Tenha acesso completo ao Stoodi

Plano de estudos, correção de redação, todas as aulas e muito mais!

Exercícios de Conflitos na Rússia

Voltar para Conflitos na Rússia

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Conflitos na Rússia dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 1. PUC-RS 2014
    O geógrafo brasileiro Jose William Vesentini, referindo-se à dissolução da União Soviética, escreveu "Novos países, problemas antigos" (2010). Esse título serve para explicar o início dos confrontos entre a Rússia e a Ucrânia, tendo como foco a disputa pela península
  2. 2. UFU 2005
    Considere a figura a seguir A região ilustrada na figura apresentada trata-se
  3. 3. PUC-MG 2001
    Leia atentamente o texto abaixo. "Antes da desintegração da União Soviética havia uma república autônoma, a da Tchetchênia-Ingústia, que reunia dois povos que lhe davam nome. Quando a União Soviética não mais existia, a Tchetchênia se recusou a assinar o Tratado de adesão a Federação Russa e proclamou a independência, o que não foi reconhecido pelo governo de Moscou. Em dezembro de 1994 iniciou-se a intervenção militar russa na Tchetchênia." (Adaptado de OLIC, Nelson Bacic. "Conflitos no Mundo: questões e visões geopolíticas". São Paulo, Moderna, 2000) Assinale a opção que MELHOR EXPLICA os interesses russos pela região da Tchetchênia:
  4. 4. PUC-CAMP 2000
    Considere os itens abaixo sobre o movimento separatista do Daguestão. I. República da Federação Russa, com subsolo rico em petróleo. II. Localiza-se na região do Cáucaso, que tem nove grandes grupos étnicos e 70 etnias menores. A maioria da população é muçulmana. III. Nesta região do Cáucaso, tem-se ainda a Tchetchênia e países independentes como a Geórgia. IV. Região de maior concentração de usinas nucleares da Rússia. Sobre essa região, que apareceu no noticiário devido às lutas sangrentas ocorridas ultimamente, pode-se consederar corretas SOMENTE
  5. 5. UFSM 2005
    O mapa sinaliza uma região de conflitos causados
  6. 6. UERJ 2015
    Rússia formaliza anexação da Crimeia A Rússia anexou formalmente a Península da Crimeia a seu território, depois de um duro discurso do presidente Vladimir Putin em meio a pesadas críticas aos E.U.A., a União Europeia e ao governo interino da Ucrânia. Nesse discurso que antecedeu a assinatura da anexação da Crimeia, Putin destacou a questão como vital para os interesses russos. Segundo ele, o Ocidente "cruzou uma linha vermelha" ao interferir na Ucrânia. "A Crimeia sempre foi e é parte inseparável da Rússia", declarou o presidente. Adaptado de estadao.com.br, 18/03/2014. O evento abordado na reportagem está simultaneamente associado ao presente e ao passado dos povos envolvidos. Para explicar essa ação russa em relação a Crimeia, são fundamentais os seguintes interesses do atual governo Putin:
  7. 7. PUC-PR 2007
    O começo do século XXI revelou uma nova forma de terrorismo: globalizado, sem fronteiras e sob os holofotes da mídia. O mundo ficou estarrecido diante dos atentados de 11 de setembro de 2001 a importantes símbolos do poder político e econômico norte-americano. Nos três primeiros dias de setembro de 2004, no sul da Rússia, a pequena cidade de Beslan foi assolada pelo terrorismo. Uma escola local foi ocupada, em dia de festa, por terroristas que fizeram mais de 1000 reféns. A principal motivação do grupo armado que ocupou a escola de Beslan centrava-se na causa separatista, reinvidicavam:
  8. 8. ESPM 2015
    Em relação à crise político-territorial entre Ucrânia e Rússia, podemos afirmar que
  9. 9. UFG 2014
    Os recentes protestos de uma parte da população na Ucrânia contra o governo, a partir de novembro de 2013, têm gerado tensões internacionais e atraído os interesses da União Europeia, da Rússia e dos Estados Unidos. A atual situação política na Ucrânia decorreu
  10. 10. UERJ 2001
    Leia o quadro e o texto. (VICENTINO, C. 'Rússia antes e depois da URSS'. São Paulo: Scipione, 1995.) "Um elemento que contribui para a difusão do nacionalismo entre as minorias é o colapso das instituições do Estado. O fracasso em preencher necessidades básicas das pessoas e a inexistência de estruturas alternativas satisfatórias são fatores-chave para a compreensão da inesperada proliferação de movimentos nacionalistas na antiga União Soviética, onde novas estruturas de Estado estão em processo de estabelecimento, mas ainda não podem prover a segurança e o bem-estar de seus componentes". (Adaptado de GUIBERNAU, M. 'Nacionalismos: o estado nacional e o nacionalismo no século XX', Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 1997.) Muitos dos problemas políticos vividos hoje nas ex-repúblicas soviéticas decorrem da política de expansão das populações, a consequência política que pode ser identificada é:
  11. 11. UNIMONTES 2014
    A Crimeia realizou no fim de semana passado um referendo, qualificado de "ilegal" pelos EUA e pela União Europeia, no qual foi aprovada por arrasadora maioria a adesão da península à Rússia. As tensões entre Washington e Moscou intensificaram-se nesta semana com a imposição de sanções e proibição de viagem mútua a congressistas e altos cargos de ambos países. Disponível em: r7.com. Acesso em: 19 mar. 2014.   A partir da situação exposta no texto e seus conhecimentos sobre o assunto, podemos afirmar que
  12. 12. UNIMONTES 2014
    A Ucrânia, país do leste europeu, ganhou destaque mundial no último ano, infelizmente, devido ao conflito que se instalou naquele país.   Sobre a Ucrânia e as causas desse conflito, assinale a alternativa INCORRETA.
  13. 13. UDESC 2015
    O ano de 2014 foi marcado por fortes conflitos entre a Rússia e a Ucrânia. Analise as proposições sobre a Ucrânia.   I. Está politicamente dividida, com sua porção ocidental desejosa de estreitar laços com a União Europeia e a porção oriental, com a Rússia. II. Pelo país passam importantes gasodutos que transportam o gás natural da região do mar Cáspio para a Europa, cujo controle interessa tanto à União Europeia quanto à Rússia. III. Vem tentando se aproximar da Rússia desde 1991, quando deixou a União Europeia. IV. Possui grandes extensões de solos muito férteis, sendo grande produtora de cereais. V. Ainda padece dos efeitos da poluição radioativa, decorrente do acidente nuclear de Chernobyl, em 1986.   Assinale a alternativa correta.
  14. 14. UNIOESTE 2015
    Desde novembro de 2013, quando o presidente da Ucrânia, Viktor Yanukovych anunciou oficialmente que havia desistido de assinar um acordo de aproximação econômica com a União Europeia. Ele optou por priorizar as relações com a Rússia, assim, foram instauradas intensas manifestações populares em oposição à decisão do então presidente na Ucrânia. Frente às manifestações populares, em fevereiro de 2014, Viktor Yanukovych foi deposto do cargo de presidente da Ucrânia e, em maio do mesmo ano, novo governo interino assumiu o País. Nesse contexto de crise política e em consequência dos movimentos populares visando a uma aproximação com a União Europeia, instaurou-se forte crise na Crimeia, Península da Ucrânia. Sobre a crise na Crimeia, considere as afirmativas abaixo. I - A Crimeia é atualmente um Estado independente. II - No Referendo popular realizado no dia 16 de março de 2014, com 95% dos votos, a população da Crimeia decidiu pela separação da Ucrânia e anexação ao território russo. III - O grupo étnico predominante na Crimeia é o russo. IV - A crise insurgida na Crimeia levou a população a se posicionar a favor da Ucrânia com pedidos de aproximações econômicas com a União Europeia e contra a Rússia. V - Estados Unidos e União Europeia ainda não reconhecem o Referendo popular realizado na Crimeia, o qual decidiu pela separação da Ucrânia e anexação ao território russo. Assim, de acordo com o texto acima, assinale a alternativa CORRETA.
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login