Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Sistemas Conservativos e Potência dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Física com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 1

    Espcex (Aman) 2013

    Um carrinho parte do repouso, do ponto mais alto de uma montanha-russa. Quando ele está a 10m do solo, a sua velocidade é de 1 m/s. Desprezando todos os atritos e considerando a aceleração da gravidade igual a 10 m/s2, podemos afirmar que o carrinho partiu de uma altura de

  2. 2

    Stoodi

    Uma caixa, de 30 kg, é lançada horizontalmente com velocidade de 20 m/s de uma altura de 25 m. Qual será a velocidade da caixa ao atingir o solo. Adote g = 10 m/s2 e despreze os efeitos do ar.

  3. 3

    CEFET-MG 2013

    Um motor é capaz de desenvolver uma potência de 500 W. Se toda essa potência for usada na realização do trabalho para a aceleração de um objeto, ao final de 2,0 minutos sua energia cinética terá, em joules, um aumento igual a

  4. 4

    Stoodi

    Um garoto de massa 30 kg desce por um escorregador de 1,8 m de altura. Sabendo que o garoto parte do repouso do ponto mais alto do escorregador e atinge o final da rampa com velocidade de 4 m/s, qual o módulo do trabalho realizado pela força de atrito entre o garoto e a rampa? (use g = 10 m/s2)

  5. 5

    FGV 2013

    A montadora de determinado veículo produzido no Brasil apregoa que a potência do motor que equipa o carro é de 100 HP (1 HP  750 W). Em uma pista horizontal e retilínea de provas, esse veículo, partindo do repouso, atingiu a velocidade de 144 km/h em 20 s. Sabendo que a massa do carro é de 1000 kg, o rendimento desse motor, nessas condições expostas, é próximo de

  6. 6

    FGV 2013

    (Adaptado) Um carro, de massa 1 000 kg, passa pelo ponto superior A de um trecho retilíneo, mas inclinado, de certa estrada, a uma velocidade de 72 km/h. O carro se desloca no sentido do ponto inferior B, 100 m abaixo de A, e passa por B a uma velocidade de 108 km/h. A aceleração da gravidade local é de 10 m/s2. O módulo do trabalho realizado pelas forças dissipativas sobre o carro em seu deslocamento de A para B vale, em joules,

  7. 7

    Stoodi

    Um bloco desliza sobre um plano inclinado, de altura H=2 m, partindo do repouso em A e indo até B, por onde passa com uma velocidade de 3 m/s. Durante o trecho, o bloco sofre a ação da força de atrito que possui módulo igual à metade de seu peso. Desconsiderando efeitos de resistência do ar e assumindo  , calcule a distância d percorrida pelo bloco entre os pontos A e B.  

  8. 8

    UPE 2013

    Um bloco de massa M = 1,0 kg é solto a partir do repouso no ponto A, a uma altura H = 0,8 m, conforme mostrado na figura. No trecho plano entre os pontos B e C (de comprimento L = 3,5 m), o coeficiente de atrito cinético é =0,1. No restante do percurso, o atrito é desprezível. Após o ponto C, encontra-se uma mola de constante elástica k = 1,0 x 102 N/m. Considere a aceleração da gravidade como g = 10 m/s2. Sobre isso, analise as proposições a seguir I. Na primeira queda, a velocidade do bloco no ponto B é vB = 16 m/s. II. Na primeira queda, a velocidade do bloco no ponto C é vC = 9 m/s. III. Na primeira queda, a deformação máxima da mola é xmax = 30 cm. IV. O bloco atinge o repouso definitivamente numa posição de 1 m à direita do ponto B. Está(ão) CORRETA(S)

  9. 9

    FUVEST 2009

    Na maior parte das residências que dispõem de sistemas de TV a cabo, o aparelho que decodifica o sinal permanece ligado sem interrupção, operando com uma potência aproximada de 6 W, mesmo quando a TV não está ligada. O consumo de energia do decodificador, durante um mês (30 dias), seria equivalente ao de uma lâmpada de 60 W que permanecesse ligada, sem interrupção, durante

  10. 10

    ENEM 2018

    Um projetista deseja construir um brinquedo que lance um pequeno cubo ao longo de um trilho horizontal, e o dispositivo precisa oferecer a opção de mudar a velocidade de lançamento. Para isso, ele utiliza uma mola e um trilho onde o atrito pode ser desprezado, conforme a figura. Para que a velocidade de lançamento do cubo seja aumentada quatro vezes, o projetista deve

  11. 11

    ENEM 2002

    “A idade da pedra chegou ao fim, não porque faltassem pedras; a era do petróleo chegará igualmente ao fim, mas não por falta de petróleo”. Xeque Yamani, Ex-ministro do Petróleo da Arábia Saudita.  O Estado de São Paulo, 20 ago. 2001. Considerando as características que envolvem a utilização das matérias-primas citadas no texto em diferentes contextos histórico-geográficos, de acordo com o autor, a exemplo do que aconteceu na Idade da Pedra, o fim da era do Petróleo estaria relacionado

  12. 12

    UNICENTRO 2007

    Um homem arrasta uma caixa, utilizando uma corda que forma com a horizontal um ângulo de 60°. Se ele a desloca 20 m na superfície horizontal e realiza um trabalho de 600 J, a força exercida por ele, sobre a caixa, em newtons, é igual a

  13. 13

    UNIOESTE 2009

    Um experimento simples para estimar a potência de um forno de microondas é medir a elevação da temperatura de uma certa quantidade de água colocada em seu interior, de forma a permitir o cálculo do calor absorvido durante um certo intervalo de tempo. Suponha que 500 g de água, a temperatura inicial de 20ºC, foram colocadas no forno e este mantido em funcionamento durante um minuto. Verifica-se que a água atingiu a temperatura de 40ºC. Pode-se afirmar que neste processo a taxa com que a água absorveu energia foi de (Dados: calor específico da água: c = 1 cal g-1 ºC-1 e 1 cal = 4,2 J)

  14. 14

    UNIOESTE 2007

    Uma bola realiza um movimento acelerado vertical de queda de uma posição h1 = 7 m acima do solo para uma posição h2 = 1 m acima do solo. Durante este movimento de queda, a bola sofre a atuação da força gravitacional e da força de resistência do ar. Para o movimento da bola entre as posições h1 e h2, é correto afirmar que a variação da energia cinética (∆Ec), a variação da energia potencial gravitacional (∆Ep) e a variação da energia mecânica (∆Em) são

  15. 15

    ITA 2004

    Um painel coletor de energia solar para aquecimento residencial de água, com 50% de eficiência, tem superfície coletora com área útil de 10 m² . A água circula em tubos fixados sob a superfície coletora. Suponha que a intensidade da energia solar incidente é de 1,0 × 103 W /m² e que a vazão de suprimento de água aquecida é de 6,0 litros por minuto. Assinale a opção que indica a variação da temperatura da água.

  16. 16

    UNIOESTE 2011

    No final de seus ciclos de vida estrelas muito massivas podem sofrer um drástico desequilíbrio entre suas forças internas, de natureza nuclear e gravitacional, o que promove um colapso estelar. Este fenômeno origina as chamadas Supernovas, que são violentas explosões estelares. Neste processo há liberação de energia da ordem de 1044 Joules e ejeção de matéria na forma de “ondas de choque” com velocidades de até 20.000 km/s. Após a explosão resta uma pequena estrela que é extremamente densa, gira com grandes velocidades angulares e emite intensa radiação eletromagnética pulsada, daí sua denominação: Pulsar. Sobre as Supernovas é correto afirmar que

  17. 17

    UESC 2011

    Muitas vezes, uma pessoa se surpreende com o aumento de consumo de combustível apresentado por um veículo que faz uma viagem em alta velocidade. Considere uma situação em que a intensidade da força total de resistência ao movimento, Fr, seja proporcional ao quadrado da intensidade da velocidade v do veículo. Se o veículo descrever movimento retilíneo e uniforme e duplicar o módulo da sua velocidade, então a potência desenvolvida pelo motor será multiplicada por  

  18. 18

    FGV-RJ 2015

    Um atleta corre em uma pista retilínea, plana e horizontal, com velocidade, em relação ao solo, constante e de módulo igual a 4 m/s. Não há vento, e a única força que se opõe ao seu movimento é a resistência do ar, que tem módulo proporcional ao quadrado da velocidade do atleta em relação ao ar, e a direção do seu movimento. Nessas condições, o atleta desenvolve uma potência P. Em certo instante, começa a soprar um vento de 4 m/s em relação ao solo, na direção do movimento do atleta e em sentido oposto. Nessa nova situação, a potência que o atleta desenvolve para manter a mesma velocidade de 4 m/s em relação ao solo é igual a

  19. 19

    UNICENTRO 2009

    Considere um bloco que desce um plano inclinado (de inclinação constante) com velocidade constante. É CORRETO afirmar que, enquanto o bloco desce o plano,

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos