Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFLA 2012

O texto a seguir reproduz os parágrafos iniciais da Declaração da Independência dos EUA oficialmente denominada “Declaração Unânime dos Treze Estados Unidos da América”, datada de 4 de julho de 1776.

Quando, no curso dos acontecimentos humanos, torna-se necessário a um povo dissolver os laços políticos que o ligam a outro e assumir, entre os poderes da terra, situação independente e igual a que lhe dão direito as Leis da Natureza e de Deus, o correto respeito às opiniões dos homens exige que se declarem as causas que o levam a essa separação. (...) Que para garantir esses direitos são instituídos entre os homens Governos que derivam os seus justos poderes do consentimento dos governados; [...]

Fonte: DRIVER, S. S.. A Declaração de Independência dos Estados Unidos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006. p. 53.

 

O texto cita a existência do “Estado de Natureza” e “Estado de Governo” prefigurados no pensamento pré-iluminista de John Locke. A passagem entre “Estado de Natureza” e “Estado de Governo” é fruto, no pensamento Lockeano:

Escolha uma das alternativas.