Simule agora a sua nota do Enem 2021 com o nosso gabarito clicando aqui.

Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFLA 2014

“As terras da Champagne eram assim um fato capital. Havia lá um mercado permanente do mundo ocidental. Desse modo, durante dois ou quatro meses do ano, reina nessas cidades uma animação extraordinária que o trovador Bertand de Barsur-Aube descreveu numa primavera:

 

Faz calor e o céu é claro.

A relva está verde e a roseira em flor

Puseram-se a vagar os mercadores

Que trouxeram bens para vender.

Desde o raiar do dia,

Até a noite cair,

Não param de ir e vir,

Até que a cidade esteja repleta.

Fora da cidade se alojam nos prados,

Onde têm tendas e pavilhões fechados.

 

Para chegar lá, os mercadores fizeram uma longa e difícil viagem; os italianos transpuseram os Alpes e passavam 5 semanas na estrada. Precisavam de alojamento. A princípio construíam-se acampamentos provisórios nas praças ou fora da cidade [...] Por fim, foram construídas para eles casas especiais de pedras resistentes a incêndios, com grandes subterrâneos abobadados para armazenar as mercadorias.”
Fonte: LE GOFF, J. Mercadores e banqueiros na Idade Média. São Paulo: Martins Fontes, 1991. p. 14-5.

 

 

A descrição do texto refere-se a fatos fundamentais da transição do feudalismo para o capitalismo. Assinale a alternativa em que esses elementos caracterizam os fatos descritos.

Escolha uma das alternativas.