Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UESC 2011

Com um tiro certeiro de cidadania e autoridade, o governo do Rio de Janeiro conseguiu finalmente alvejar um inimigo que há décadas aterroriza a população do Estado. O tiro tem nome e sigla: Unidades de Polícia Pacificadora, as UPPS, projeto de policiamento comunitário que já resgatou, nos últimos dois anos, mais de 300 mil favelados do mundo de terror, instaurado historicamente pelos traficantes de drogas. O inimigo que foi gravemente ferido é o crime organizado. Ao instalar as UPPS em favelas, o governador Sérgio Cabral rompeu com a ordem até então vigente nas comunidades carentes: a violência dos bandidos é que determinava o que podia ou não ser feito. As armas eram a lei e o crime organizado detinha o controle territorial. Isso acabou nas 12 comunidades pacificadas até agora, atingindo diretamente a receita do narcotráfico.

ALVES FILHO, F.; AQUINO, W. O Estado responde ao crime. IstoÉ. São Paulo: Três, n. 2142, 1 dez. 2010.​

 

 

As sociedades se constituíram através de normas e leis, cujos aparatos jurídico-político e ideológico fundamentaram os estados criados, como se observa

Escolha uma das alternativas.