Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

PUCPR 1999

O desenvolvimento embrionário nos vertebrados leva à formação, em determinado estágio, de certas estruturas que não farão parte do futuro animal. Tais estruturas, os anexos embrionários, desempenham funções variadas. A seu respeito, poderíamos afirmar

I - O saco vitelino, ligado ao tubo digestivo do embrião, tem função de absorção do material nutritivo (vitelo); é formado pela endoderme e pela ectoderme; pode ser encontrado somente nas aves e mamíferos.
II - O alantoide, ligado ao intestino posterior do embrião, envolve e protege o embrião contra dessecação e choques mecânicos (pois sua cavidade é cheia de líquido); é formado pela endoderme e pela mesoderme visceral; pode ser encontrado em répteis, aves e mamíferos.
III - O âmnio, formado pela ectoderme e pela mesoderme parietal, tem como principal função acumular os produtos de excreção produzidos pelo embrião; pode ser encontrado em peixes, répteis, aves e mamíferos.
IV - O cório, formado pela endoderme e pela mesoderme parietal, envolve e protege todo o conjunto (embrião e demais anexos); nos peixes e mamíferos, o cório funde-se ao alantoide formando o alantocório, extremamente vascularizado, o que permite trocas gasosas e a retirada de sais de cálcio da casca do ovo.
V - A placenta é um órgão formado por tecidos do cório e do alantoide reuni dos a porções do revestimento interno do útero. Produz hormônios e permite a ocorrência de trocas de nutrientes e gases respiratórios entre o embrião e o organismo materno. Só é encontrada nos mamíferos.

Está ou estão corretas:

Escolha uma das alternativas.