Assine hoje e tenha acesso completo ao Stoodi com até 70% de desconto.

Ver planos

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Cordados I dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Biologia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 121

    UNEMAT 2013

    Alguns peixes possuem um órgão interno denominado de bexiga natatória, que se encontra geralmente abaixo da coluna vertebral. Trata-se de um mecanismo capaz de aumentar ou diminuir o volume de gás em seu interior. A bexiga natatória permite que o peixe altere sua profundidade sem a necessidade de nadar. Considere as seguintes assertivas: I – O peixe, ao encher ou esvaziar a estrutura com ar, altera sua densidade, controlando a sua profundidade na água. II – Nos peixes pulmonados, a bexiga natatória está associada a poucos vasos sanguíneos e sua parede é composta de tecido epitelial multiestratificado. III – Em algumas espécies de peixes, essas estruturas são ligadas à faringe, formando uma estrutura homóloga ao pulmão, importante na respiração aérea. Assinale a alternativa correta:

  2. 122

    MACKENZIE 2006

    Na metamorfose dos anfíbios, entre outras transformações, ocorrem modificações no aparelho circulatório para permitir a respiração pulmonar e cutânea. Nos girinos, o coração tem um átrio e um ventrículo e por ele passa somente sangue não oxigenado. Nos adultos, o coração apresenta

  3. 123

    UFMG 2003

    Em todas as alternativas, diferentes tipos de radiação estão corretamente associados a fenômenos biológicos, EXCETO em

  4. 124

    MACKENZIE 2003

    A respeito da reprodução dos peixes, são feitas as afirmações abaixo. I. Há espécies dióicas e monóicas. II. Pode ocorrer tanto fecundação interna quanto externa. III. Pode haver desenvolvimento direto ou indireto. IV. Há espécies ovovivíparas, vivíparas e ovíparas. Estão corretas, apenas:

  5. 125

    FGV

    O filo dos cordados compreende quatro subfilos: hemicordados, urocordados, cefalocordados e vertebrados. Os três primeiros são, costumeiramente, agrupados sob designação de protocordados. A notocorda existe:

  6. 126

    UFV 2010

    Todos os mamíferos apresentam fecundação interna. Entretanto, o desenvolvimento embrionário varia entre os diversos grupos.   Em relação ao desenvolvimento embrionário de mamíferos, assinale a afirmativa CORRETA:

  7. 127

    UEG 2005

    Muitas pessoas têm medo de morcegos por acreditar, erradamente, que todos esses animais – únicos mamíferos voadores – alimentam-se de sangue. Na verdade, das cerca de 1.100 espécies de morcegos conhecidas em todo o planeta, apenas três dependem desse tipo de alimento: o morcego-vampiro comum (Desmodus rotundus), o morcego-vampiro-de-asas-brancas (Diaemus youngi) e o morcego-vampiro-de-pernaspeludas (Diphylla ecaudata). Os morcegos vampiros só se alimentam de sangue e não conseguem sobreviver mais de três dias sem ele. O sangue é um tipo de alimento que exige características específicas para seu consumo e, por isso, o morcego vampiro apresenta várias adaptações nesse sentido. BERNARD, E. Sangue, raiva e preconceito. Ciência hoje, v. 36, n. 214, 2005. [Adaptado.]   Em relação aos seus hábitos alimentares, é INCORRETO afirmar que esses animais apresentem a seguinte adaptação:

  8. 128

    OBB 2017

    Uma doença infecciosa e letal tem sido apontada como uma das principais causas do declínio mundial e da perda de espécies de anfíbios – os animais mais ameaçados de extinção no planeta. Trata-se da quitridiomicose – doença que infecta células com queratina da epiderme de anfíbios adultos, causando desequilíbrio nas trocas gasosa, de água e de eletrólitos pela pele desses animais e levando-os à morte por parada cardíaca. Em girinos, o fungo degrada a queratina dos dentículos, dificultando a alimentação e prejudicando o crescimento. Agência Fapesp - fevereiro de 2015 Entre as possíveis consequências da extinção de espécies de anfíbios NÃO está:

  9. 129

    FUVEST 2003

    O ornitorrinco e a equidna são mamíferos primitivos que botam ovos, no interior dos quais ocorre o desenvolvimento embrionário. Sobre esses animais, é correto afirmar que

  10. 130

    MACKENZIE 2004

    Utilizando larvas de peixes conhecidos como “paulistinhas”, uma equipe de pesquisadores de Maryland (EUA) desenvolveu um alimento que consiste em um lipídio capaz de emitir uma luz fluorescente quando está sendo digerido por uma enzima. Nesses peixes, foi testada a ação de uma droga anticolesterol, que bloqueia totalmente a fluorescência, indicando que o lipídio “não chegou a ser digerido pois a vesícula biliar não liberou a bílis”. Folha de São Paulo - fev. 2004 A partir do texto dado, considere as afirmações abaixo. I. A fluorescência descrita pode ser observada no intestino delgado. II. A bile é produzida na vesícula biliar. III. A ausência de digestão observada deveu-se à falta de bile, responsável direta pela digestão enzimática de lipídios. Então:

  11. 131

    UNISC 2009

    Em relação ao fluxo de sangue em mamíferos e aves, escolha a melhor afirmativa. I- O sangue rico em O2 sai do ventrículo esquerdo através de artérias que se ramificam em artérias menores até arteríolas, que então controlam o fluxo de sangue para os diferentes capilares. II- O sangue rico em CO2 sai do ventrículo direito através de artérias até os capilares pulmonares. III- O sangue retorna ao coração através de veias que desembocam nos átrios.

  12. 132

    UFF 2003

    Os peixes marinhos possuem características fisiológicas importantes que lhes permitem viver adaptados ao seu habitat. Considere os seguintes processos: I) Absorção de alimentos II) Eliminação de Na+ III) Absorção de CO2 IV) Eliminação de Cl– V) Eliminação de H2O VI) Absorção de O2 Dentre esses processos, os que constituem importantes funções fisiológicas das brânquias de peixes marinhos estão indicados por:

  13. 133

    MACKENZIE 2002

    As respirações traqueal e pulmonar são mais adaptadas à vida em ambiente terrestre porque:

  14. 134

    OBB 2011

    O fígado dos peixes cartilaginosos possui uma função extra quando comparado com os demais vertebrados. Marque a alternativa em que encontramos uma função hepática típica dos peixes cartilaginosos:

  15. 135

    FCMMG 2007

    Segundo Empédocles de Acragas (492 – 432 a.C. ), o calor do útero era decisivo na determinação do sexo; útero quente produziria homens e o frio, mulheres...  Com relação aos mamíferos, isso não se trata de uma realidade, porém a questão do calor pode vir a ser um problema na proporção sexual em ninhadas de:

  16. 136

    MACKENZIE 2004

    I - Sistema circulatório fechado. II - Fecundação externa. III - Excreção de amônia. Das características acima, todos os peixes apresentam apenas

  17. 137

    FUVEST 2011

    Considere os filos de animais viventes e as seguintes características relacionadas à conquista do ambiente terrestre:   I. Transporte de gases feito exclusivamente pelo sistema respiratório, independente do sistema circulatório. II. Respiração cutânea e pulmonar no mesmo indivíduo. III. Ovos com casca calcárea resistente e porosa.   A sequência que reproduz corretamente a ordem evolutiva de surgimento de tais características é:

  18. 138

    UNB 2013

    Pouco se fala sobre o sétimo continente, uma gigantesca placa de lixo plástico que flutua no Oceano Pacífico, entre o litoral da Califórnia e do Havaí. Essa ilha de lixo, que mais parece uma enorme sopa de detritos plásticos flutuantes, é seis vezes maior que a França e tem cerca de 30 metros de espessura. Dados indicam que esse sétimo continente mede em torno de 3,4 milhões de quilômetros quadrados e pesa aproximadamente 3,5 milhões de toneladas, das quais cerca de 90% estão até dez centímetros abaixo da superfície. Essa ilha decorre de um redemoinho gigante que resulta da força da corrente do Pacífico Norte e que gira no sentido horário, juntamente com os ventos fortes que estejam na área. Essa força centrípeta leva, gradualmente, todo o lixo para o centro. Cerca de 80% dos resíduos dessa ilha provêm de terra firme e, transportados pelos rios e pelo vento, chegam aos mares. Acredita-se que, na área do continente lixo, existam até seis quilogramas de lixo plástico para cada quilograma de plâncton. Alguns animais, como tartarugas, baleias, focas e pássaros, morrem ao ingerir partículas de plástico, por confundi-las com alimentos. Outros animais acumulam toxinas, o que prejudica toda a cadeia alimentar. Calcula-se que um navio com capacidade para retirar os resíduos do sétimo continente levaria 27 anos para limpar toda a superfície da água. Internet: (com adaptações)     Os répteis citados no texto têm capacidade de imersão na água por várias horas, pois, além de pulmões, possuem

  19. 139

    PUC-CAMPINAS 2015

    Um fisiologista estudou certas características dos vertebrados I e II, anotando os dados abaixo.   − Tanto I como II possuem coração com 1 átrio e 1 ventrículo.   − Tanto I como II realizam suas trocas gasosas com o ambiente através de brânquias.   − I é um animal ureotélico e II é um animal amoniotélico.   De acordo com esses dados, I e II podem ser, respectivamente,

  20. 140

    UFRN

    O peixe-boi apresenta como defesa o comportamento de permanecer imerso por até vinte minutos. Isso é viável porque o animal

  21. 141

    UNIOESTE 2009

    Relativo aos diferentes grupos animais, assinale a alternativa correta.

  22. 142

    UNEMAT 2007

    Espécies como o Tambaqui (Colossoma macropomum) são importantes para o fortalecimento da economia regional e nacional, através da criação em tanques. Porém, é necessário estudar e conhecer a anatomia e fisiologia dos peixes. Com base nesta afirmação marque a alternativa INCORRETA.

  23. 143

    UNICENTRO 2012

    Tradicionalmente chamamos de répteis, um grupo de animais possui, em comum, a ectotermia e a pele recoberta por escamas. Esse grupo inclui diversas linhagens (lagartos, serpentes, anfisbenas, quelônios e jacarés), embora algumas delas sejam pouco aparentadas entre si. Por exemplo, sabe-se hoje que os jacarés são mais aparentados às aves do que aos lagartos, às cobras e às tartarugas, embora, na prática, os jacarés continuem sendo tratados junto com esses animais, dentro do grupo que chamamos de répteis. (MONTEIRO, Angelo Barbosa Monteiro, DRUMMOND, Gláucia Moreira, PAGLIA, Adriano Pereira. 1. ed. Brasília, DF: MMA; Belo Horizonte, MG: Fundação Biodiversitas, 2008.).   Com base nos conhecimentos sobre esse grupo de vertebrados, é correto afirmar:

  24. 144

    PUC-RJ 2016

    Aves são animais endotérmicos que mantêm a temperatura corporal em torno de 40 ºC. Com relação a esse aspecto da fisiologia das aves, considere as afirmativas a seguir.   I – O isolamento térmico do corpo, em função da cobertura de penas e da camada de gordura subcutânea, contribui para a manutenção da temperatura corporal.   II – As aves não precisam aquecer-se ao sol para manterem sua temperatura.   III – As aves necessitam de mais alimento, proporcionalmente ao peso do corpo, do que animais ectotérmicos.   IV – Por serem endotérmicas, as aves são mais evoluídas que animais ectotérmicos como lagartos, serpentes e anfíbios.     É correto o que se afirma em:

  25. 145

    UFRGS 2016

    Assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmações abaixo, relativas às características dos organismos da classe Mammalia.   ( ) Um único osso na mandíbula inferior.   ( ) Membrana muscular que separa o tórax do abdômen.   ( ) Epiderme espessa e queratinizada.   ( ) Ácido úrico como principal produto de excreção.   A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é

  26. 146

    OBB 2017

    Ao examinar o crânio de um pequeno mamífero, você observou que não há caninos e que os pré-molares e os molares são planos.  Este mamífero possivelmente:

  27. 147

    UFF 2000

    A bexiga natatória de um peixe tem importante papel no controle de sua flutuação na água. Considere que um zoólogo ao estudar a anatomia de dois peixes ósseos de mesmo tamanho — um de água salgada e outro de água doce — verificou que as bexigas natatórias dos dois animais, quando vazias, tinham, aproximadamente, as mesmas dimensões. Se estes animais estivessem vivos, em seus respectivos habitats e à mesma profundidade, 

  28. 148

    UFU 2002

    “....Baratas, me deixem ver suas patas. Ratos, entrem nos sapatos... Pulgas, que habitam minhas rugas. Oncinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo...” Neste trecho de “Bichos Escrotos,” música dos Titãs composta por Arnaldo Antunes, Sérgio Brito e Nando Reis são citados animais pertencentes aos grupos apresentados na seguinte sequência:

  29. 149

    UNICENTRO 2008

    Os mamíferos ruminantes possuem trato digestivo especializado para a digestão da celulose. Considerando aspectos anatômicos e fisiológicos, pode-se apontar, como uma característica dos ruminantes

  30. 150

    FCMMG 2005

    Em Santa Teresa, região serrana do ES, considerada como a terra dos colibris, destaca-se no “Museu Biológico Mello Leitão” uma coleção dessas encantadoras aves. Uma propriedade dos colibris que nos chama a atenção é o fato de que esses pequenos animais podem ingerir, por dia, uma quantidade de alimento equivalente a 30 vezes o seu peso. Se essa relação também valesse para o homem, imagine uma pessoa de 50 quilos comendo uma tonelada e meia de alimentos diariamente... De acordo com os dados citados e seus conhecimentos sobre as propriedades metabólicas dos animais, podemos afirmar que a quantidade de alimento ingerida pelos colibris está relacionada com:

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos