Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

Exercícios de História

Listagem de exercícios

UNB 2014

Em meados do século XIX, o alcaloide quinina era de importância vital para o domínio britânico na Índia, onde a malária debilitava e matava pessoal civil e militar. A quinina não curava a doença, mas aliviava-lhe os sintomas. Nessa época, a quinina era obtida da casca de uma planta arbórea, a cinchona, nativa do Peru. Em 1853, o britânico William Henry Perkin, então com 15 anos, ingressou no recém-fundado Colégio Real de Química e logo se tornou assistente do diretor, o cientista alemão August Hofmann. O desafio proposto para Perkin foi o de encontrar uma forma de sintetizar a quinina, mas, em seu lugar, ele acabou obtendo um precipitado de nafta, o negro-de-anilina, do qual derivou a anilina de cor azul ou malva. Esse primeiro corante artificial foi a substância dos sonhos ― o início da imensamente importante indústria de corantes com base no alcatrão de hulha. Químicos da Inglaterra, França, Alemanha e Suíça aperfeiçoaram os estudos de Perkin e criaram um arco-íris de cores artificiais. Essas cores, por sua vez, estimularam a procura por elegantes tecidos coloridos e livraram as mulheres dos países ricos da Europa dos seus tradicionais, econômicos e lúgubres vestidos pretos.

David Landes. A riqueza e a pobreza das nações – porque umas são tão ricas e outras são tão pobres.Rio de Janeiro: Campus, 1998, p. 323-4 (com adaptações).

 

 

A respeito da história da segunda metade do século XIX, assinale a opção correta.

Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login