Simule agora a sua nota do Enem 2021 com o nosso gabarito clicando aqui.

Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFAM 2010

Em 1931, o escritor alemão Thomas Mann, num artigo intitulado Um apelo à razão, descreveu o nazismo e seu nacionalismo radical como uma rejeição da tradição racional do Ocidente. O nazismo, escreveu ele, “distingue-se por (...) sua absoluta falta de restrição, por seu caráter orgiástico, radicalmente anti-humano e freneticamente dinâmico (...) Tudo é possível, tudo é permitido enquanto arma contra a decência humana (...) O fanatismo converte-se num meio de salvação (...) a política torna-se um ópio para as massas (...) e a razão encobre seu rosto”.

 

O conteúdo do texto acima, embora escrito há mais de setenta anos, continua bastante atual. Alguns elementos destacados pelo Autor não deixaram de existir com a derrocada do regime nazista em 1945, uma vez que eles se manifestam, contemporaneamente, nos comportamentos de intolerância praticados por variados grupos racistas e de militância inspirada no nazismo. Acerca deste regime políticoideológico, não se pode afirmar que:

Escolha uma das alternativas.