Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UFV 2010

Leia as duas estrofes abaixo, extraídas do poema “Boa-Noite”, do poeta romântico Castro Alves:

 

BOA-NOITE, Maria! Eu vou-me embora.

A lua nas janelas bate em cheio.

Boa-noite, Maria! É tarde... é tarde...

Não me apertes assim contra teu seio.

 

Boa-noite!... E tu dizes – Boa-noite.

Mas não digas assim por entre beijos...

Mas não mo digas descobrindo o peito,

– Mar de amor onde vagam meus desejos.

 

(ALVES, Castro. Obra Completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 2004, p. 122.)

 

Nas estrofes acima, a visão que o eu lírico deixa transparecer do amor que sente é repleta de:

Escolha uma das alternativas.