizador da America Portuguesa. Sobre a atuação da Companhia de Jesus na colonização do Brasil podemos afirmar que:
  8. 8. UFG 2014
    Leia o documento a seguir. Este homem é um dos maiores selvagens com que tenho topado: quando se avistou comigo, trouxe consigo um intérprete porque não sabe falar português nem se diferencia do mais ba'rbaro Tapuia. Mesmo se dizendo cristão e sendo casado, lhe assistem sete índias concubinas. E daqui se pode inferir que, tendo em vista a sua vida desde que teve o uso da razão, se é que a teve, até o presente momento, se encontra a andar metido pelos matos à caça de índios e de índias, estas para o exercicio de sua torpeza sexual, aqueles para a obtenção de seus interesses econômicos. RIBEIRO, Darcy; MOREIRA NETO, Carlos Araújo (Orgs.). A fundação do Brasil: tes- temunhos - 1500/1700. Petrópolis: Vozes, 1992. p. 299. (Adaptado). O documento apresenta a descrição feita pelo bispo de Pernambuco, D. Francisco de Lima, a respeito do chefe bandeirante Domingos Jorge Velho. Essa descrição indica um antagonismo entre religiosos católicos e bandeirantes na América Portuguesa durante o século XVII. Com base na analise do documento e de seu contexto histórico, conclui-se que tal oposição associava-se ao fato de a Igreja
  9. 9. UECE 2015
    Assinale a opção que apresenta corretamente ações atribuídas ao Marquês de Pombal na Colônia Brasileira.
  10. 10. UFMG 2010
    Leia este trecho do documento: Eu el-rei faço saber a vós [...] fidalgo de minha casa que vendo eu quanto ser- viço de Deus e meu é conservar e enobrecer as capitanias e povoações das terras do Brasil e dar ordem e maneira com que melhor e seguramente se possam ir povoando para exaltamento da nossa santa fé e proveito de meus reinos e senhorios e dos naturais deles ordenei ora de mandar nas ditas terras fazer uma fortaleza e povoação grande e forte em um lugar conveniente para daí se dar favor e ajuda às outras povoações e se ministrar justiça e prover nas coisas que cumprirem a meus serviços e aos negócios de minha fazenda e a bem das partes [...] É CORRETO afirmar que, nesse trecho de documento, se faz referência
  11. 11. ENEM 2014
    O índio era o único elemento então disponível para ajudar o colonizador como agricultor, pescador, guia, conhecedor da natureza tropical e, para tudo isso, deveria ser tratado como gente, ter reconhecidas sua inocência e alma na medida do possível. A discussão religiosa e jurídica em torno dos limites da liberdade dos índios se confundiu com uma disputa entre jesuítas e colonos. Os padrões se apresentavam como defensores da liberdade, enfrentando a cobiça desenfreada dos colonos. CALDEIRA, J. A nação mercantilista. São Paulo: Editora 34, 1999 (adaptado). Entre os séculos XVI e XVIII, os jesuítas buscaram a conversão dos indígenas ao catolicismo. Essa aproximação dos jesuítas em relação ao mundo indígena foi mediada pela
  12. 12. ENEM 2013
    De ponta a ponta, é tudo praia-palma, muito chã e muito formosa. Pelo sertão nos pareceu, vista do mar, muito grande, porque, a estender olhos, não podíamos ver senão terra com arvoredos, que nos parecia muito longa. Nela, até agora, não pudemos saber que haja ouro, nem prata, nem coisa alguma de metal ou ferro; nem lho vimos. Porém a terra em si é de muito bons ares [...]. Porém o melhor fruto que dela se pode tirar me parece que será salvar esta gente. Carta de Pero Vaz de Caminha. In: MARQUES, A.; BERUTTI, F.; FARIA, R. História moderna através de textos. São Paulo: Contexto, 2001 A carta de Pero Vaz de Caminha permite entender o projeto colonizador para a nova terra. Nesse trecho, o relato enfatiza o seguinte objetivo:
  13. 13. UNICENTRO 2014
    Uma das tentativas de colonização do Brasil recém-descoberto foi o estabelecimento das capitanias hereditárias. Das quinze capitanias, apenas duas cumpriram sua missão de exploração das novas terras. Assinale a alternativa que apresenta, corretamente, essas capitanias.
  14. 14. UNAERP
    Em 1534, o governo português concluiu que a única forma de ocupação do Brasil seria através da colonização. Era necessário colonizar, simultaneamente, todo o extenso território brasileiro.  Essa colonização dirigida pelo governo português se deu através da:
  15. 15. UNAERP 1996
    Em 1534, o governo português concluiu que a única forma de ocupação do Brasil seria através da colonização. Era necessário colonizar, simultaneamente, todo o extenso território brasileiro. Essa colonização dirigida pelo governo português se deu através da:
  16. 16. UTFPR 2009
    Durante o período colonial, para melhorar a organização, o rei resolveu dividir o Brasil em Capitanias Hereditárias. O território foi dividido em faixas de terras que foram doadas aos donatários. Estes podiam explorar os recursos da terra, porém ficavam encarregados de povoar, proteger e estabelecer o cultivo da canade-açúcar. Com base nesse entendimento, analise as afirmações abaixo: I) No geral, o sistema de Capitanias Hereditárias fracassou, em função da grande distância da Metrópole, da falta de recursos e dos ataques de indígenas e piratas. As capitanias de São Vicente e Pernambuco foram as únicas que apresentaram resultados satisfatórios, graças aos investimentos do rei e de empresários. II) A capital do Brasil neste período foi Olinda, pois a região Nordeste era a mais desenvolvida e rica do país em função da agromanufatura açucareira. III) Após a tentativa fracassada de estabelecer as Capitanias Hereditárias, a coroa portuguesa estabeleceu no Brasil o GovernoGeral. Era uma forma de centralizar e ter mais controle da colônia. O primeiro governador-geral foi Tomé de Souza, que recebeu do rei a missão de combater os indígenas rebeldes, aumentar a produção agrícola no Brasil, defender o território e procurar jazidas de ouro e prata. IV) Também existiam as Câmaras Municipais que eram órgãos políticos compostos pelos "homens-bons". Estes eram os ricos proprietários que definiam os rumos políticos das vilas e cidades. O povo não podia participar da vida pública nesta fase. Estão corretas somente:
  17. 17. UNEMAT 2011
    Na primeira metade do século XVI, Dom João III (1521-1557), ao decidir dar impulso ao processo de colonização no Brasil, optou por adotar o sistema de donatárias.   Sobre o tema, assinale alternativa correta.
  18. 18. UNIRIO
    A colonização brasileira no século XVI foi organizada sob duas formas administrativas, Capitanias Hereditárias e Governo-Geral. Assinale a afirmativa que expressa corretamente uma característica desse período.
  19. 19. UNIMONTES 2014
    Em 1549, Portugal estabeleceu o Governo Geral na América Portuguesa, dando um passo importante na organização administrativa de uma de suas possessões coloniais. Acerca do Governo Geral, escreva C (correto) ou I (incorreto) em cada um dos parênteses abaixo. ( ) O Governo Geral não desarticulou o sistema de Capitanias Hereditárias, mas promoveu um esforço na tentativa de centralização administrativa. ( ) Com o governador Tomé de Sousa, vieram os primeiros jesuítas catequizadores e se promoveu a instalação de um Bispado na capitania da Bahia. ( ) Coube a Duarte da Costa a construção da cidade de São Salvador, sede do governo colonial português até a instalação da Corte no Rio de Janeiro, em 1808. ( ) Com Mem de Sá, o governo colonial iniciou sua consolidação, em grande medida decorrente da expulsão dos franceses do litoral do Rio de Janeiro por esse governante.  A sequência CORRETA é:
  20. 20. UFU 1998
    Sobre a implantação das capitanias hereditárias no Brasil, é correto afirmar que
  21. 21. UFV 2011
    Sobre Capitanias Hereditárias no Brasil Colônia, marque a afirmativa INCORRETA:
  22. 22. UNIOESTE 2011
    Sobre a colonização do Brasil, assinale alternativa INCORRETA.
  23. 23. UNIOESTE 2008
    Para viabilizar a colonização e evitar gastos para a Metrópole, o rei português D. João III decidiu implantar em terras brasileiras um sistema já experimentado em outras colônias: o sistema das capitanias hereditárias. Sobre esta forma de ocupação do território, é INCORRETO afirmar:
  24. 24. PUC-MG
    Com relação ao sistema de Governo Geral, que perdurou no Brasil até 1808 com a chegada da Corte, é CORRETO afirmar:
  25. 25. FATEC
    O governo de Tomé de Souza foi marcado:
  26. 26. UNIR 2011
    A correspondência do governador Rolim de Moura salienta em diversas passagens o pequeno número de brancos que habitavam a Capitania de Mato Grosso. Com o objetivo de reverter essa situação, o governante implementou uma política para atrair a população branca para a região. Quais medidas marcaram essa política?  
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.