Sabe aquela vaga na universidade dos sonhos? Ela pode ser sua!

Matricule-se agora
Vagas abertas para o Extensivo 2022
Pessoa com tinta no rosto e com a palavra 'aprovadx' na testa sorrindo

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Renascimento Italiano dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Arte com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 1

    Stoodi

    Sobre as artes no Renascimento, assinale o que for correto.

  2. 2

    Stoodi

    "A capela proporciona uma clara percepção do espaço contido dentro de suas paredes [...]. O traçado geométrico do conjunto enfatiza a clareza e a funcionalidade que se deve esperar das decisões de um capitulo. A famosa fachada da capela Pazzi, que repousa, esbelta e ágil, sobre seis colunas coríntias, é um modelo de elegância, de comedimento decorativo e de sutil manipulação de espaços. Também exemplifica o apreço, tão comum nos primeiros tempos do Renascimento, pela clareza e pela simplicidade, pela ordem e pela medida, na mente e no corpo. O artista dividiu a fachada numa série de quadrados relacionados entre si por suas proporções geométricas. [...] Os quadrados inferiores dessa área também são subdivididos em quatro painéis. A lateral desses painéis é o chamado número de ouro do edifício, ou seja, a unidade de medida em que se divide exatamente qualquer outra parte dele [...]". (LETTS, Rosa Maria. "O Renascimento". 1982.) Com base na descrição da Capela Pazzi, obra arquitetônica de Filippo Brunelleschi, e nos conhecimentos sobre o tema, considere as afirmativas a seguir. I. Os elementos utilizados na descrição da capela Pazzi (equilíbrio, harmonia e clareza) compõem as representações culturais típicas da Europa Renascentista. II. A Capela Pazzi, em Florença, é um exemplo típico da arquitetura gótica, cuja forma era envolvida por uma dimensão mais mítica do que racional. III. Na arquitetura renascentista, o edifício ocupa o espaço baseando-se em relações matemáticas estabelecidas de tal forma que o observador possa compreender a lei que o organiza, de qualquer ponto que se coloque. IV. A harmonia renascentista na arquitetura, representada pela complexidade e rebuscamento das formas, objetivava suscitar emoções que fortalecessem a religiosidade medieval. Estão corretas apenas as afirmativas:

  3. 3

    UFSCAR 2000

    Leonardo da Vinci foi, além de artista, um dos teóricos de arte do Renascimento italiano. Em seu TRATADO DE PINTURA escreve que a beleza consiste numa gradação de sombra - "Demasiada luz é agressiva; demasiada sombra impede-se que se veja" - e, mais à frente, define a pintura como imitação de "todos os produtos visíveis da natureza (...) todos banhados pela sombra e pela luz." A partir destes fragmentos do TRATADO DE PINTURA, pode-se concluir que a concepção artística do Renascimento pressupõe 

  4. 4

    UFSM 2001

    Davi, de Michelangelo, é expressão do(a) 

  5. 5

    UEM 2007

    Desde o fim do século XIV, na Itália, um certo número de homens cultos, os humanistas (da palavra latina ‘humanus’, polido, culto), havia-se apaixonado pela recordação da Antiguidade Greco-Latina. Esforçaram-se por reencontrar e reunir as obras dos autores antigos, quase todas dispersas nos conventos e mosteiros onde os monges as haviam conservado e copiado ao longo da Idade Média” (GIRARDET, R.; JAILLET, P. apud RUBIM, A. et al. História das Sociedades. Rio: Ao Livro Técnico,1988, p. 70). Tendo em vista o exposto acima, assinale a alternativa correta a respeito da cultura da Antiguidade Clássica, do Humanismo e do Renascimento.

  6. 6

    UNIOESTE 2013

    “A imitação do belo na natureza concerne ou bem a um objeto único ou então reúne as notas de diversos objetos particulares e faz delas um único todo. O primeiro processo implica fazer uma cópia semelhante, um retrato; é o caminho que conduz às formas e figuras dos holandeses. O segundo é o caminho que leva ao belo universal e suas imagens ideais; esse foi o caminho seguido pelos gregos. […] [As] numerosas ocasiões de observar a natureza levaram os artistas gregos a ir ainda mais longe: começaram a formar certos conceitos universais – tanto a partir de partes isoladas do corpo, como de suas proporções de conjunto – que se erguiam acima da própria natureza; o seu modelo original, ideal, era a natureza espiritual concebida tão só pelo entendimento”. Winckelmann. Considerando o texto acima e que Winckelmann refere-se aos pintores holandeses do século XVII e aos escultores gregos antigos, seguem as afirmativas abaixo: I. Os gregos, ao observarem a natureza, conseguiam captar algo pelo entendimento que, apenas pela observação visual, não seria possível. II. Os holandeses, ao imitarem a natureza, captavam apenas as características visuais de um objeto particular. III. O belo universal pode ser visto nos quadros pintados pelos holandeses. IV. As obras gregas estavam constituídas apenas com aquilo que era visto em um objeto particular. V. A imitação do belo na natureza só pode ocorrer pela maneira que os gregos faziam suas obras. Das afirmativas feitas acima

  7. 7

    UEL 2009

    No Renascimento, arte, ciência e vida cotidiana guardam estreita relação. Nesse sentido, Leonardo da Vinci é considerado um dos mais representativos artistas deste período, uma vez que ele I. concebe a arte como representação de universos imateriais e simbólicos. II. substitui os temas religiosos comuns na pintura medieval por temas laicos. III. acredita no valor da experimentação e da observação metódica da natureza. IV. entende a pintura como uma ciência, que utiliza a matemática e a geometria. Assinale a alternativa correta.

  8. 8

    UEM 2009

    “Os homens do Renascimento tinham consciência de viver em uma época diferente da medieval, que repudiavam como a Idade das Trevas” (ARRUDA, José J. de A.; PILETTI, Nelson. Toda a História: História Geral e História do Brasil. São Paulo: Ática, 1996, p.132). Com base nessa asserção acima, assinale a alternativa correta sobre a arte renascentista.

  9. 9

    Stoodi

    A imagem abaixo, denominada Madonna de Brera, de Piero della Francesca (1415-1492), apresenta características que o inserem no contexto da arte renascentista. As mais evidentes neste quadro são:  

  10. 10

    UNESP 2017

    A pintura representa no martírio de Cristo os seguintes princípios culturais do Renascimento italiano:   

  11. 11

    UERN 2012

    Ao longo dos séculos XV e XVI, muitas sociedades da Europa Ocidental passaram por um processo de renovação da cultura, que ficou conhecido como Renascimento. Foram tempos de inquietação intelectual, agitados por múltiplos questionamentos. A principal forma de manifestação do Renascimento foi a arte. Identifique a seguir uma obra do movimento artístico renascentista.  

  12. 12

    UFJF-PISM 2018

     Leia atentamente os documentos abaixo:   Documento 1     Documento 2     Documento 3 "Foi no Renascimento que se sistematizou uma forma de representar o espaço real e tridimensional (realidade) partindo de uma abstração matemática que ficou conhecida como perspectiva. Na Renascença, quase toda pintura obedecia a esse método de representação. A perspectiva era um expediente geométrico que produzia a ilusão da realidade, mostrando os objetos no espaço em suas posições e tamanhos corretos. A perspectiva capta os fatos visuais e os estabiliza, transformando o ponto fixo de um observador para o qual o mundo todo converge.”   Disponível em https://goo.gl/814GFE     Ao comparar os três documentos apresentados, é CORRETO afirmar que:  

  13. 13

    UEPG 2013

    Com relação à arte no Renascimento, marque as sentenças abaixo com V (quando verdadeira) ou F (quando falsa). Em seguida, assinale a alternativa que corresponde à sequência correta.   ( ) O humanismo foi a mola propulsora das características da arte nesse período.   ( ) Na pintura renascentista aparecem a perspectiva, o "sfumato" (técnica que possibilita o sombreado de claros e escuros) e o realismo.   ( ) No teatro renascentista, a mímica, a comédia e a tragédia são as formas mais importantes de representação.   ( ) Na escultura há preocupação com a proporção da figura mantendo a sua relação com a realidade, profundidade e perspectiva.   ( ) A pintura renascentista volta-se exclusivamente para os temas religiosos e para a representação divina.

  14. 14

    UNICENTRO 2014

    A palavra arte vem do latim ars, equivalente do grego tekhné, significando técnica, profissão, um saber fazer, no entanto hoje corresponde, mais frequentemente, às belas-artes e toma este sentido da filosofia estética.   Quanto à noção de belas-artes, relacione as diferentes épocas históricas, na coluna superior, com as ideias correspondentes a cada período, na coluna inferior.   (I) Idade Antiga. (II) Idade Média. (III) Renascimento. (IV) Iluminismo. (V) Idade Moderna.   (A) As belas-artes ganharam especial atenção nessa época, haja vista a enciclopédia de Diderot e de d’Alembert, que passou a distinguir claramente o que diferencia as ciências, as artes e os ofícios. (B) Inexiste palavra para dizer as belas-artes. Nessa época, toda arte é vista como um mero saber fazer manual, mediante uma técnica específica, e o artista é aquele artesão que produz o belo. (C) Nessa época, distinguem-se tanto as artes mecânicas quanto as artes livres e belas, e estas últimas são aquelas dignas de ocupar o tempo desprovido de tarefas bem como os prazeres dos homens. (D) Nesse momento, as belas-artes encontram na figura do artista a sua realização. Se, para o artesão, as ideias precedem e regram as execuções, no caso do artista, as ideias lhe vêm à medida que as executa. (E) Nesse período, as belas-artes se fazem tardiamente presentes, coincidindo, em um sentido muito particular, com as artes liberais, uma vez que, nestas, o belo recebeu a qualificação de livre. Assinale a alternativa que contém a associação correta.

  15. 15

    UFU 2016

    Depreende-se, da leitura de O santo e a porca, que Ariano Suassuna, ao dialogar com a tradição, retomando a comédia Aululária, de Plauto, e O avarento, de Moliére, recriando-as a partir de aspectos regionais e universais, associa

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos