Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Artrópodes dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Biologia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 1

    UEG 2015

    Durante o verão em determinados estados brasileiros é comum escutarmos o canto das denominadas cigarras, como mecanismo de atração das fêmeas pelos machos através do seu canto. Nesse mesmo período, é comum encontrar sobre as árvores "restos" de cigarras, que a população humana denomina de cigarras "estouradas" de tanto cantar. Esses "restos" de cigarra referem-se ao:

  2. 2

    ENEM 2007

    O Aedes aegypti é vetor transmissor da dengue. Uma pesquisa feita em São Luís - MA, de 2000 a 2002, mapeou os tipos de reservatório onde esse mosquito era encontrado. A tabela adiante mostra parte dos dados coletados nessa pesquisa. De acordo com essa pesquisa, o alvo inicial para a redução mais rápida dos focos do mosquito vetor da dengue nesse município deveria ser constituído por

  3. 3

    UNICAMP 2014

    Os insetos, especialmente aqueles com modo de vida social, estão entre os animais mais abundantes na Terra. São Insetos sociais, que vivem em colônias:

  4. 4

    UPF 2015

    São características gerais dos crustáceos:

  5. 5

    MACKENZIE 2013

    No filo artrópoda, destacam-se três principais grupos: os crustáceos, os aracnídeos e os insetos. As principais características consideradas para essa divisão são: a organização corporal; o número de apêndices locomotores; a presença e o número de antenas, mostradas no quadro abaixo. Os espaços I, II e III devem ser preenchidos, correta e respectivamente, por

  6. 6

    UFF 2012

    Os invertebrados se diferenciam a partir de diversas características morfológicas, incluindo a presença e número de patas. Considerando uma barata, uma aranha, um escorpião e um ácaro, pode-se afirmar que o número de pares de patas desses animais é, respectivamente,

  7. 7

    FUVEST 2016

    Tatuzinhos-de-jardim, escorpiões, siris, centopeias e borboletas são todos artrópodes. Compartilham, portanto, as seguintes características:

  8. 8

    MACKENZIE 1997

    Anelídeos e artrópodos têm em comum:

  9. 9

    PUC-SP 2005

    João deixou seus pais apreensivos, pois resolveu criar alguns animais nada convencionais como tarântulas, escorpiões, piolhos-de-cobra e tatuzinhos-de-jardim. A partir de seu conhecimento sobre invertebrados, João descreveu aos pais algumas características dos animais que está criando, e fez apenas uma afirmação INCORRETA. Assinale-a.

  10. 10

    UFRGS 2014

    A Organização para a Alimentação e a Agricultura (FAO) lançou, em maio de 2013, um documento intitulado Insetos Comestíveis: Perspectivas Futuras para a Segurança Alimentar, no qual afirma que esses animais são uma alternativa à produção convencional de carne. Sobre esse grupo de animais, é correto afirmar que:

  11. 11

    G1 - IFSP 2014

    A charge a seguir menciona uma característica presente nos insetos. A característica mencionada pela borboleta esta relacionada com o sucesso dos insetos na ocupação dos diferentes ambientes do planeta. Isso ocorre porque, devido a essa característica, os insetos apresentam:

  12. 12

    PUCPR 2016

    Leia o trecho do texto a seguir: Mito ou verdade? Será que as baratas sobrevivem a uma explosão nuclear? Animais que vivem abrigados têm chances maiores de sobrevivência Você já ouviu aquela história de que, se houvesse uma guerra nuclear, apenas as baratas sobreviveriam? (...). Será que esses insetos são capazes de resistir a explosões nucleares? O professor de biologia Rubens Oda explica que os insetos compõem 90% das espécies animais do planeta Terra. “Se fosse para eu apostar em alguém para sobreviver a uma explosão nuclear, eu apostaria num inseto, não no ser humano”, comenta o professor. Mas, apesar de apostar em insetos, o professor explica que a barata não tem nenhuma capacidade especial. “A carapaça da barata é o exoesqueleto de quitina igual a de qualquer outro inseto”, explica. Ou seja, ela não tem nenhuma resistência especial à radiação, ou mesmo ao calor e ao deslocamento de ar de uma explosão nuclear. O que acontece é que ela tem algumas características que a deixariam em vantagem numa situação extrema. “Quando você vê as baratas nas grandes cidades, elas estão no esgoto, nas frestas. Elas estão sempre escondidas”. Por isso, as chances de ela resistir a uma grande explosão são maiores do que as de um ser humano, que habita a superfície da Terra – não à toa que, durante a Guerra Fria, abrigos nucleares eram construídos no subsolo. Outra vantagem das baratas é sua alimentação diversa. “Uma pequena quantidade de matéria orgânica é suficiente para ela se alimentar”. Não só as baratas, mas outras espécies que vivem em locais protegidos e com hábitos alimentares propícios têm maior potencial para sobreviver a uma explosão nuclear. “Desculpa se estou tirando sua ideia de que as baratas são super-resistentes, mas elas não têm nada especial”, resume Rubens Oda. Disponível em .Acesso em: 11/04/2015. Adaptado. De acordo com o texto, o exoesqueleto quitinoso das baratas, embora ofereça resistência, não conferiria necessariamente uma proteção contra os efeitos de uma explosão nuclear. Assinale a alternativa que mostra CORRETAMENTE o tipo de molécula orgânica que forma esse exoesqueleto quitinoso e mais uma de suas funções.

  13. 13

    G1 - CPS 2016

    Entre os organismos vivos encontrados no solo, alguns são microscópicos, como as bactérias, os protozoários e os fungos, que se alimentam de restos de vegetais ou de animais. Outros são animais de pequeno porte, como as formigas, as minhocas, os besouros, as centopeias e os cupins que, entre outras coisas, fazem parte da biodiversidade do solo. Já os animais maiores, como os coelhos, os ratos, as toupeiras, os lagartos e as cobras vivem em tocas ou cavam túneis para se esconderem e criarem seus filhotes. Em certas situações, na agricultura ou na jardinagem, alguns animais de pequeno porte, como os pulgões, lesmas e caracóis são considerados muito prejudiciais aos vegetais. Sobre os organismos citados no texto, é correto afirmar que

  14. 14

    UNESP 2013

    Bactéria pode atuar como “vacina” para dengue Pesquisadores anunciaram que a bactéria Wolbachia pipientis pode atuar como uma “vacina” para o Aedes aegypti, bloqueando a multiplicação do vírus dentro do inseto. “Quando inoculamos a bactéria no Aedes aegypti, ficamos surpresos ao ver que ela, além de diminuir o tempo de vida do mosquito, também fazia com que o vírus não se desenvolvesse”. A Wolbachia pipientis só pode ser transmitida verticalmente (de mãe para filho), por meio do ovo da fêmea do mosquito. Fêmeas com Wolbachia pipientis sempre geram filhotes com a bactéria no processo de reprodução. “Por isso, uma vez estabelecido o método em campo, os mosquitos continuam a transmitir a bactéria naturalmente para seus descendentes”, disseram os pesquisadores. (www.jb.com.br. Adaptado.) De acordo com a notícia, conclui-se corretamente que

  15. 15

    PUC-RS 2014

    Uma produtora de cinema, entusiasmada com o sucesso das histórias do “Homem Aranha”, resolveu lançar o filme “A Liga dos Arachnida”. Nesta nova trama, o Homem Aranha tem três outros super-heróis da sua mesma classe para ajudá-lo a combater o crime. Seus parceiros são os Homens  

  16. 16

    UNESP 2016

    Atendendo à demanda da ONU, que propõe o combate ao vetor da zika, dengue e chikungunya, mosquitos machos serão criados em laboratório e expostos a raios X e raios gama. Os  procedimentos de irradiação serão realizados em equipamentos de raios X e em irradiadores que têm como fonte de raios gama o isótopo cobalto-60, também sob diferentes condições quanto à taxa e dose de radiação absorvida. Depois de irradiados, esses mosquitos serão soltos no ambiente. (www.ipen.br. Adaptado.) A técnica proposta pela ONU é mais uma forma de combater as doenças transmitidas pelo Aedes aegypti porque

  17. 17

    PUCRS 2014

    Para responder à questão, analise o texto e os diagramas a seguir. Entomologia, carcinologia e aracnologia são ramos da Biologia que estudam os insetos, os crustáceos e os aracnídeos, respectivamente. Dois desses grupos incluem organismos mais aparentados evolutivamente um com o outro do que com o terceiro, por compartilharem a condição de possuírem antenas e mandíbulas. Os diagramas que representam corretamente a relação de parentesco mencionada no texto são apenas:

  18. 18

    UFSJ 2013

    Sobre os artrópodes, é INCORRETO afirmar que

  19. 19

    UFRGS 2005

    Leia atira a seguir e as afirmações que a seguem. I. A fala do primeiro quadrinho refere-se ao dimorfismo sexual, observado nessa classe de artrópodes. II. Os aracnídeos apresentam fecundação externa, são vivíparos e seu desenvolvimento é direto. III. A sequência de quadrinhos aborda a seleção sexual, a qual se relaciona com a escolha de um parceiro para a reprodução. Quais estão corretas?

  20. 20

    UEL 2003

    A respiração e a circulação nos insetos sustentam a alta demanda metabólica desses animais durante o voo. Além disso, a respiração traqueal é uma importante adaptação dos insetos para a vida terrestre. Sobre as relações fisiológicas entre os processos respiratório e circulatório nos insetos, é correto afirmar:

  21. 21

    UNESP 2013

    Uma coleção de artrópodes é formada por 36 exemplares, todos eles íntegros e que somam, no total da coleção, 113 pares de patas articuladas. Na coleção não há exemplares das classes às quais pertencem o caranguejo, a centopeia e o piolho-de-cobra. Sobre essa coleção, é correto dizer que é composta por exemplares das classes Insecta e

  22. 22

    ENEM 2005

    O desenvolvimento da maior parte das espécies de insetos passa por vários estágios até chegar à fase adulta, quando finalmente estão aptos à reprodução. Esse desenvolvimento é um jogo complexo de hormônios. A ECDISONA promove as mudas (ecdíases), mas o HORMÔNIO JUVENIL impede que o inseto perca suas características de larva. Com o tempo, a quantidade desse hormônio diminui e o inseto chega à fase adulta. Cientistas descobriram que algumas árvores produzem um composto químico muito semelhante ao HORMÔNIO JUVENIL dos insetos. A vantagem de uma árvore que produz uma substância que funcione como HORMÔNIO JUVENIL é que a larva do inseto, ao se alimentar da planta, ingere esse hormônio e:

  23. 23

    UNIFESP 2004

    No ambiente terrestre, uma aranha, uma abelha e uma alface estão sujeitas às mesmas condições ambientais. Qual das afirmações sobre as adaptações que evitam a perda de água e que permitem as trocas gasosas nesses organismos está correta?

  24. 24

    FEI 1997

    Um aluno da FEI foi a um jantar onde havia camarão, ostra, lula e lagosta. Esta refeição continha portanto:

  25. 25

    UNICHRISTUS 2018

    Leia a tirinha: Na relação apresentada na tirinha, o parasita e o hospedeiro são, respectivamente,

  26. 26

    G1 - CPS 2015

    As formigas são insetos sociais, possuem patas articuladas e corpo dividido em três partes distintas, interligadas entre si. Entre esses animais, as formigas cortadeiras, como por exemplo, as saúvas, ao contrário do que se pensa, não comem as plantas que cortam. Elas transportam os pedaços dessas plantas para o formigueiro onde, em câmaras especiais, eles são utilizados como substrato para o cultivo de um fungo do qual as formigas se alimentam. Esse processo causa grandes transtornos à agricultura e à pecuária. A respeito das formigas cortadeiras, é correto afirmar que

  27. 27

    UNISC 2012

    Os túbulos de Malpighi são órgãos encontrados nos insetos com a função:

  28. 28

    UFAM 2016

    O Filo Arthropoda compreende um dos maiores grupos do Reino Animalia. Assinale a alternativa que representa animais que se enquadram neste grupo:

  29. 29

    UDESC 2013

    Existem diferenças entre a organização das estruturas dos artrópodes. Em relação ao enunciado, associe as colunas. (1) Insetos (     ) Em geral são aquáticos, seus corpos apresentam duas regiões (cefalotórax com dois pares de antenas e abdome). Possuem um par de mandíbulas na abertura da boca e tubo digestório completo. A respiração é feita por ramificações laterais (brânquias) localizadas nas patas. (2) Aracnídeos (     ) São terrestres, seus corpos apresentam cabeça com um par de antenas, pequeno tórax e um longo abdome segmentado com dois pares de patas locomotoras por segmentos, podendo variar de 20 a 100 segmentos. A respiração é traqueal. (3) Crustáceos (     ) Em geral são terrestres, seus corpos apresentam três regiões (cabeça com um par de antenas, tórax e abdome). Possuem tubo digestório completo (o aparelho mastigador pode ser sugador, lambedor ou mastigador). A respiração é feita por traqueias. (4) Diplópodes (     ) São terrestres, a maioria deles apresentam seus corpos em cefalotórax e abdome, não possuem antena nem mandíbulas, possuem quatro pares de patas. A respiração é feita por filotraqueias, também denominadas pulmões foliáceos. Assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo.

  30. 30

    UNITINS 2016

    Há diferenças entre a organização das estruturas dos artrópodes. Em relação ao enunciado, associe as colunas. 1 – 2 – 3 – 4. A sequência correta da associação das colunas é

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos