Sabe aquela vaga na universidade dos sonhos? Ela pode ser sua!

Matricule-se agora
Vagas abertas para o Extensivo 2022
Pessoa com tinta no rosto e com a palavra 'aprovadx' na testa sorrindo

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Geosfera dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 301

    UFV 2012

    Na superfície terrestre, o jogo de forças entre os agentes endógenos e exógenos resulta na formação de diferentes tipos de relevo. Essas formações são apropriadas pelos seres humanos de forma direta, como a criação de um povoado, ou de forma simbólica, como lugares de peregrinação. Dentre eles há um tipo composto de rocha mais dura, pois sua constituição é mais resistente aos desgastes produzidos pelo intemperismo, o que faz contrastar com as rochas adjacentes erodidas no seu entorno.   Com base em conhecimentos sobre os tipos de relevo, assinale a alternativa que se refere à descrição do texto acima:

  2. 302

    PUC-GO 2016

    Aos 60 anos, Rossmarc foi confinado na cadeia Raimundo Pessoa em Manaus, dividindo uma cela com 80 detentos. Dormia no chão junto de uma fossa sanitária. Para manter-se vivo usava toda a sua inteligência para fazer acordos com os detentos. Lá havia de tudo: drogados, jagunços, pseudomissionários, contrabandistas etc. Fora vítima do advogado. Com toda a lábia, nunca fora a Brasília defender Rossmarc. Por não ter apresentado a defesa, foi condenado a 13 anos de prisão. O advogado sumira, Rossmarc perdera o prazo para recorrer. Como era estrangeiro, os juízes temiam que fugisse do Brasil. O juiz ordenou sua prisão imediata. A cela, com oitenta detentos, fervilhava, era mais do que o inferno. Depressivo, mantinha-se tartamudo num canto, remoendo sua histó- ria, recordando-se dos bons tempos em que navegava pelos rios da Amazônia com seus amigos primatas.   Visitas? Só a de Pássaro Azul. Mudara-se também para Manaus e, sem nada dizer a Rossmarc, para obter dinheiro, prostituía-se num cabaré. Estava mais magra e algumas rugas se mostravam em seu rosto antes reluzente, agora de cor negra desgastada. Com o intuito de obter dinheiro, tanto para Rossmarc pagar as contas de dois viciados em crack no presídio, como para as custas de um advogado inexperiente, pouco se alimentava e ao redor dos olhos manchas entumecidas apareciam, deixando-a como alguém que consumia droga em exagero. As noitadas no cabaré enfumaçado e fedorento deixavam-na enfraquecida. Mas não deixara de amar o biólogo holandês. Quando fugira do quilombola, naquela noite, jurara amor eterno e não estava disposta a quebrar o juramento.   Enquanto Pássaro Azul se prostituía para obter os escassos recursos, Rossmarc, espremido entre os oitenta detentos, procurava desesperadamente uma luz no fim do túnel. Lembrava-se dos amigos influentes, de jornalistas, de políticos, e cada vez que Pássaro Azul o visitava, ele implorava que procurasse essas pessoas. Pássaro Azul corria atrás, mas sequer era recebida. Quem daria ouvidos a uma negra que se dizia íntima de Rossmarc, o biólogo que cometera crimes de biopirataria? Na visita seguinte, Rossmarc indagava:   — E dai, procurou aquela pessoa?   Para não magoar o amado, ela respondia que todos estavam muito interessados em sua causa. Dizia, entretanto, sem entusiasmo, com os olhos acuados e baixos, para não ver o rosto magro e chupado de Rossmarc. Entregava-lhe o pouco dinheiro que economizava, fruto da prostituição, e saia de lá com os olhos rasos d’água, tolhendo os soluços.   Numa noite no cabaré, Pássaro Azul conheceu um homem gordo e vesgo, que usava correntões de ouro. Dizia-se dono de um garimpo no meio da selva. Bebia e fumava muito, ria alto, com gargalhadas por vezes irritantes. Entre todas as raparigas, escolheu Pássaro Azul, que lhe fez todas as vontades, pervertendo-se de forma baixa e vil. Foram três noitadas intermináveis, mas Pássaro Azul aprendera a administrar a bebida. Não era tola, como as demais, que se embebedavam a ponto de caírem e serem arrastadas. Era carinhosa com o fazendeiro e saciava-lhe todos os caprichos. Não o abandonava, sentava em seu colo gordo e fazia-lhe agrados fingidos. Dava-lhe mais bebida e um composto de viagra, e o rosto gordo se avermelhava como de um leão enraivecido. Então, ela o puxava para o quarto sórdido. Na cama, enfrentava como guerreira o monte de carne e ossos, trepando sobre suas grandes papadas balofas e cavalgando, como uma guerreira. O homem resfolegava, gritava, gemia, uivava, mas Pássaro Azul não parava aquela louca cavalgada. [...] (GONÇALVES, David. Sangue verde. Joinville: Sucesso Pocket, 2014. p. 217-218.)     A história narrada no Texto 8 se passa na região amazônica que, mesmo próxima à Cordilheira dos Andes, pode ser considerada tectonicamente estável. No dia 30 de setembro de 2014, um abalo sísmico de magnitude 7,1 graus atingiu a porção sudoeste da Colômbia, causando expectativa nas regiões vizinhas. No que se refere às causas, locais de ocorrência desses fenômenos e suas consequências, analise os itens a seguir:   I-A ocorrência de terremotos é um fenômeno inerente à própria dinâmica interna da Terra, tendo em vista a manifestação de energia do interior do nosso planeta.   II-Os abalos sísmicos de grande abrangência e magnitude decorrem do acúmulo de energia térmica no limite entre duas placas tectônicas.   III-O lineamento de montanhas conhecido como Cordilheira dos Andes fica no limite entre as placas tectônicas do Pacífico e Sul-Americana.   IV-A Terra é um corpo em processo de resfriamento, cuja principal implicação é a formação de imensos volumes rochosos conhecidos como placas tectônicas.     Considerando os itens propostos, marque a alternativa que contém apenas proposições corretas:

  3. 303

    UNEMAT 2011

    Compreende um conjunto de serras de cristas paralelas, com topos arrasados e depressões interplanálticas e intermontanas, localizadas na porção centro-sul de Mato Grosso. Na perspectiva geomorfológica estão situadas entre a Depressão Cuiabana, a Depressão do Alto Paraguai e os Planaltos dos Guimarães e dos Parecis. Essas serras atuam como divisor de águas das bacias Amazônica e do Paraná.    O enunciado refere-se:

  4. 304

    UPE 2011

    No Nordeste brasileiro, existe uma ampla unidade de paisagem, muito estudada, por sinal, pela Geografia. Essa unidade é conhecida como “Depressão Sertaneja”. Identifique as características dessa depressão.   1. Apresenta, em algumas áreas, ocorrências minerais, como, por exemplo, a Schelita, a Magnesita e Gipsita, além de pegmatitos. 2. Possui uma precipitação pluvial média anual, que se situa entre 400 - 900mm, e elevada taxa de evaporação. 3. As chuvas são concentradas em curto período do ano, e a estação seca, provocada pelo avanço de frentes frias, é longa (sete meses ou mais). 4. Baixo potencial de águas subterrâneas, exceto nas localidades em que dominam os terrenos graníticos e gnáissicos. 5. Inexistência de ablação dos horizontes superficiais dos solos que, em geral, são medianamente desenvolvidos. 6. Apresenta, muitas vezes, problemas de salinização dos solos, sobretudo nos ambientes de baixadas.   Somente está CORRETO o que se afirma em

  5. 305

    UNIOESTE 2012

    As denominações para as principais unidades de relevo do estado do Paraná são Primeiro Planalto, Segundo Planalto e Terceiro Planalto, as quais também recebem nomes regionais de acordo com sua localização geográfica.   Sobre a localização, a divisão e denominações regionais e as características morfoestruturais do relevo paranaense, assinale a alternativa correta.

  6. 306

    UDESC 2016

    Sobre a morfologia do litoral é correto afirmar, exceto. 

  7. 307

    UEL 2015

    O estado do Paraná é constituído por três Planaltos, que se apresentam como típica paisagem de degraus estruturais ou escarpas de estratos. Pensando nos Planaltos paranaenses,

  8. 308

    PUC-RS 2009

    O ditado popular “Água mole em pedra dura tanto bate até que fura” pode ser relacionado à seguinte concepção geológica:

  9. 309

    UFC 2009

    Os processos tectônicos condicionam a formação das estruturas geológicas na superfície do nosso planeta, e as forças externas, atuando sobre estas ao longo do tempo geológico, modelam o relevo, estabelecendo, portanto, uma relação entre estrutura e forma. No Nordeste brasileiro, as estruturas geológicas e as unidades de relevo existentes são, respectivamente, estrutura 

  10. 310

    UNIOESTE 2012

    Sobre os recursos minerais no Brasil e no mundo, assinale a alternativa INCORRETA.

  11. 311

    UPE 2013

    Leia o texto a seguir:   Situado ao Sul da Ásia, esse é um país montanhoso e de clima semiárido e desértico. A exemplo do Nilo, o rio Indo, que nasce nas encostas da Cordilheira do Himalaia, corta o território do país e representa este a única área irrigada que permite a prática agrícola. Devido a condições naturais mais favoráveis, é nas planícies do Vale do rio Indo que se concentra a população de mais de 154 milhões de habitantes. A industrialização no país é reduzida, e seu principal  setor industrial é o têxtil, destacando-se  a indústria de tapetes. Melhem. Geografia- o mundo subdesenvolvido. São Paulo: Moderna, 2006 (adaptado de ADAS). Dadas as características mencionadas no texto, assinale a alternativa que contém o país descrito. 

  12. 312

    ACAFE 2014

    Correlacione as regiões catarinenses com sua caracterização.   ( 1 ) Planalto Norte ( 2 ) Planalto Sul ( 3 ) Meio-Oeste ( 4 ) Nordeste ( 5 ) Sul   (   ) Porção do território ocupada a partir da expansão paulista, onde se desenvolve a atividade econômica da pecuária. (   ) Região onde a ocupação eslava, proveniente do Paraná, faz-se mais evidente. (   ) Área de forte desenvolvimento econômico, tendo como centro urbano principal a cidade de Joinville. (   ) Região de ocupação recente (século XX), a partir da expansão de descendentes gaúchos. (   ) Polo econômico vinculado à indústria de transformação e ao extrativismo mineral.   A sequência correta, de cima para baixo, é:

  13. 313

    MACKENZIE 2012

    Bolívia é entrave à expansão do Brasil na América Latina 03 de outubro de 2011   A paralisação, na Bolívia, de uma obra brasileira de 420 milhões de dólares, rejeitada por grupos indígenas, expõe a volatilidade de alguns lugares da América Latina e pode se repetir conforme construtoras brasileiras acelerarem sua agressiva expansão regional.   A oposição a uma rodovia de 300 quilômetros, que a empreiteira OAS pretende abrir na Amazônia boliviana, gerou uma situação delicada para Evo Morales, primeiro presidente indígena da história da Bolívia. Os indígenas iniciaram uma marcha de protesto com a intenção de chegar a La Paz, mas foram dissolvidos com violência pela polícia na metade da manifestação, em um incidente que levou à demissão de dois ministros. Depois disso, Morales prometeu submeter a obra a um referendo, cuja data ainda não foi acertada. http://www.estadao.com.br   Após a leitura do texto, julgue as afirmações abaixo, assinalando verdadeiro (V) ou falso (F).   (     ) A paralisação da construção da rodovia inviabiliza a ambição do Brasil de obter um acesso ao oceano Pacífico para exportar, principalmente, para a China. (     ) O Maciço de Urucum possui grandes reservas de ferro e de manganês, porém pouco exploradas. A rodovia facilitaria a exportação e a implementação de projetos nessa região brasileira. Sua produção de ferro é destinada, principalmente, ao mercado argentino. (     ) O Presidente Evo Morales é o primeiro indígena a assumir o cargo. Promoveu reformas estruturais, sobretudo a nacionalização dos hidrocarbonetos (gás e petróleo), e, por meio de um decreto presidencial, estabeleceu a recuperação da propriedade, da posse e do controle de tais recursos para a Bolívia. (     ) A Bolívia é um país situado no centro-oeste da América do Sul e, no seu território, a Cordilheira dos Andes atinge a largura máxima. É politicamente importante para o Brasil, devido à sua faixa litorânea com o oceano Pacífico.   Dessa forma, a sequência correta, de cima para baixo, é

  14. 314

    UNEMAT 2012

    Os ancestrais mais antigos da espécie humana viveram entre 5 milhões e 2 milhões de anos atrás, nas savanas do sul e do leste da África KRAJEWSKI, A. C.; GUIMARÃES, R. B.; RIBEIRO, W. C. Geografia: pesquisa e ação. São Paulo: Moderna, 2003, p. 48.      Cronologicamente, do período dos ancestrais mais antigos até hoje, classifica-se a escala evolutiva da espécie humana em: 

  15. 315

    UFES 2009

    Texto III  O “desenvolvimento” da Amazônia tem-se caracterizado por políticas, projetos e ações impostos de fora pelo poder central, combinado a poderosos grupos econômicos transnacionais e a grupos privados regionais, que criam riquezas voláteis e empregos precários na região, desestabilizando-a. A lista é longa. Para ficar nas últimas décadas, mencionamos a mineração; o complexo hidrelétrico/mineral/siderúrgico (Pólo Carajás); a agroindústria; as milhares de madeireiras; as terras raras do Noroeste da Amazônia brasileira; a pecuária extensiva; a exportação de animais silvestres; o extrativismo de madeiras e essências (pau-rosa); a pesca industrial; a Zona Franca de Manaus; os projetos de colonização. No período mais recente, assistimos ao avanço da fronteira agrícola, com a expansão da produção de soja, expansão esta acompanhada pela abertura de hidrovias e estradas.    ( Le Monde Diplomatique Brasil , abril, 2008. Adaptado.)    Sobre a mineração na Amazônia, citada no Texto III, é CORRETO afirmar que 

  16. 316

    UNEMAT 2012

    De acordo com a classificação do relevo brasileiro elaborado por Ross (1989), existem três ocorrências de planalto em Cinturões Orogênicos no Brasil.     Assinale a alternativa que relaciona essas ocorrências. 

  17. 317

    UECE 2015

    Assinale a única alternativa que contém exclusivamente ambientes e feições que estão presentes nas planícies costeiras. 

  18. 318

    PUC-RS 2010

    Ao ler o mapa do estado do Rio Grande do Sul, pode-se reconhecer diferentes paisagens que se configuram por apresentarem significativas relações entre os elementos que as compõem. Dentre  os  elementos  a  seguir,  quais  apresentam relações que explicam a configuração das paisagens gaúchas?   I. A existência de campos sobre os Planaltos e Chapadas da Bacia do Paraná, pois os solos nestas áreas de ocorrência são rasos para a sustentação de matas densas. II. A concentração de indústrias de celulose sustentando a economia do município de Rio Grande, pois as coxilhas da metade sul do estado estão povoadas pela silvicultura. III. As  lavouras  de  soja  e  trigo  no  noroeste  do estado,  em  função  das  chuvas  sazonais  e  da facilidade de exportação. IV. A  poluição  do  curso  médio  do  Rio  Jacuí  na Depressão Periférica, em função da extração do carvão.

  19. 319

    UNICENTRO 2011

    Ocupam cerca de 75% da superfície das terras emersas e se caracterizam pelo fato de serem áreas de crátons, com tendência à concavidade.   A estrutura geológica descrita corresponde

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos