Tenha acesso completo ao Stoodi

Assine o Stoodi e prepare-se para o ENEM com nossos conteúdos exclusivos!

UTFPR 2009

A Semana de Arte Moderna também chamada de “Semana de 22”, ocorreu em São Paulo no ano de 1922, no período entre 11 de fevereiro e 18 de fevereiro no Teatro Municipal de São Paulo, na mesma cidade. Durante os sete dias de exposição, foram expostos quadros e artes consideradas modernista, em relação a época. Entre as apresentações que ocorreram à noite dos dias 13 de fevereiro, 15 de fevereiro e 17 de fevereiro, foram apresentadas poesias, músicas e palestras sobre a modernidade, que deixou alguns ilustres escritores e artistas de renome indignados. Vale ressaltar que a Semana em si não teve grande importância em sua época, foi com o tempo que ganhou valor histórico ao projetar-se ideologicamente ao longo do século. Devido à falta de um ideário comum a todos os seus participantes, ela desdobrou-se em diversos movimentos diferentes, todos eles declarando levar adiante a sua herança. Sobre esse assunto, estabeleça correspondência entre as colunas.

Coluna I

( 1 ) Movimento Pau-Brasil

( 2 ) Movimento Verde-Amarelo

( 3 ) Movimento Antropofágico

( 4 ) Revista Klaxon

( 5 ) Revista de Antropofagia

Coluna II

( ) Caracterizava-se por textos patrióticos, ufanistas e a idealização do país.

( ) Pregava a absorção da cultura externa e tem como principal obra a pintura “O Abaporu”, de Tarsila do Amaral.

( ) Corrente do Modernismo de 22, teve duas fases, ou “dentições”, como queriam os seus participantes.

( ) Caracterizava-se pelo culto ao progresso e a concepção de que a arte não deve ser uma cópia da realidade, aproveitamento das lições de uma nova arte em evidência: o cinema.

( ) Cultuava a posição primitivista, buscando uma poesia ingênua, de redescoberta do mundo e do Brasil.

A seqüência correta é:

Escolha uma das alternativas.