Sabe aquela vaga na universidade dos sonhos? Ela pode ser sua!

Matricule-se agora
Vagas abertas para o Extensivo 2022
Pessoa com tinta no rosto e com a palavra 'aprovadx' na testa sorrindo

Banco de Exercícios

Lista de exercícios

Quer colocar o estudo em prática? O Stoodi tem exercícios de Antiguidade Clássica - Roma dos maiores vestibulares do Brasil.

Estude História com esses e mais de 30000 que caíram no ENEM, Fuvest, Unicamp, UFRJ, UNESP e muitos outros vestibulares!

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos

  1. 151

    UEG 2002

    A expressão ditadura no mundo romano tem um sentido totalmente diverso do que lhe atribuímos no mundo moderno. No período republicano, a ditadura era mantida sob um rígido controle constitucional, mas sofreu transformações ao longo de sua história. Acerca dessa experiência política em Roma, é INCORRETO afirmar:

  2. 152

    UFLA 2013

    A fragmentação do Império Romano do Ocidente resultou em um conjunto de reinos germânicos relativamente fracos, sempre em guerra uns contra os outros. Sobre a formação do reino dos Francos e sua consolidação, julgue os itens em V (verdadeiros) ou F (falsos). ( ) A conversão de Clóvis ao catolicismo romano fez com que os grupos francos abandonassem o arianismo e consolidassem politicamente o reino. ( ) Carlos Martel, rei dos francos, tornou-se herói da cristandade ocidental e fez aliança com a Igreja, reforçada por seu filho Pepino. ( ) Carlos Magno deu continuidade à política de Pepino ao expandir o reino e apoiar a Igreja Romana. ( ) Carlos Magno formou um grande império dentro da Europa Ocidental que foi destruído pelas invasões bárbaras no século VII. ( ) Carlos Magno resgatou a cultura carolíngia e a mesclou com o latim e elementos da cultura romana, fazendo oposição ao Império Oriental (Bizantino), que usava o grego. Assinale a opção que apresenta a sequência CORRETA.

  3. 153

    UNAMA 2009

    A partir do texto que se segue e de seus conhecimentos, assinale qual das alternativas abaixo descreve corretamente como eram percebidas a escravidão e as revoltas escravas na Roma antiga.   “Tolere, contudo a desonra das revoltas dos escravos; embora o destino os faça de joguete, trata-se afinal de uma espécie de homens de segunda categoria, dos quais podemos dispor por causa de nossa liberdade”. (Floro, século III. – retirado de Jaime Pinski. 100 textos de história antiga. São Paulo: Contexto, 1988, p. 13).

  4. 154

    UFAM 2009

    Tal como a história dos gregos, também a dos romanos começou pelo desenvolvimento de instituições políticas assentadas na cidade e elaboradas em benefício de uma comunidade de homens livres – os cidadãos – proprietários de terras e que reivindicavam a descendência direta dos fundadores de sua pátria. Em ambos os casos, estes cidadãos privilegiados conseguiram, no momento em que a vida urbana começou ganhar certa amplitude e consistência, eliminar a monarquia (cuja origem se confundia com a própria origem da pátria) dando início a instituições capazes de assegurar o seu domínio. FLORENZANO, M. B. O Mundo Antigo: economia e sociedade. São Paulo: Brasiliense, 1986, p. 56.   O texto aponta que os cidadãos romanos percorreram uma trajetória política singular. Sobre as instituições latinas ao longo deste processo podemos destacar: I. O Senado, instituição mais importante do período republicano, que, no plano legislativo, aprovava as leis votadas nas assembléias, propunha novas leis para serem submetidas ao voto do povo, além de decidir sobre medidas excepcionais, como a de atribuir o poder supremo aos cônsules. II. A Ditadura ou uma magistratura extraordinária, dotada de poderes excepcionais, substitutiva do Império, ao qual se recorria em momentos de particular gravidade. III. O Tribunato da Plebe, cuja função era defender indivíduos e propriedades da plebe e administrar os jogos públicos, sendo o poder dos tribunos derivado do fato de serem invioláveis.

  5. 155

    UNIFESP

    Fomos em busca dos homens fugidos de nosso povoado e descobrimos que cinco deles e suas famílias estavam nas terras de Eulogio, mas os homens deste senhor impediram nos com violência de nos aproximar da entrada do domínio. (Egito romano, em 332 d.C.)   ... os colonos não têm liberdade para abandonar o campo ao qual estão atados por sua condição e seu nascimento. Se dele se afastam em busca de outra casa, devem ser devolvidos, acorrentados e castigados. (Valentiniano, em 371 d.C.)   Os textos permitem entender a

  6. 156

    PUC-SP 1997

    O cristianismo, na sua origem, está repleto de heranças (em geral modificadas) da religião judaica; mas há, também, elementos que não são partilhados por essas duas concepções religiosas. Dentre eles, podemos destacar:

  7. 157

    UFC 2007

    Além do legado lingüístico, principal herança da difusão dos latinos, os romanos influenciaram as culturas da Europa em várias áreas, como o Direito, a Arquitetura, a Urbanização e a Agricultura. A respeito da expansão do Império Romano na Europa, é possível observar que os romanos 

  8. 158

    UEL 2010

    Leia o documento transcrito a seguir: Voltando-se, a partir daí, para a reorganização do Estado, César reformou o calendário [. . . ]. Completou o Senado, criou patrícios, ampliou o número dos pretores, edis, questores e também dos magistrados inferiores; reabilitou os cidadãos cassados por decisão dos censores, ou condenados por crime eleitoral em sentença judicial. Passou a partilhar com o povo as eleições: exceção feita aos que concorriam ao consulado, uma metade dos candidatos às outras magistraturas era eleita por vontade popular, a outra metade ele é que escolhia. [. . . ] Promoveu o recenseamento do povo, não de acordo com o costume e o lugar tradicional, mas por bairros, através dos proprietários das habitações coletivas. Dos trezentos e vinte mil que recebiam trigo do Estado ele os reduziu a cento e cinquenta mil; para que algum dia, em razão do recenseamento, não viessem a ocorrer novos distúrbios, determinou que anualmente, para a vaga dos mortos, fosse feito pelo pretor o sorteio dos que não tinham sido incluídos entre os inscritos. [. . . ] Dissolveu todas as associações, salvo as constituídas desde tempos remotos. Aumentou as penas dos crimes; e como os ricos tinham mais facilidade para delinquir, porque podiam se exilar mantendo seus patrimônios, ele, de acordo com o que escreve Cícero, puniu os assassinos com a perda total dos bens e os demais, com a metade. (Adaptado de: Suetônio, O divino Júlio, 40-42. In: SUETÔNIO e PLUTARCO, Vidas de César, tradução e notas de Antonio da S. Mendonça e Ísis B. da Fonseca. São Paulo: Estação Liberdade, 2007, p. 67-73.) Suetônio descreve, nessa passagem, uma atividade reformadora de uma nova etapa da história romana. Nesse contexto e com base no documento transcrito, analise as afirmativas abaixo quanto à significação dessas reformas: I. A ampliação do número de senadores e de magistrados, a criação de novos patrícios e a reforma do sistema eleitoral revelam o apreço de César pelas tradições republicanas e sua tentativa de restaurá-las. II. O esvaziamento das eleições e a dissolução das associações populares inserem-se no contexto da substituição da política de massa pela política dos favores, centrada em um governo forte e pessoal à maneira helenística. III. O recadastramento do número dos assistidos pelo Estado com direito à alimentação gratuita tinha por objetivo garantir o sustento exclusivo dos mais pobres, para evitar tumultos que poderiam ser causados pelos desocupados. IV. A diminuição do número de assistidos pelo Estado não contestava o direito dos cidadãos a esse privilégio, mas representava um afastamento do programa de distribuição indiscriminada de subsídios, defendida pelos líderes “populares” e reivindicada pela plebe urbana de Roma, como forma de participação nos benefícios das conquistas. Assinale a alternativa correta.

  9. 159

    UNICENTRO 2013

    Apesar da resistência, os romanos não puderam impedir as invasões bárbaras por muito tempo, sendo que estes invadiram os limes romanos por diversos setores territoriais dividindo o Império Romano em ocidental e oriental. A fusão entre a cultura bárbara e romana formou povos católicos com uma cultura mista, o que contribuiu largamente para a formação da Europa. Assinale a alternativa que apresenta os motivos do sucesso das invasões e dominação bárbaras.

  10. 160

    MACKENZIE 2011

    "Quando se percorre a história das repúblicas, vê-se que todas elas foram ingratas com seus concidadãos: mas há menos exemplos disto em Roma do que em Atenas, ou em qualquer outra cidade de governo popular. Se se quiser conhecer a razão, creio que ela está em que os romanos tinham menos motivos do que os atenienses para temer a ambição dos concidadãos." Nicolau Maquiavel, comentários sobre a Primeira Década de Tito Lívio   A partir das conclusões de Maquiavel, pode-se inferir que, em Roma,

  11. 161

    UNIOESTE 2011

    No que concerne a transição do mundo antigo ao mundo medieval, é INCORRETO afirmar que

  12. 162

    UFRGS 2016

    Considere as seguintes afirmações sobre a história do republicanismo no Ocidente.   I - A organização política da República Romana compreendia um corpo de magistrados vitalícios, senadores oriundos da aristocracia com função consultiva, e assembleias populares que constituíam o centro decisório do sistema.   II - O humanismo cívico, na Florença do século XV, ofereceu novas compreensões sobre o ideal republicano, conciliando uma perspectiva de vida pública com a manutenção dos princípios morais da religião cristã.   III- A publicação do Manifesto Republicano, em 1870, no Rio de Janeiro, assinala a primeira manifestação do republicanismo no Brasil.   Quais estão corretas?

  13. 163

    UEL 2010

    Leia o texto a seguir: [Senhor] segui os seguintes procedimentos em relação aos que se me apresentaram como cristãos. Perguntei- lhes, pessoalmente, se eram cristãos. Aos que confessavam, perguntei-lhes duas, três vezes. Os que não voltavam atrás foram executados. Qualquer que fosse o sentido de sua fé, sabia que sua pertinácia e obstinação tinham de ser punidas. Outros, possuidores da cidadania romana, mantiveram-se na loucura e foram enviados para julgamento em Roma. [. . . ] Afixou-se, então, um cartaz, sem assinatura, com um grande número de nomes. Os que negavam serem, ou terem sido, cristãos, se evocassem os deuses, segundo a fórmula que lhes ditava, e se [...] blasfemassem Cristo [...] – considerei apropriado liberar... A questão pareceu-me digna de sua atenção, em particular devido ao grande número de envolvidos. Há muita gente, de toda idade, condição social, de ambos os sexos, que estão ou estarão em perigo. Não apenas nas cidades, como nos vilarejos e nos campos, expande-se o contágio dessa superstição. (Carta de Plínio, o moço, ao imperador Trajano, de 112 d.C. (Cartas 10,96), “Processos contra os cristãos”. In: FUNARI, P. P. A. Antigüidade Clássica. A história e a cultura a partir dos documentos. 2a ed. Campinas: Editora da Unicamp, 2003, p. 91-92.) Essa carta de Plínio, então governador da Bitínia, ao imperador Trajano é um documento importante sobre a natureza e as razões das primeiras perseguições aos cristãos. Com base no documento e nos conhecimentos sobre o tema, considere as seguintes afirmativas: I. Os cristãos eram acusados de perturbar a tranqüilidade social e religiosa, por se mostrarem, aos olhos da maioria pagã, loucos, ímpios e desdenhosos dos deuses e das autoridades. II. O cristianismo, nos tempos de Trajano, era considerado uma ameaça à segurança do Estado romano por se tratar do contágio de um culto estrangeiro, promovido por pobres e escravos. III. Sob o governo do imperador Trajano, o cristianismo já era visto como um grave problema pelo poder central, que se responsabilizava pela promoção da perseguição como uma questão de política deliberada. IV. As primeiras perseguições tinham um caráter essencialmente local, sendo, muitas vezes, promovidas por governadores como Plínio, pressionados pela população local e pelos líderes cívicos. Assinale a alternativa correta.

Gerar PDF da Página

Conteúdo exclusivo para assinantes

Assine um de nossos planos para ter acessos exclusivos e continuar estudando em busca da sua aprovação.

Ver planos