Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UEL 2004

TEXTO I

A ideia ilusória da vontade livre deriva de percepções inadequadas e confusas; a liberdade, entendida corretamente, no entanto, não é o estar livre da necessidade, mas sim a consciência da necessidade.

SCRUTON, Roger. Espinosa. Trad. de Angélica Elisabeth Könke. São Paulo: Unesp, 2000. p. 41.

 

TEXTO II

Liberdade significa, em sentido próprio, ausência de oposição (entendendo por oposição os impedimentos externos ao movimento); e não se aplica menos a criaturas irracionais e inanimadas do que às racionais.

HOBBES, Thomas. Leviathan, or The Matter, Forme and Power of a Commonwealth Ecclesiasticall and Civil. Ed. C. B. Macpherson. Harmondsworth: Penguin Books, 1968. p.168.

O questionamento acerca da liberdade esteve presente por toda a história da filosofia. Thomas Hobbes (1588 - 1679) e Baruch de Espinosa (1633 - 1677) foram dois filósofos que chegaram a um posicionamento similar acerca desta questão em diversos aspectos. De acordo com os trechos citados, podemos concluir que para ambos os autores, a liberdade

Escolha uma das alternativas.