Quer ter acesso a todas as aulas de Gramática?

Assine o Stoodi e estude tudo que você precisa para garantir sua aprovação!

PUC-SP 2006

TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO:
A ANIMALIZACAO DO PAIS
Clóvis Rossi, Folha de São Paulo, 21 de fevereiro de 2006

SÃO PAULO - No sóbrio relato de Elvira Lobato, Iia-se ontem, nesta Folha, a história de um Honda Fit abandonado em uma rua do Rio de Janeiro 'com uma cabeça sobre o capô e os corpos de dois jovens negros, retalhados a machadadas, no interior do veículo'.
Prossegue o relato: 'A reação dos moradores foi tão chocante como as brutais mutilações. Vários moradores buscaram seus celulares para fotografar os corpos, e os mais jovens riram e fizeram troça dos corpos'.
Os próprios moradores descreveram a algazarra à reportagem. 'Eu gritei: Está nervoso e perdeu a cabeça?', relatou um motoboy que pediu para não ser identificado, enquanto um estudante admitiu ter rido e feito piada ao ver que o coração e os intestinos de uma das vitimas tinham sido retirados e expostos por seus algozes.
'Ri porque é engraçado ver um corpo todo picado', respondeu o estudante ao ser questionado sobre a causa de sua reação.
O crime em si já seria uma clara evidência de que bestas-feras estão à solta e à vontade no país.
Mas ainda daria, num esforço de auto-engano, para dizer que crimes bestiais ocorrem em todas as partes do mundo. Mas a reação dos moradores prova que não se trata de uma perversidade circunstancial e circunscrita. Não. O país perde, crescentemente, o respeito à vida, a valores básicos, ao convívio civilizado. O anormal, o patológico, o bestial, vira normal. 'E engraçado', como diz o estudante.
O processo de animalização contamina a sociedade, a partir do topo, quando o presidente da República diz que seu partido está desmoralizado, mas vai à festa dos desmoralizados e confraterniza com trambiqueiros confessos. Também deve achar 'engraçado'.
Alguma surpresa quando é declarado inocente o comandante do massacre de 111 pessoas, sob aplausos de parcela da sociedade para quem presos não têm direito à vida? São bestas-feras, e deve ser 'engraçado' matá-los. E a lei da selva, no asfalto.

Em relação ao trecho 'A reação dos moradores foi tão chocante como as brutais mutilações', é possível afirmar que a conjunção COMO estabelece o sentido de:

Helpy PRO

Recebemos sua dúvida! Em breve enviaremos a resolução para seu email de cadastro.

As dúvidas serão atendidas por ordem de chegada. Enquanto isso, continue seu Plano de Estudos ;-)

Helpy PRO é uma ferramenta exclusiva para assinantes do Plano Avançado feita para tirar suas dúvidas com nossos monitores.
Inicialmente disponível para .

Saiba mais sobre o Helpy PRO Conheça nossos planos

Você pode acompanhar o seu progresso em cada matéria durante seus primeiros 15 dias no Stoodi.

Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login