Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Exercícios de Conflitos na Espanha

Voltar para Conflitos na Espanha

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Conflitos na Espanha dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 1. UFG 2013
    Em meio a uma de suas piores crises econômicas, o bloco europeu vê reacender ideias separatistas em países importantes. Na Espanha, essas lutas em algumas regiões ocorrem há décadas, mas se intensificam diante da crise que afeta o país duramente. Das dezessete comunidades espanholas, quatro mantêm aspirações separatistas. São elas:
  2. 2. UNESP 2014
    Catalunha de mãos dadas Imagine uma corrente humana formada por pessoas que dão as mãos em uma extensão de 400 quilômetros. Cidadãos da Catalunha não só imaginaram como a colocaram em prática nesta quarta-feira [11.09.2013], em que se celebra a Diada. uma espécie de dia do orgulho catalão, por ser a data que relembra a batalha, no século 18, de Barcelona com tropas da monarquia espanhola. O 11 de setembro catalão é celebrado anualmente com atos oficiais e passeatas, mas tem sido nos últimos anos o ponto nevrálgico do pleito dessa região. (httpz//luisabelchior.blogfolha.uoI.com.br. Adaptado.) Sobre a Catalunha, é correto afirmar que se trata de
  3. 3. FUVEST 1990
    Na Espanha, no Irã e na Índia ocorrem conflitos políticos separatistas:
  4. 4. UFPE 2000
    Durante toda a Baixa Idade Média, a Península Ibérica esteve envolvida:
  5. 5. UFRGS 1997
    O processo de formação do Estado Nacional na Península Ibérica está diretamente ligado a Reconquista, que significou
  6. 6. PUC-RJ 2009
    "Somos o único país da Terra cujas fronteiras não são divisões geográficas nem políticas, mas vogais e consoantes. Nosso país começa onde se fala basco e termina onde não se fala mais. Uma vez que o basco não tem relação com qualquer língua conhecida, isso cria fronteiras melhores que as impostas pelos governos" (Pescador basco, 1959). Em relação ao fragmento territorial e o trecho selecionado, é CORREIO afirmar que:
  7. 7. ESPM 2012
    Observe o texto: (a organização) rechaça qualquer diálogo, com o Governo Central, que não parta das exigências contidas na chamada alternativa KAS, segundo explicou ontem, no primeiro comunicado oficial que divulga a resposta da oferta de negociação do Executivo. Em Bilbao aconteceram novos confrontos durante a madrugada de ontem, ainda que as festas tenham terminadas sem incidentes. (EI País, 21/08/11.) O assunto refere-se:
  8. 8. MACKENZIE 2012
    A Questão Basca: grupo separatista ETA anuncia trégua permanente. Silvana Aline Soares Simon (Divulgação Científica em Relações Internacionais) - 10/01/2011 A imprensa internacional, nas últimas décadas, tem dado destaque às atividades do grupo basco ETA que, por meio de seus atentados, se chocava com o Estado espanhol. No último dia 10 de janeiro, 51 anos após o início de suas atividades, o grupo anunciou, no jornal independente basco Gara, uma trégua geral e permanente. A respeito do tema, é correto afirmar que
  9. 9. FGV 1999
    Das afirmações abaixo, sobre o País Basco e a atuação do ETA (Pátria Basca e Liberdade), I. A Constituição Espanhola de 1978 estabeleceu a autonomia do País Basco reconhecendo sua especificidade histórica, cultural e linguística; II. O País Basco foi importante centro fascista durante a Guerra Civil Espanhola e a formação do ETA está a isto vinculada; III. O ETA após a trégua 1983/1988 retoma a luta armada realizando atentados que têm amplo apoio em toda a Espanha; IV. Uma das reivindicações do ETA é a utilização da língua basca proibida desde o franquismo. V. Na Guerra Civil Espanhola, o País Basco foi importante centro da resistência republicana o que provocou pesada repressão durante o franquismo. Estão corretas:
  10. 10. UFSCAR 2003
    À cristianização compulsiva se seguiu, tempos depois, a partir da dinastia dos Bourbons, a castelhanização compulsiva. O centralismo castelhano, negador da pluralidade nacional e cultural da Espanha, chegou ao paroxismo sob a ditadura de Franco. Eduardo Galeano. A descoberta da América (que ainda não houve). Tendo em vista o texto, considere as quatro afirmações seguintes: I. O autor refere-se ao período da imposição do cristianismo na Espanha e suas colônias, com os tribunais da inquisição, nos séculos XV e XVI. II. O autor refere-se a unificação espanhola comandada por castelhanos, a partir da aliança entre Isabel de Castela e Fernando de Aragão. III. O autor refere-se as lutas por independência por parte de catalães, andaluzes, bascos e galegos. IV. O autor refere-se ao centralismo do Estado ditatorial de Franco no final do século XIX. Estão corretas as afirmações
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login