Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Exercícios de Geosfera

Voltar para Geosfera

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Geosfera dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Geografia com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 61. UNICENTRO 2013
    No final do verão do ano de 2011, as chuvas abundantes provocaram enchentes e deslizamentos de terra e lama (queda de barreiras), em uma área do estado do Paraná, refletindo-se em grandes prejuízos à agricultura e pecuária da região afetada. Esses processos são próprios de um meio geográfico específico, dentro do estado do Paraná. Assinale a alternativa correta, que indica o ambiente morfológico e municípios envolvidos nesse episódio catastrófico.
  2. 62. UNICENTRO 2011
    I. Estão presentes, em sua paisagem, as costas de rias, resultantes da penetração do mar, através de antigos vales fluviais. II. Ocupa a porção ocidental do Estado do Paraná e é constituído por rochas ígneas, cuja alteração formou as férteis terras roxas. Os conhecimentos sobre o relevo do Estado do Paraná permitem concluir que as afirmações I e II fazem referência, respectivamente,
  3. 63. UNICENTRO 2011
    No ano passado, estados da Região Centro-Sul foram castigados por intensos temporais, que provocaram caos em cidades dessa área. Congestionamentos, alagamentos, queda na distribuição de energia, queda de árvores e desabamentos, que deixaram uma grande quantidade de famílias sem teto, foram registrados. Em 2010, o Nordeste, acostumado a secas prolongadas, foi surpreendido por um volume de chuvas além do esperado, que resultou, também, em alagamentos e consequente destruição.   Os fatores responsáveis por esse quadro estão relacionados
  4. 64. UNICENTRO 2012
    As alterações climáticas e as ações antrópicas têm contribuído para a expansão do processo de desertificação.   Entre as características desse processo, encontra-se a
  5. 65. UNICENTRO 2012
    A Floresta Amazônica se caracteriza por ser uma estrutura complexa, formada de elementos interdependentes. Possui um equilíbrio frágil e, quando acontece a ação antrópica, ocorrem alterações de consequências imprevisíveis.   Entre elas, pode-se destacar
  6. 66. ACAFE 2014
    Correlacione as regiões catarinenses com sua caracterização.   ( 1 ) Planalto Norte ( 2 ) Planalto Sul ( 3 ) Meio-Oeste ( 4 ) Nordeste ( 5 ) Sul   (   ) Porção do território ocupada a partir da expansão paulista, onde se desenvolve a atividade econômica da pecuária. (   ) Região onde a ocupação eslava, proveniente do Paraná, faz-se mais evidente. (   ) Área de forte desenvolvimento econômico, tendo como centro urbano principal a cidade de Joinville. (   ) Região de ocupação recente (século XX), a partir da expansão de descendentes gaúchos. (   ) Polo econômico vinculado à indústria de transformação e ao extrativismo mineral.   A sequência correta, de cima para baixo, é:
  7. 67. UNICENTRO 2009
    A opção em que todas as informações sobre o relevo paranaense estão CORRETAS é:
  8. 68. UNICENTRO 2010
    Assinale a alternativa INCORRETA a respeito dos aspectos geográficos do Segundo Planalto Paranaense e dos “Campos Gerais”.
  9. 69. UNICENTRO 2010
    Atualmente o espaço rural não sedia apenas atividades agrárias. Nele também se localizam outras atividades que vem se multiplicando nas últimas décadas. Assinale a alternativa INCORRETA que não exemplifica essas atividades.
  10. 70. UNICENTRO 2010
    Assinale a alternativa que NÃO tem relação com os diversos tipos de movimentos coletivos do solo – desmoronamento de terra, escoamento de lama, queda de barreiras – na Serra do Mar, no Sudeste do Brasil, a exemplo do que ocorreu em Angra dos Reis, no início do ano de 2010.
  11. 71. UNICENTRO 2008
    Com base nos conhecimentos sobre o continente asiático, identifique as afirmativas verdadeiras. I. A Ásia teve uma industrialização clássica, com grande desenvolvimento tecnológico, tendo como países de destaque, no contexto mundial, o Japão, a China e os “Tigres Asiáticos”. II. A ausência de regimes ditatoriais nos países que compõem o continente asiático, ao longo dos séculos, contribuiu para seu grande desenvolvimento econômico. III. A reforma agrária, a eliminação da agricultura de jardinagem e as grandes reservas minerais foram fatores fundamentais para o desenvolvimento econômico asiático. IV. O continente asiático possui a estrutura geológica mais diversificada do planeta e apresenta grande instabilidade tectônica. V. A Ásia sofre a influência das monções, sobretudo na porção meridional.
  12. 72. UNIMONTES 2009
    A perda de milhares de toneladas de solo agricultável todos os anos, em conseqüência da erosão, é um dos mais graves problemas enfrentados pela economia agrícola. São técnicas que reduzem a erosão do solo, EXCETO
  13. 73. UNIMONTES 2009
      O tremor de terra que atingiu a região de Caraíbas, na zona rural de Itacarambi (MG), não deve ser o último, segundo pesquisadores do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UNB). Jornal O Globo, 12 dez. 2007.   A possibilidade de ocorrer novos abalos sísmicos nessa região está relacionada à/ao
  14. 74. UNIMONTES 2009
    A composição do relevo brasileiro é complexa, pois é determinada por fatores endógenos e exógenos. Além disso, a idade dos terrenos faz com que certas formações sejam encontradas. Sobre os tipos de formações do relevo brasileiro, assinale a alternativa INCORRETA.
  15. 75. UNIMONTES 2009
    Associe a cadeia de montanha do terciário com as placas que provocam seu soerguimento.   1. Cordilheira do Himalaia 2. Cordilheira dos Andes 3. Montes Atlas   ( ) Placas Nazca e Sul-americana. ( ) Placas Africana e Euro-asiática. ( ) Placas Euro-asiática e Indo-australiana.   Assinale a sequência CORRETA.
  16. 76. UNIMONTES 2009
    O processo de formação do solo varia de uma região para outra em função do tipo de clima e, principalmente, do tipo de rocha. As características do solo permitem sua comparação e classificação. Sobre o tipo de solo e suas características, assinale a alternativa INCORRETA.
  17. 77. UNIMONTES 2010
    A Agenda 21, documento resultante da Conferência do Rio, no seu capítulo 12, define desertificação como sendo “a degradação da terra nas regiões áridas, semiáridas e subúmidas secas, resultante de vários fatores, entre eles as variações climáticas e as atividades humanas”. Ministério da Ciência e Tecnologia, 2002. Acerca do processo de desertificação, considerando a Agenda 21, analise as afirmativas. I - Nas discussões enfocando as questões de desertificação, deverão ser evidenciadas apenas as associadas ao meio abiótico. II - No processo de desertificação, a degradação ambiental provoca a formação de desertos naturais. III - No Brasil, fora da área considerada pela Agenda 21, Alegrete, no Rio Grande do Sul, é um exemplo de área com processo de degradação da terra. IV - Na análise dos impactos ambientais resultantes do processo de desertificação, é necessário avaliar as mudanças sociais que dele decorrem. Estão CORRETAS as afirmativas 
  18. 78. UNIMONTES 2011
    Sobre os tipos de solos e suas características, assinale a alternativa INCORRETA.
  19. 79. UNIMONTES 2011
    Enquanto o verão de 2004 foi marcado por elevado número de mortes resultantes do efeito causado por um tsunami com epicentro no oceano Índico, o verão de 2010, para os brasileiros, também foi catastrófico. Analisando os fatos ocorridos, assinale a alternativa INCORRETA.
  20. 80. UNICENTRO 2008
    O maior dos continentes, e também denominado o continente dos contrastes, a Ásia faz parte do Velho Mundo. Assim, pode-se afirmar que esse continente
  21. 81. UNICENTRO 2008
    Sobre a estrutura da Terra e seu relevo, identifique as afirmativas verdadeiras. I. O material que forma a astenosfera move-se segundo as células de convecção. II. O assoalho oceânico é formado, principalmente, pelas crostas inferior e superior, fato responsável pela instabilidade tectônica e pela grande densidade de sua espessura. III. As bacias sedimentares, formadas por rochas sedimentares orgânicas e inorgânicas, constituem-se a estrutura geológica mais abundante no Brasil. IV. Os agentes modeladores do relevo de longa duração geológica são chamados de epirogênese e só ocorrem em áreas estáveis da crosta terrestre. V. O núcleo é composto de cobre e de níquel e tem um estado pastoso, devido às altas temperaturas no seu interior.   A alternativa que contém todas as afirmativas verdadeiras é a
  22. 82. UEMA 2012
    O conceito de seca é polêmico e vem sendo discutido pelos estudiosos há muito tempo. Ele pode ser considerado como uma prolongada falta de chuvas, que poderia se estender por dois ou três anos. Isso vale também ao que pode ser classificado como mês seco. A explicação gira em torno de três referenciais principais: quantidade de chuva (KÖPPEN, 1948); a relação entre a chuva e a temperatura (BAGNOULS, F.; GAUSSEN, H., 1957) e o balanço hídrico do solo (THORNTHWAITE,1948). Os autores apontam diferentes aspectos para classificar o período como seco. CONTI, J. B. O conceito de desertificação (adaptado). Disponível em: www.ecodebate.com.br. Acesso: 02 set. 2011.   Assinale a alternativa que identifica duas paisagens brasileiras adaptadas ao período seco em qualquer definição.
  23. 83. UNICENTRO 2007
    O relevo de um lugar “consiste na forma de um terreno, no seu modelado: partes elevadas e baixas, vales e montanhas, planícies, etc”. Vesentini, 2000, p. 284.   Interferem na formação e alteração do relevo
  24. 84. UNCISAL 2011
    Leia o excerto para responder à questão. [... tanto os pobres (podzol), como os ricos (tchernozion) são explorados intensamente, com investimentos constantes em produtos químicos e também, tecnológicos.] J. Willian Vesentini, Sociedade e Espaço (adaptado).   Esse trecho traz algumas características da região temperada do globo terrestre, referindo-se
  25. 85. UFU 2001
    Sobre a geologia e o relevo brasileiro, podemos afirmar que, EXCETO
  26. 86. UNICENTRO 2006
    O tsunami, uma onda gigantesca, como a que atingiu a costa de Sumatra em dezembro de 2004, provocando a morte de mais de 176 mil pessoas e deixando mais de 50 mil desaparecidos, têm sua ocorrência associada a determinados processos geológicos terrestres. Assinale a alternativa que identifica, corretamente, os processos vinculados à origem desse fenômeno.
  27. 87. UNIOESTE 2016
    No dia 25 de abril de 2015, um forte terremoto de magnitude superior a 7 pontos na escala Richter provocou a destruição e a morte de inúmeras pessoas no Nepal. Eventos dessa natureza, embora catastróficos, são frequentes e esperados em várias regiões do mundo.   Sobre os eventos de sismicidade e os fatores exógenos e endógenos do Planeta Terra, pode-se afirmar que I) o Brasil, mesmo com seu território presente no interior da placa tectônica Sul-Americana, também apresenta episódios de sismicidade. Algumas regiões do Nordeste apresentam frequentemente sismos de baixa intensidade. II) a Bacia Amazônica também apresenta episódios de simiscidade. No século XX, houve o registro de sismos no Estado do Amazonas que superaram os 5 pontos na Escala Richter. III) os eventos de sismicidade estão associados aos agentes exógenos que atuam na crosta terrestre. Esses agentes atuam na modelagem da superfície terrestre e também desencadeiam os terremotos, a partir da movimentação das placas tectônicas. IV) o denominado Círculo do Fogo tem por característica a frequente ocorrência de fenômenos como terremotos e a presença de vulcões. Esta condição está associada à presença dos limites entre as diferentes placas tectônicas da crosta terrestre. V) os maremotos estão associados às fortes tempestades que ocorrem nos oceanos e desencadeiam a formação de ondas gigantes. Essas ondas são altamente destrutivas quando atingem a região litorânea.   A partir das afirmativas acima, assinale abaixo aquela que contenha as alternativas CORRETAS.
  28. 88. UNIOESTE 2015
    Leia o trecho da reportagem. É evidente a constatação que não basta construir novos bairros para substituir as favelas. É preciso incorporar as favelas às cidades e proporcionar melhores condições de moradia para quem já vive nelas. O alto custo do valor da terra nas grandes cidades e o fato de que as favelas já têm acesso a serviços públicos de transporte, saúde, educação etc. reforçam a importância de investir na melhoria das condições das moradias já existentes nas grandes cidades [...]. Em estudo recente, a ONU observa que, se providências não forem tomadas, o Brasil terá 55 milhões de habitantes (25% de sua população) morando em favelas até 2020. Isso representa um quarto da população brasileira vivendo em condições precárias de saúde e tendo sua educação comprometida. Geografia Conhecimento Prático. Número 54. Editora Escala, 2014.   Com relação às favelas e à ocupação do solo urbano, assinale a alternativa INCORRETA.
  29. 89. UEL 2011
    Sobre a classificação das rochas, é correto afirmar: I. As rochas metamórficas resultam de uma rocha preexistente (protólito) no estado sólido. II. As rochas sedimentares são formadas pelos agentes de intemperismo e pedogênese. III. As rochas metamórficas são formadas pelo acúmulo de material sedimentar. IV. As rochas ígneas são formadas pelo resfriamento de material rochoso fundido. Assinale a alternativa correta.
  30. 90. UNIOESTE 2014
    No Brasil, em regiões tropicais úmidas com relevo de encostas íngremes, ocorrem rápidos movimentos de massa, os quais desencadeiam problemas sociais e econômicos, particularmente nas áreas urbanas. Esse fenômeno é mais comum no verão, quando as chuvas são abundantes, tornando o solo mais saturado. De acordo com o exposto, considere as afirmativas abaixo. I - A topografia, o regime pluviométrico, a estrutura e a espessura do manto de alteração, as atividades humanas e a retirada da vegetação original são alguns dos fatores que influenciam movimentos rápidos de massa. II - Os movimentos de massa fazem parte da dinâmica externa da crosta terrestre e são agentes que participam da modelagem do relevo, independentemente da intervenção humana. III – Em algumas grandes cidades e regiões metropolitanas brasileiras, é comum a ocupação das encostas de morros pela população de baixa renda, a mais prejudicada pelos efeitos socioambientais negativos dos movimentos rápidos de massa. IV - os movimentos de massa são analisados considerando-se basicamente a natureza do material transportado (solo, detritos ou rocha) e a velocidade do movimento, que varia desde alguns centímetros por ano até mais de 5km por hora. V - o deslizamento e corrida de lama são classificados como movimentos rápidos de massa, desencadeados principalmente pela declividade do terreno, a água e a gravidade.   Assim, assinale a alternativa CORRETA.
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login