Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

Exercícios de História

Listagem de exercícios

UFU 2004

"No inicio de 1848, o eminente pensador politico francês Alexis de Tocqueville tomou a tribuna da Câmara dos Deputados para expressar sentimentos que muitos europeus partilhavam: 'Nós dormimos sobre um vulcão... Os senhores não perceberam que a terra treme mais uma vez? Sopra o vento das revoluções, a tempestade está no horizonte' 1848 foi a primeira revolução potencialmente global (...) foi a única a afetar tanto as partes desenvolvidas quanto as atrasadas do continente. Foi ao mesmo tempo a mais ampla e a menos sucedida desse tipo de revolução."
HOBSBAWN, Eric. 'A Era do capital: 1848 - 1875'. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

A respeito deste contexto histórico, marcado pela chamada "Primavera dos Povos", podemos afirmar que

I - na França, as barricadas foram empreendidas pelos camponeses, influenciados pelos ideais nacionalistas, e estas promoveram, após a tomada do poder pelos rebeldes e a restauração da monarquia, o enfraquecimento do liberalismo burguês e a democracia representativa em nome da democracia direta.
II - a crise económica que assolava a Europa, agravada por pragas e pela seca, prejudicou os camponeses, levando-os às ruas em apoio as novas ideologias baseadas nas ideias socialistas, divulgadas com a publicação do Manifesto Comunista de Karl Marx e Friedrich Engels em 1848.
III - as revoltas de 1848, embora tivessem se alastrado pela Europa, não tiveram repercussão no Brasil. Em função do seu caráter fragmentado e das disputas internas entre nacionalistas e liberais, dificultaram os processos de Unificações da Itália e Alemanha.
IV - as diferentes ondas revolucionárias da Primavera dos Povos tiveram em comum o espírito romântico, a construção de barricadas, as bandeiras coloridas e o ideal de liberdade, pondo em xeque o poder e a tradição aristocrática europeia.

Assinale a alternativa correta.