Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

Exercícios de Literatura

Listagem de exercícios

UFV 2012

LATOMIA


Esta casa rudimentar,
armada de cipó e ripas,
bambu e barro, foi.
Reboco de nós em varas,
frespas e farpas,
amassar de lama
amarela mole,
nenhum ouro mineiro,
nada mais que malacachetas, foi.
Enfumaçada pela chama que cozia antes,
memória de um fogo apagado na parede
hoje, seca, quebradiça é.
A argamassa casinha maribondo,
dormida de barbeiro,
companheiro de tocaia.
Resta o caibro,
o esteio da cumeeira,
hoje o pau brocado,
a vara carcomida
o enfeite do picumã,
das teias de aranha.
O sapé verde de antes
hoje isca o incendeio.
O de outrora exposto à intempérie
hoje dá vazão à pinga no chão batido,
ao silêncio de rudimentos,
a essa língua molambenta,
a essa latomia
que sequer poesia.
(SANTOS, Vivaldo Andrade. Latomia. In: Coletânea Prêmio OFF FLIP de Literatura. Paraty: Selo Off Flip Editora LTDA, 2012. p. 107.)


Glossário:
Latomia: 1. Cântico monótono de ladainha; litania. 2. reclamações reiteradas; choradeira; lamentações;
queixume agourento; choramingação de criança.

(Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2004, p. 1730.)

 

Tendo em vista as informações acima, é INCORRETO afirmar que no poema:

Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login