Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

Exercícios de Orações Subordinadas Substantivas

Voltar para Orações Subordinadas Substantivas

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Orações Subordinadas Substantivas dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude Gramática com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página
  1. 1. UFMG
    Na frase "Maria do Carmo tinha a certeza de que estava para ser mãe", a oração em destaque é:
  2. 2. UFSCAR
    Marque a opção que contém oração subordinada substantiva completiva nominal.
  3. 3. MACKENZIE
    Assinale o período em que a oração destacada exerce a função de complemento nominal.
  4. 4. FESP
    "Lembro-me de que ele só usava camisas brancas." A oração em destaque é:
  5. 5. UFPA
    Qual o período em que há oração subordinada substantiva predicativa?
  6. 6. PUC-SP
    Nos trechos: "... não é possível que a notícia da morte me deixasse alguma tranquilidade, alívio, e um ou dois minutos de prazer" e "Digo-vos que as lágrimas eram verdadeiras", a palavra "que" está introduzindo, respectivamente, orações:
  7. 7. UE PONTA GROSSA-PR
    Em "É possível que comunicassem sobre políticos", a segunda oração é:
  8. 8. FEI-SP
    "Estou seguro de que a sabedoria dos legisladores saberá encontrar meios para realizar semelhante medida." A oração em destaque é substantiva:
  9. 9. UFV-MG
    As orações subordinadas substantivas que aparecem nos períodos abaixo são todas subjetivas, exceto:
  10. 10. FATEC
    Considerando como conjunção integrante aquela que inicia uma oração subordinada substantiva, indique em qual das opções nenhum se tem esta função:
  11. 11. FCMMG 2012
    “Somos pacifistas mas não abrimos mão de estudos e manipulações científicas que se entrelaçam, quer para fins bélicos ou pacíficos”. A conjunção mas, destacada no fragmento, estabelece relação lógico-semântica de
  12. 12. INSPER 2015
    Cerco ao Ebola A epidemia de Ebola que castiga os países africanos Serra Leoa, Guiné e Libéria ganhou contornos ainda mais preocupantes na semana passada. Na sexta-feira 8, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a proliferação do vírus uma emergência de saúde internacional. Disponível em: http://www.istoe.com.br/. Acesso em 25 ago 2014.(adaptado). Por apresentarem valores semânticos, os conectivos desempenham importante papel na construção dos textos. Observa-se, por exemplo, que, na reportagem acima, o uso das preposições nas expressões “cerco ao Ebola” e “epidemia de Ebola” estabelece diferentes relações sintáticas. A função das expressões grifadas é, respectivamente, 
  13. 13. UEL 2016
    Acontece tudo em O Pequeno Príncipe Melhor momento da adaptação que estreia hoje é o “desenho dentro do desenho”, misturando stop motion e digital; o filme é uma recriação inspirada no texto de Saint-Exupéry. O Pequeno Príncipe é um desses clássicos da literatura que pertencem ao povo – não é à toa a chacota de que é o livro preferido das misses, mas também integra com frequência as listas de leitura das escolas. Talvez a forma como usa metáforas para falar de coisas adultas faça com que seja apreciado por tantos públicos diferentes.Por isso, não se sabe como o brasileiro reagirá à animação de mesmo nome que estreia hoje nos cinemas. Sensações O menino de roupas verdes está lá, e as sensações que ele provoca lembram a leitura do livro. Mas a história é outra, uma narrativa maior que engloba o enredo do principezinho e de certa forma lhe serve de continuação. Nem sempre o espectador aceita que se “mexa” na obra, utilizando seu universo para criar algo diferente. Resumindo, não se trata de uma versão do livro para as telas. Férias Uma menina se muda para um bairro novo em sua cidade sombria, onde a mãe controladora determina cada minuto das atividades de férias de verão, com o objetivo de prepará-la para uma escola de elite. As longas horas acabam passadas ao lado de um novo amigo, o velhinho que mora ao lado e que se revela aviador da história de O Pequeno Príncipe. História Além da casa cheia de apetrechos para colorir a vida da garota sem nome, ele tem uma incrível história para contar: justamente sobre um príncipe que vivia sozinho em um planeta e que amava uma rosa... CARNIERI, H. Acontece tudo em O Pequeno Príncipe. Jornal de Londrina, 20 ago. 2015. Cultura. ano 27, n.8. p.24 (adaptado). Em relação aos recursos linguístico-semânticos sublinhados no texto, considere as afirmativas a seguir. I. O conectivo “mas” é utilizado com o sentido de oposição nas duas ocorrências do texto. II. O termo “Resumindo” antecipa que a informação subsequente caracteriza-se como uma generalização das rejeições ao filme. III. O termo “que” em “uma narrativa maior que engloba o enredo do principezinho” e “o velhinho que mora ao lado” desempenha a mesma função sintática nas duas ocorrências. IV. A expressão “Por isso” pressupõe a introdução de uma ideia conclusiva em relação ao que foi dito anteriormente. Assinale a alternativa correta.
  14. 14. UFAL 2010
    “Havia pequenas casas numa clareira arredondada, agricultura e desmatamento condicionado à corredeira de um riacho cristalino. Não vi pessoas, apenas a carne de um pequeno macaco fumegando na brasa. Diziam que aquele povo ainda era canibal” (anotações de Orlando Vilas Boas).     O fragmento sublinhado no texto assume a função de
  15. 15. UFAM 2009
    Assinale a opção verdadeira quanto ao sujeito da oração principal do seguinte período: “Há pessoas que a gente nunca esquece”.
  16. 16. Espcex (Aman) 2016
    Assinale a oração em que o termo ou expressão grifados exerce a função de Objeto Indireto.
  17. 17. Espcex (Aman) 2015
    No trecho abaixo, a alternativa correta quanto ao sujeito da oração é:   “O por fazer é só com Deus.”
  18. 18. FATEC 2014
    O futebol repete a vida Tostão (Colunista da Folha) Há muitas analogias entre o esporte e a vida. Por isso, as empresas, principalmente as americanas, adoram convidar pessoas do futebol para darem palestras aos seus funcionários e executivos. Por ter sido campeão do mundo e ser agora um cronista, recebo muitos convites.Recuso todos. As empresas confundem as razões e as emoções do esporte com as experiências pessoais. Querem criar um manual e um perfil dos vencedores. Não existe. As experiências não se transmitem. Cada um faz do seu jeito. Um jogo de futebol é um espetáculo, uma metáfora da vida. Estão presentes a alegria e a tristeza, a glória e o ocaso, a razão e a paixão, a ganância e a solidariedade, o invisível e o previsível, o evidente e o contraditório, o real e o simbólico, a ternura e a agressividade e outras ambivalências que fazem parte da alma humana. Nos esportes coletivos e na vida, todos querem brilhar mais do que os outros. Muitos aprendem que só vão se destacar e melhorar de vida se participarem de um grupo ou de uma sociedade organizada, forte e solidária. Por outro lado, são os talentos individuais que iluminam o coletivo. Parece contraditório. A vida é contraditória. O esporte é uma boa analogia entre razão e paixão. Um grande jogo precisa ter técnica e emoção. Para formarmos um grande time, é necessário talento, criatividade, disciplina tática e garra. Os grandes atletas são sábios e guerreiros. Quanto mais difícil a partida, mais Pelé vibrava em campo. O futebol está tão próximo da brincadeira e da descontração quanto da disciplina e da seriedade. Garrincha foi barrado antes da Copa de 58 porque era considerado uma criança irresponsável. Ele mostrou que o futebol pode ser uma brincadeira séria. Em qualquer atividade, a base da criatividade está na brincadeira com seriedade. Craques brincam com a bola; poetas e artistas brincam com as palavras, as imagens e os sons. O ideal seria brincar com a vida, com responsabilidade e sem sentimento de culpa. Em um jogo de futebol é muito estreita a linha divisória entre a ética, a responsabilidade e a ambição e a busca pela vitória de todas as maneiras. Na emoção de uma partida, no desejo intenso de ser um campeão, muitas vezes se perdem esses limites. Aí, o atleta dribla a ética. Alguns se arrependem. Assim é também na vida. (http://wwwl.folha.uol.com.br/fsp/esporte/fk0405200342.htm Acesso em:12.02.14. Adaptado) Leia o fragmento do texto: “[...] muitos aprendem que só vão se destacar e melhorar de vida se participarem de um grupo [...]”. É correto afirmar que a palavra destacada estabelece entre as orações uma relação de
  19. 19. UEL 2010
    Marte é o Futuro   O pouso na Lua não foi só o ápice da corrida espacial. Foi também o passo inicial do turbocapitalismo que dominaria as três décadas seguintes. Dependente, porém, de matérias-primas do século 19: aço, carvão, óleo. Lançar-se ao espaço implicava algum reconhecimento dos limites da Terra. Ela era azul, mas finita. Com o império da tecnociência, ascendeu também sua nêmese, o movimento ambiental. Fixar Marte como objetivo para dentro de 20 ou 30 anos, hoje, parece tão louco quanto chegar à Lua em dez, como determinou John F. Kennedy. Não há um imperialismo visionário como ele à vista, e isso é bom. A ISS (estação espacial internacional) representa a prova viva de que certas metas só podem ser alcançadas pela humanidade como um todo, não por nações forjadas no tempo das caravelas. Marte é o futuro da humanidade. Ele nos fornecerá a experiência vívida e a imagem perturbadora de um planeta devastado, inabitável. Destino certo da Terra em vários milhões de anos. Ou, mais provável, em poucas décadas, se prosseguir o saque a descoberto da energia fóssil pelo hipercapitalismo globalizado, inflando a bolha ambiental. Adaptado de: LEITE, M. Caderno Mais!. Folha de São Paulo. São Paulo, domingo, 26 jul. 2009. p. 3. Nas expressões dos trechos “[...] tão louco quanto chegar à Lua em dez [...]”  “Ou, mais provável, em poucas décadas...” “[...] se prosseguir o saque a descoberto da energia fóssil [...]”   os termos grifados têm a função de representar, respectivamente, as noções de:
  20. 20. MACKENZIE
    A frase em que a oração destacada exerce a função de complemento nominal é:
  21. 21. Espcex (Aman) 2016
    Assinale a alternativa em que está destacada uma oração coordenada explicativa.
  22. 22. MACKENZIE 2005
    Me sinto com a cara no chão, mas a verdade precisa ser dita ao menos uma vez: aos 52 anos eu ignorava a admirável forma lírica da canção paralelística (...).   O “Cantar de amor” foi fruto de meses de leitura dos cancioneiros. Li tanto e tão seguidamente aquelas deliciosas cantigas, que fiquei com a cabeça cheia de “velidas” e “mha senhor” e “nula ren”; sonhava com as ondas do mar de Vigo e com romarias a San Servando. O único jeito de me livrar da obsessão era fazer uma cantiga. Manuel Bandeira No trecho Li tanto e tão seguidamente aquelas deliciosas cantigas, que fiquei com a cabeça cheia, a circunstância expressa pela frase destacada é de:
  23. 23. UFABC 2006
    Observe as passagens: Comunicar tal decisão através de folhetos. Desmaiar por fome. Mostrar dedos amputados por tornos.   Nelas, os trechos em destaque expressam, correta e respectivamente, circunstâncias com sentido de  
  24. 24. UNEMAT 2009
    Analise o funcionamento das conjunções em destaque nos seguintes enunciados.   I. Como proteger seu dinheiro    O novo guia para você entender o efeito da crise global no seu bolso - e as melhores estratégias para enfrentar estes tempos de aperto. (Época, 28/02/09)   II. Internet sem sair do sofá   Novas tecnologias levam os vídeos da rede à TV da sala. Portanto, começa uma nova batalha pela sua audiência. (Adaptado. Época, 28/02/09)   III. A verdade crua, assada e cozida   Um novo estudo sobre os efeitos da carne sugere que ela pode ser nociva - mas apenas em excesso. É o argumento que faltava para quem adora um filé. (Época, 28/02/09)   As conjunções “e”, “Portanto” e “mas” estabelecem entre as orações, respectivamente, relação de:
  25. 25. UFV 2011
    Há vampiros entre nós? Matemático afirma que, ao menos em termos numéricos, a existência dessas criaturas seria possível (...) Sejdinovic diz que os dois físicos subestimaram tanto a capacidade de resistência dos seres humanos quanto a inteligência dos vampiros. E não contabilizaram que parte dos predadores morreria durante esses dois anos por conta de seus pontos fracos – estacas, crucifixos, dentes de alho, sol e água benta (e talvez por osteoporose e excesso de proteínas). “Como são inteligentes, os vampiros controlariam o estoque de humanos para não exaurir a espécie.” (ROSA, Guilherme. Há vampiros entre nós? Revista Galileu, n. 227, p. 56, jun. 2010.)   Assinale a alternativa em que o vocábulo como aparece empregado com o mesmo valor semântico que na passagem destacada no texto:   
  26. 26. FGV-SP 2004
    A oração sublinhada indica a causa da ação da oração principal em:
  27. 27. UFABC 2007
    Para responder a esta questão, considere os versos: “Eu quero morrer de noite Bem longe, numa tocaia... Eu quero morrer de açoite Dos bordados da sua saia ...” Os trechos destacados exprimem, respectivamente, circunstâncias de
  28. 28. UNEMAT 2010
    “O restaurante em que se põe no prato o que vai mesmo ser consumido e se paga exatamente por isso é uma grande invenção desde que o almoço não vire um almoção”.   A oração em destaque estabelece com o restante do enunciado o sentido de:
  29. 29. FGV-SP 2011
    A ideia de que as letras se destinam, exclusivamente, à motivação de fatos emocionais ou ao prazer lúdico do homem domina o juízo comum a respeito. No entanto, isso é um grande erro. As letras enriquecem o conhecimento com a mesma força, ainda que sob ângulos diversos, com que se apresentam os recursos científicos e os aperfeiçoamentos tecnológicos. Hoje, o estudo das letras se coloca na mesma posição intelectual que faz a justa glória dos pesquisadores e professores da área científica. Afrânio Coutinho O trecho “ainda que sob ângulos diversos” introduz uma ideia de teor
  30. 30. UFABC 2009
    Leia o fragmento do texto.   A população estava tão acostumada a viver (I) naquelas condições (II) que o alívio só foi sentido plenamente quando as placas, painéis e  outdoors foram definitivamente removidos.   (III) Se essa redução se confirmar, dentro de mais meses será inevitável, (IV)  também, a queda dos prêmios seguro tanto de veículos como de seguro de vida.     Os trechos destacados (I, II, III e IV) expressam, respectivamente, circunstâncias de  
Gerar PDF da Página
Conta de email não verificada

Não foi possível realizar o seu cadastro com a sua conta do Facebook pois o seu email não está confirmado no Facebook.

Clique aqui para ver como confirmar sua conta de email no Facebook ou complete seu cadastro por aqui.

Entendi
Clicando em "Criar perfil", você aceita os termos de uso do Stoodi.
Tem perfil no Stoodi? Fazer Login