Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFRGS 1999

Leia o soneto abaixo, de Luís de Camões.

 

Amor é fogo que arde sem se ver;

É ferida que dói e não se sente;

É um contentamento descontente;

É dor que desatina sem doer;

 

É um não querer mais que bem querer;

É solitário andar por entre a gente;

É nunca contentar-se de contente;

É cuidar que se ganha em se perder;

 

É querer estar preso por vontade;

É servir a quem vence o vencedor;

É o tempo que nos mata lealdade.

 

Mas como causar pode seu favor

Nos corações humanos amizade,

Se tão contrário a si é meu Amor?

 

Com relação ao soneto acima, considere as seguintes afirmações.

 

I. Vale-se de uma forma relativa para definir o amor.

II. Constrói-se sobre antíteses.

III. Constrói-se sobre metonímias que remetem à mulher amada.

 

Quais estão corretas?

Escolha uma das alternativas.