Tenha acesso completo aos conteúdos do Stoodi

Plano de estudos, exercícios, videoaulas, correção de redação e mais!

UFPB 2007

O Império Islâmico, um dos maiores da História, formado a partir da unificação dos árabes (630), orientados pelos princípios da religião monoteísta do Profeta Maomé (falecido em 632), constituiu-se em três fases políticas, durante as quais se fundaram as bases da Civilização Muçulmana. Sobre a caracterização dessas três fases, observe o mapa a seguir.

Considerando as informações apresentadas, analise as afirmativas a seguir.

I. O período dos Califas Piedosos (632-661) foi liderado pela aristocracia árabe, tendo Meca como capital do Império. Nesse período, iniciou-se a expansão para além das fronteiras da Arábia, com a adoção de um modelo de Estado em que, apesar de certa distribuição de terras entre os conquistadores, o principal objetivo era o controle militar e a cobrança de impostos dos povos conquistados.
II. O período dos Omíadas (661- 750), liderado pela aristocracia da Síria, tinha por capital Damasco. Nesse período, as conquistas ampliaram-se até a Península Ibérica e a Índia, com a conversão das populações locais ao Islã. A época também foi marcada pelo surgimento do xiismo, que, com o sunismo, constituem, até hoje, as duas principais correntes de pensamento da civilização muçulmana.
III. O período dos Abássidas (750-1258) foi o último do Império Islâmico unificado, quando, então, se processou, a partir do século X, a descentralização do poder. Essa fase caracterizou-se pelo domínio da aristocracia Persa e por um grande refinamento nos mais diversos aspectos civilizacionais, a exemplo da construção, no Iraque, de uma nova capital, Bagdá.

Está(ão) correta(s):

Escolha uma das alternativas.