Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFMA 2009

“Perante a assembléia atenta, o rei de França, Felipe Augusto, voltou-se para um amigo barão: ‘– Ouviste o que me disseram? – O que lhe disseram, Alteza? – Por minha fé, vieram-me dizer que Guilherme Marechal está enterrado... Em nosso tempo não houve em lugar algum melhor cavaleiro. – O que dizes? – Afirmo que jamais conheci melhor cavaleiro que ele em toda a minha vida’... Escorada nas proezas, sustentada de um lado pela lealdade, de outro pela prudência, aqui temos a cavalaria, a mais exaltada ordem que Deus criou. Nesse tribunal de valor e valentia reunido em torno do rei, primeiro lugartenente de Deus na terra, Guilherme Marechal, mais valoroso, mais leal e mais sábio, foi assim proclamado o melhor cavaleiro do mundo”.
(Adaptado de: DUBY, Georges. Guilherme Marechal ou o melhor cavaleiro do mundo.Rio de Janeiro, Edições Graal, 1987, p. 36-8).

 

Sobre a sociedade e a cultura da cavalaria, no Ocidente medieval, são corretas as afirmações:

 

I) A vassalagem era constituída por uma série de obrigações dos cavaleiros para com os senhores feudais, tais como a corvéia, a talha e a homenagem. 

II) Em uma sociedade militarizada, a moral da cavalaria exaltava valores como: a fidelidade ao suserano, a coragem em combate e a defesa do cristianismo.

III) As ordens de cavalaria foram fundamentais no movimento das Cruzadas, que combateu o domínio muçulmano em Jerusalém e estimulou o comércio no Mar Mediterrâneo.

IV) O processo de centralização do poder, justificado pela teoria de direito divino, foi favorecido pela aliança entre a monarquia e a cavalaria.

V) A poesia épica e o trovadorismo retratavam uma sociedade feudal guerreira, a exemplo do livro Dom Quixote que exaltava os feitos heróicos dos cavaleiros.

Escolha uma das alternativas.