Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Exercícios de Geosfera

Voltar para Geosfera

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Geosfera dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 61. UFV 2011
    O solo é um importante recurso natural. Assinale a afirmativa INCORRETA sobre a sua formação:
  2. 62. UNCISAL 2011
    Leia o excerto para responder à questão. [... tanto os pobres (podzol), como os ricos (tchernozion) são explorados intensamente, com investimentos constantes em produtos químicos e também, tecnológicos.] J. Willian Vesentini, Sociedade e Espaço (adaptado).   Esse trecho traz algumas características da região temperada do globo terrestre, referindo-se
  3. 63. UNB 2013
    Bem-vindos à época da humanidade! Por séculos, a percepção do mundo, da vida social e dos meios de produção esteve (e está) centrada nos seres humanos. Chamamos essa visão de mundo de “antropocêntrica”. B. Martini. Antropoceno: a época da humanidade. In: Revista Ciência Hoje, jul./2011, p. 39 (com adaptações).   Segundo os cientistas, um dos aspectos que torna o Antropoceno uma época diferente do Holoceno é
  4. 64. ENEM - 3 APLICACAO 2014
    Pequeno no porte, magro e sóbrio de músculos; taciturno e desajeitado em descanso, intrépido e vibrátil quando solicitado para a ação, é o vaqueiro do Nordeste  um tipo característico do meio em que habita. Povoa o Sertão nordestino, peneplano de rochas cristalinas, terra atormentada ora pelas secas causticantes, ora  pelas chuvas torrenciais. Porco-do-mato, ema, tapir, suçuarana, eis algumas espécies de sua fauna bravia. E é neste cenário que nasce, se agita e morre o vaqueiro nordestino — o mais bravio dos filhos do Sertão. O seu tipo étnico provém do contato do branco colonizador com o gentio, durante a penetração do gado nos sertões do Nordeste. Por razões económicas e históricas adaptou-se à atividade criatória. LAU,  P. Tipos e aspectos do Brasil. São Paulo: Inep/MEC/Revista dos Tribunais, 1960. O contexto natural imediato do típico vaqueiro mencionado é caracterizado pelo domínio da vegetação 
  5. 65. UNICENTRO 2007
    O relevo de um lugar “consiste na forma de um terreno, no seu modelado: partes elevadas e baixas, vales e montanhas, planícies, etc”. Vesentini, 2000, p. 284.   Interferem na formação e alteração do relevo
  6. 66. PUC-MG 2008
    A idéia propagada, por muito tempo, de o território brasileiro ser absolutamente estável geologicamente e, portanto, livre de terremotos, é errônea. A sismicidade brasileira é modesta se comparada à da região andina, mas é significativa, visto que aqui já ocorreram vários tremores com magnitude acima de 5º na Escala Richter, como os eventos em Pacajus (CE, 1980) e em João Câmara (RN, 1986). Esses fatos indicam que o risco sísmico em nosso país não pode ser ignorado.    Explica a baixa sismicidade brasileira em relação à região andina:
  7. 67. UNIMONTES 2015
    Associe o tipo de solo com a suas características principais.   1. Solo arenoso 2. Solo argiloso 3. Solo humoso (húmus) 4. Terra roxa   ( ) É bastante fértil, pois contém grande concentração de material orgânico em decomposição; logo, é adequado para a realização da atividade agrícola. ( ) É extremamente fértil e possui a tonalidade avermelhada, uma vez que tem sua origem relacionada a partir da decomposição de rochas; nesse caso, o basalto. ( ) É muito permeável, pois a água infiltra facilmente; no entanto, em geral, é pobre em nutrientes. ( ) É formado por grãos pequenos e compactos, sendo pouco permeável e apresenta boa quantidade de nutrientes; por isso, é apto à agricultura.   A sequência CORRETA é
  8. 68. UFLA 2014
    “A tragédia que aconteceu na madrugada do dia 1º de janeiro de 2010, em que 52 pessoas morreram soterradas após morros deslizarem de áreas de encosta em Angra dos Reis e Ilha Grande, no litoral sul do Rio de Janeiro, pode acontecer em praticamente qualquer lugar montanhoso do Brasil. Em Minas Gerais, com sua topografia acidentada, a situação não é diferente. Deslizamentos de terra recentes - como o do paredão da serra do Curral, felizmente sem vítimas - evidenciam o perigo de se construir em morros.    Sem fazer distinção se é uma construção luxuosa ou um barraco no morro, o perigo existe mesmo quando a obra é legalizada. O fato é que os desmoronamentos e quedas de barrancos são exemplos de que a geologia deve ser observada antes de qualquer construção.    Mais que condições geológicas desfavoráveis à ocupação humana, a principal razão para os desastres é a falta de estudos que identifiquem quais áreas estão sujeitas a deslizamentos ou enchentes. E quando há mapeamento do solo e leis de regulação que se baseiem nele, a legislação costuma ser desrespeitada.” Disponível em : http://www.otempo.com.br/capa/brasil/relevo-brasileiro-favorece-desastres-como-o-de-angra-1.377746 Acesso em agosto de 2014 (Adaptado)     O texto aborda os efeitos de uma ocupação urbana não planejada. Excetuando a ação humana e considerando apenas os aspectos naturais, os deslizamentos tendem a acontecer mais em áreas
  9. 69. ENEM 2000
    O continente africano há muito tempo desafia os geólogos porque toda a sua metade meridional, a que fica ao sul, ergue-se a mais de 1.000 metros sobre o nível do mar. [...] Uma equipe de pesquisadores apresentou uma solução desse desafio sugerindo a existência de um esguicho de lava subterrânea empurrando o planalto africano de baixo para cima. Revista Superinteressante. Editora Abril: São Paulo, nov. 1998, p. 12 (adaptado). Considerando a formação do relevo terrestre e com base no texto, a solução proposta é
  10. 70. UNICAMP 2015
    As restingas podem ser definidas como depósitos arenosos produzidos por processos de dinâmica costeira atual (fortes correntes de deriva litorânea, podendo interagir com correntes de maré e fluxos fluviais), formando feições alongadas, paralelas ou transversais à linha da costa. Podem apresentar retrabalhamentos locais associados a processos eólicos e fluviais. Quando estáveis, as restingas dão forma às “planícies de restinga”, com desenvolvimento de vegetação herbácea e arbustiva e até arbórea. As restingas são áreas sujeitas a processos erosivos desencadeados, entre outros fatores, pela dinâmica da circulação costeira, pela elevação do nível relativo do mar e pela urbanização. SOUZA, Célia Regina G. et all. Restinga: conceitos e emprego do termo no Brasil e implicações na legislação ambiental. São Paulo: Instituto Geológico, 2008 (adaptado).   É correto afirmar que as restingas existentes ao longo da faixa litorânea brasileira são áreas
  11. 71. UPF 2012
    É a camada sólida da Terra. Sua estrutura rochosa compreende a crosta continental, formada por placas rígidas e móveis. Representa importante meio de sobrevivência dos seres humanos e constitui o espaço ocupado e organizado. As características referem-se à
  12. 72. UNESP 2015
    Analise o trecho da canção “Tempo rei”, de Gilberto Gil.   Não me iludo Tudo permanecerá do jeito que tem sido Transcorrendo Transformando Tempo e espaço navegando todos os sentidos Pães de Açúcar Corcovados Fustigados pela chuva e pelo eterno vento Água mole Pedra dura Tanto bate que não restará nem pensamento   Tempo rei, ó, tempo rei, ó, tempo rei Transformai as velhas formas do viver (www.gilbertogil.com.br)     O trecho faz alusão direta a dois processos geomorfológicos, a saber,
  13. 73. ENEM CANCELADO 2009
    Inundações naturais dos rios são eventos que trazem benefícios diversos para o meio ambiente e, em muitos casos, para as atividades humanas. Entretanto, frequentemente as inundações são vistas como desastres naturais, e os gestores e formuladores de políticas públicas se veem impelidos a adotar medidas capazes de diminuir os prejuízos causados por elas.   Qual das medidas abaixo contribui para reduzir os efeitos negativos das inundações?
  14. 74. UPE 2012
    A Geomorfologia é o ramo da Geografia, que se volta, entre outros aspectos, para a compreensão dos processos erosivos, sobretudo em áreas de encostas, constituindo-se, assim, em importante ferramenta para a análise ambiental.   Esses processos que ocorrem nas encostas são influenciados pelos seguintes fatores:   1. Longitude 2. Forma das encostas 3. Uso do solo 4. Condições climáticas 5. Estrutura subsuperficial das encostas   Estão CORRETOS apenas
  15. 75. UNICENTRO 2008
    O maior dos continentes, e também denominado o continente dos contrastes, a Ásia faz parte do Velho Mundo. Assim, pode-se afirmar que esse continente
  16. 76. UFTM 2011
    A explicação para a tragédia não se restringe apenas à quantidade de chuvas ou à geografia [física] dos morros [...]. Ela remonta à ocupação das áreas urbanas no Brasil [...]. Pouco se respeitou o funcionamento natural do solo [...]. Na região serrana, muitas construções recortaram as encostas dos morros. Época, 17 jan. 2011 (adaptado).   O trecho refere-se a alguns comentários sobre a tragédia na zona serrana do estado do Rio de Janeiro, no mês de janeiro de 2011.  Neste contexto, pode-se inferir que
  17. 77. UNEMAT 2010
    “Conjunto de ações físicas (ou mecânicas), químicas e biológicas que causam a desagregação e a decomposição das rochas. Seu resultado final é a formação do solo”. ADAS, 2005.   O fenômeno apresentado denomina-se
  18. 78. UECE 2015
    O movimento da Praia do Icaraí, em Caucaia, é pura resistência. A praia, que enfrenta poderosa erosão do mar há alguns anos, ainda conta com os surfistas, as famílias que moram, aquelas que têm casa no local para os fins de semana e quem guarda um certo carinho pelo mar e areia do Icaraí. Disponível em: http://www.opovo.com.br. Acesso em: 27 jan. 2014.   A erosão no litoral cearense tem-se mostrado um processo cada vez mais intenso. Assinale a opção que NÃO corresponde a causa e/ou agente que atua no processo da erosão costeira. 
  19. 79. UFMG 2009
    Leia estes trechos:   O interior do Ceará voltou a ser atingido por tremores de terra namadrugada de ontem, com abalos sísmicos que alcançaram até 3,9 grausna escala Richter. Folha de S. Paulo, 10 mar. 2008. p. C1. (Adaptado) A terra voltou a tremer na região de Caraíbas, no Norte de Minas Gerais.O abalo sísmico de 4,0 graus na escala Richter ocorreu anteontem à noite, onde, em dezembro de 2007, terremoto causou a morte da primeira vítima de um tremor de terra no País. Estado de Minas, 21 de mar. 2008. p. 22. (Adaptado) Por volta das 21h de anteontem, um tremor de terra de 5,2 graus na escala Richter assustou moradores de São Paulo, Rio, Paraná e Santa Catarina.Com epicentro na costa brasileira, a cerca de 270 km da capital paulista, o terremoto foi considerado moderado por cientistas e geólogos do País. Folha de S. Paulo, 24 abr. 2008. p. C4. (Adaptado)   Considerando-se essas informações e outros conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar que:  
  20. 80. UNIMONTES 2011
    Sobre os tipos de solos e suas características, assinale a alternativa INCORRETA.
  21. 81. UNICENTRO 2009
    O espaço geográfico é um espaço diferenciado, que se relaciona com a dinâmica da natureza e com o contínuo movimento de transformação da sociedade. Regionalizar o espaço geográfico é dividi-lo em regiões, levando em conta as diferenças paisagísticas e a organização socioeconômica das diversas áreas. Considerando-se as informações e os conhecimentos a respeito das divisões regionais e das questões ambientais do Brasil, pode-se afirmar:
  22. 82. UEMS 2009
    O solo se forma ao longo de milhares de anos pela ação do intemperismo. Nas regiões tropicais com elevado índice pluviométrico ocorre a lavagem dos nutrientes minerais do solo, como é o caso que se apresenta nas áreas de Cerrado goiano. Em relação a esse processo, pode-se inferir que:
  23. 83. UNICENTRO 2006
    “O trecho do quilômetro 23 da Rodovia BR-476 que liga Curitiba a Adrianópolis, também conhecida pelo nome de Estrada da Ribeira, ficou interditado durante quatro dias devido ao desmoronamento causado pelas fortes chuvas ocorridas na região. Técnicos do Departamento Nacional de Infra-estruturas de Transportes (DNIT) informaram que essa região de serra está sujeita aos desmoronamentos de toneladas de terra e pedra, pois suas encostas são constituídas por rochas e areias e, ainda, indicam outros 26 pontos que podem ruir.” BORDINHÃO, Andréa. Pontos que podem ruir na Estada da Ribeira não terão contenção. In.: Folha de Londrina, Londrina, 21 set. 2005. Caderno Geral, p. 4 (adaptado).   Com base no texto e nos conhecimentos sobre os processos de intemperismo, de erosão e da dinâmica de elaboração do relevo, é correto afirmar:
  24. 84. FURG 2009
    O cerrado, durante muito tempo, não despertou interesse para a exploração agrícola, embora, nas últimas décadas, tenha se tornado a grande área de expansão agrícola de nosso país.    A agricultura no cerrado foi  
  25. 85. FUVEST 2012
    Do ponto de vista tectônico, núcleos rochosos mais antigos, em áreas continentais mais interiorizadas, tendem a ser os mais estáveis, ou seja, menos sujeitos a abalos sísmicos e deformações.   Em termos geomorfológicos, a maior estabilidade tectônica dessas áreas faz com que elas apresentem uma forte tendência à ocorrência, ao longo do tempo geológico, de um processo de
  26. 86. ENEM PPL 2013
    O geoturismo é um segmento turístico recente que busca priorizar os aspectos naturais negligenciados pelo ecoturismo: geologia e geomorfologia, como cavernas, sítios paleontológicos, maciços rochosos, quedas d’água etc., proporcionando uma experiência turística que vai além da contemplação, agregando informações sobre a origem e formação dos locais visitados. BENTO, L. C. M.; RODRIGUES, S. C. Geoturismo e geomorfossítios: refletindo sobre o potencial turístico de quedas d’água – um estudo de caso do município de Indianápolis-MG. In: Revista Geográfica Acadêmica, v. 4, n. 2, 2010.   Atualmente, no Brasil, a utilização de pequenas propriedades rurais para a prática descrita pelo texto é indicada como método que
  27. 87. ENEM PPL 2013
    Os solos tropicais são naturalmente ácidos, em razão da pobreza do material de origem ou devido aos processos de gênese. Além disso, o manejo das áreas agrícolas pode conduzir os solos à acidificação. SOUZA, H. A. et al. Calagem e adubação boratada na produção de feijoeiro. Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 2, abr.-jun. 2011.   Em solos ácidos como os brasileiros, o método mais indicado, com o elemento utilizado para a correção do problema descrito no texto, é o(a) 
  28. 88. UNESP 2015
    No território brasileiro, petróleo e gás são mais extraídos em áreas de
  29. 89. UNICAMP 2012
    Pensar sobre a influência da infiltração da água no solo e o escoamento superficial em topos e encostas é importante para compreender questões geológicas, geomorfológicas e pedológicas. Assim, a 
  30. 90. ENEM PPL 2014
    Os desequilíbrios que se registram nas encostas ocorrem, na maioria das vezes, em função da participação do clima e de alguns aspectos das características das encostas que incluem a topografia, geologia, grau de intemperismo, solo e tipo de ocupação. CUNHA, S. B; GUERRA, A. J. T. Degradação ambiental. In: GUERRA, A. J. T; CUNHA, S. B. (Org.). Geomortologia e meio ambiente. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1996.   Os desequilíbrios resultantes da atuação humana junto às vertentes íngremes do relevo são fortemente ligados ao(à)
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login